Whatsapp icon Whatsapp

Charge

A charge é um texto do campo jornalístico que apresenta elementos verbais e não verbais e tem como principal característica a realização de uma crítica do cotidiano.
Charge que traz uma representação de um homem rico em cima de um carrinho de supermercado sendo puxado por outros homens.
A charge é uma sátira com críticas ácidas de nossa atualidade.

A charge é classificada como um texto que apresenta elementos verbais e não verbais e que tem como intuito fazer uma crítica sobre determinado acontecimento do nosso cotidiano. Por ser um texto do campo jornalístico, ela pode ser encontrada com frequência em jornais, revistas e mídias digitais. Com os avanços tecnológicos, a charge possui produções audiovisuais que mantêm a característica do gênero, isto é, a sátira e a ironia.

Leia também: Artigo de opinião — gênero textual opinativo comum ao universo jornalístico

Resumo sobre charge

  • A charge é um texto híbrido (verbal e não verbal) que tem como principal característica a crítica, de forma irônica ou satirizada, de uma determinada pessoa ou acontecimento de relevância social.

  • Ela apresenta os seguintes elementos característicos: texto híbrido, tons críticos, conexão com a atualidade e texto pertencente ao campo jornalístico.

  • A charge pode ser classificada em charge tradicional, charge eletrônica e videocharge.

  • A charge é um texto ligado aos acontecimentos da atualidade, enquanto o cartum é atemporal.

O que é charge?

De acordo com o Dicionário de gêneros textuais, a charge é uma “palavra de origem francesa que significa carga, ou seja, algo que exagera traços do caráter de alguém ou de algo para torná-lo burlesco ou ridículo”. Assim, a charge é um texto híbrido (verbal e não verbal) que pretende satirizar ou criticar alguém ou algum momento do presente.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Característica e estrutura da charge

A charge apresenta como principal característica a presença de elementos críticos, como a ironia e a sátira, acerca de determinada pessoa ou acontecimento. Sendo assim, ela apresenta um tom reflexivo ao seu leitor. Além disso, a charge é um texto híbrido, pois mistura elementos visuais (imagens) com textos escritos, e está sempre ligada a acontecimentos do momento em que foi elaborada. Em síntese, destacamos os seguintes elementos da charge:

  • texto híbrido (verbal e não verbal);

  • tons críticos (ironia e sátira);

  • conexão com a atualidade (presente);

  • texto do campo jornalístico.

Do ponto de vista estrutural, a charge segue uma composição envolvendo textos escritos e imagens. No Brasil, as charges podem ser encontradas em diversos veículos de comunicação impressos ou digitais. Há alguns jornais e revistas especializados na produção do gênero, como é o caso do brasileiro Pasquim e o francês Charlie Hebdo.

Tipos de charge

A charge pode ser classificada de acordo com o suporte em que ela está inserida. Sendo assim, podemos ter:

  • Charges tradicionais: são