Whatsapp icon Whatsapp

Suástica

A suástica ficou conhecida no Ocidente por sua associação com o nazismo, mas esse símbolo milenar está relacionado também a religiões como o hinduísmo e o budismo.
Suástica budista
Apesar da sua associação com o nazismo, a suástica é um símbolo tradicional do hinduísmo e budismo.

A suástica é um símbolo milenar que ficou muito conhecido na cultura ocidental por sua utilização pelos nazistas no começo do século XX. Trata-se de um símbolo de milhares de anos que foi usado por povos de diversos continentes, representando boa sorte e sendo também amuleto.

O termo suástica provém do sânscrito, significando “bem-estar” ou “boa sorte”. O símbolo era bastante popular na Europa, sendo apropriado por grupos conservadores de extrema-direita, entre os quais o nazismo. Também está presente em algumas religiões, como o budismo e o hinduísmo, mas num sentido positivo e pacífico.

Leia mais: Símbolos Nacionais — representam a união do país, sua soberania e seus valores históricos

Resumo sobre a suástica

  • A suástica é um símbolo milenar que traz uma cruz com as pontas curvadas para direita ou para esquerda.

  • Também conhecida como cruz gamada, foi muito popular na Europa.

  • Tem origem milenar, sendo encontrada em artefatos da Antiguidade.

  • Foi apropriada pelos nazistas, em 1920, sendo utilizada na bandeira da Alemanha.

  • É um símbolo tradicional do budismo e do hinduísmo.

Qual o significado da suástica?

A suástica, também conhecida como cruz gamada, é um símbolo milenar muito tradicional em algumas religiões orientais, entre quais estão o hinduísmo e o budismo. A relação desse símbolo com essas religiões orientais pode ser percebida pela origem do termo suástica. Essa palavra deriva de svastica, que significa “bem-estar” ou “boa sorte”.

A ideia transmitida pela suástica na cultura oriental é positiva e bem diferente daquela que se tem na cultura ocidental. Isso porque, no Ocidente, a suástica ficou associada com o nazismo, partido político de extrema-direita que se apropriou dela, tornando-a símbolo do supremacismo ariano.

A suástica é visualmente uma cruz com as pontas dobradas à esquerda e à direita, sendo, como veremos, um símbolo que se originou há milhares de anos.

Qual a origem da suástica?

A suástica não foi um símbolo inventado pelos nazistas, mas um símbolo tradicional que existia havia milênios e que foi apropriado por eles. Algumas evidências apontam para suásticas de 12 mil anos esculpidas em pedras e marfim. Pesquisadores encontraram suásticas em artefatos no Irã de sete mil anos atrás e na Índia de cinco mil anos atrás.

A suástica, ainda, não era um símbolo encontrado apenas na Ásia, mas foi encontrada em diferentes partes da Europa, como na Escandinávia e nos Bálcãs, na África e também na América. Diferentes povos produziram objetos decorados com ela, como os celtas, gregos, navajos, egípcios, entre outros.

Na Antiguidade, a suástica era um símbolo positivo, uma espécie de amuleto que traria boa sorte e coisas positivas.

Quais foram os usos da suástica na história?

  • Uso na suástica na arte e arquitetura

Ao longo da história, os pesquisadores descobriram uma série de artefatos com representações de suásticas, o que evidencia a presença desse símbolo na arte de povos da Antiguidade. Itens com suásticas, como colares, moedas, selos, tecidos e petróglifos (rochas com imagens esculpidas), de diferentes períodos e povos foram localizados.

Na arquitetura, é bastante comum encontrar suásticas representadas em construções budistas. Nos dois casos (objetos e construções), a suástica é entendida como símbolo auspicioso e relacionado com a boa sorte.

  • Uso da suástica no nazismo

Na cultura ocidental, a suástica ficou muito associada com o nazismo, ideologia radical de extrema-direita que surgiu na Alemanha no começo da década de 1920. A suástica foi transformada em um símbolo do nazismo por Adolf Hitler, tornando-se no emblema mais importante desse partido que governou a Alemanha até 1945.

A suástica era muito popular em toda a Europa, e passou a ser associada especificamente com grupos conservadores de extrema-direita no começo do século XX. O primeiro uso nesse sentido de que se tem registro foi pela Ordem dos Novos Templários, em 1907. Essa apropriação teve origem na ideia que associava os germânicos com os arianos, dando-lhes uma suposta ligação histórica e alimentando uma falsa superioridade ariana.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Na Alemanha, a suástica era chamada de Hakenkreuz e foi transformada no símbolo do nazismo em 1920. Adolf Hitler girou a suástica em 45º graus à direita e a colocou dentro de um círculo branco com um fundo vermelho. A cor da suástica era o preto, e as cores escolhidas aludiam ao Império Alemão.

Em 1933, ano em que os nazistas chegaram ao poder, um decreto decidiu que a bandeira imperial alemã seria hasteada junto da suástica nazista. O governo alemão proibiu que o símbolo fosse usado comercialmente, e, em 1935, anunciou que a bandeira da Alemanha passaria a contar oficialmente com a suástica. Isso se deu por meio da Reichsflaggengesetz, a Lei da Bandeira do Reich.

  • Uso da suástica na religião

Já no campo religioso, a suástica é um símbolo com significado positivo e encontrado no hinduísmo, no budismo, no jainismo e no odinismo. No caso do budismo, ela tinha uma associação com Buda e representava paz e esperança. Atualmente, as suásticas budistas têm sido feitas na direção contrária à do nazismo para evitar más interpretações.

No caso do hinduísmo, o símbolo tem relação com Brama. Nessa religião, se a suástica estiver em sentido horário, representará a evolução do Universo e o Sol, e, se estiver em sentindo anti-horário, representará a involução do Universo e estará relacionada com Shiva.

Leia mais: O que é neonazismo e quais são seus símbolos?

Quais são os usos da suástica na atualidade?

  • Uso da suástica atualmente no Brasil

A suástica é proibida no Brasil em caso de apologia ao nazismo nos termos da lei nº 7.716. Essa lei, inclusive, define pena de reclusão e multa para quem portar suástica com finalidade de apologia ao nazismo. O uso da suástica no âmbito religioso não é proibido no país.

  • Uso da suástica atualmente no mundo

No exterior, sobretudo nos países ocidentais, a suástica é vista de maneira negativa, embora nem todos os países proíbam seu uso. Na Alemanha e em outros países europeus, como a Polônia, a suástica é um símbolo proibido. Tentou-se debater um projeto para proibir a suástica em todos os países da União Europeia, mas ele não avançou.

Nos Estados Unidos, a suástica não é proibida, e as pessoas podem transitar com o símbolo se assim quiserem. Isso acontece porque o país adota o modelo de liberdade de expressão irrestrita, sendo bastante aproveitado por grupos neonazistas, que, eventualmente, fazem aparições públicas com o símbolo como forma de apologia ao nazismo. Na Ásia, o símbolo é visto com normalidade por sua relação com as religiões tradicionais.

Curiosidades sobre a suástica

  • A força aérea finlandesa já teve a suástica como símbolo.

  • A suástica chegou a ser utilizada por soldados do Exército Vermelho.

Fontes

BALAGUER, Esperanza. Por que teremos que nos acostumar a ver suásticas na próxima Olimpíada. Disponível em: https://brasil.elpais.com/icon_design/2020-01-24/por-que-teremos-que-nos-acostumar-a-ver-suasticas-na-proxima-olimpiada.html

CAMPION, Mukti Jain. Como o mundo amava a suástica, até os nazistas se apropriarem do símbolo. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/curiosidades-41793032

EVANS, Richard. J. O Terceiro Reich no Poder. São Paulo: Planeta, 2014.

ENCICLOPÉDIA DO HOLOCAUSTO. A história da suástica. Disponível em: https://encyclopedia.ushmm.org/content/pt-br/article/history-of-the-swastika

PLANALTO. Lei 7716. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l7716.htm

THOUGHTCO. The history of the swastika. Disponível em: https://www.thoughtco.com/the-history-of-the-swastika-1778288

Publicado por Daniel Neves Silva

Artigos Relacionados

Adolf Hitler
Acesse e descubra detalhes da vida de Adolf Hitler, o líder do partido nazista. Entenda como foi a vida do homem responsável pela morte de milhões.
Fascismo
Clique para entender o que é fascismo. Conheça aqui a história desse movimento, as suas características, o que é neofascismo e também a história de ascensão do fascismo italiano.
Ku Klux Klan
Saiba mais sobre a Ku Klux Klan, organização supremacista e terrorista que surgiu na segunda metade do século XIX.
Nazismo
Você sabe o que foi o nazismo? Clique aqui e entenda o que ele foi, como surgiu, onde se encaixava no espectro político e como promoveu o Holocausto.
video icon
Professora ao lado do texto"Aposto".
Português
Aposto
Aposto é o nome que se dá ao elemento sintático que se junta a outro a título de explicação ou de apreciação. Assista a esta videoaula e aprenda um pouco mais sobre o emprego e a classificação desse termo acessório da oração.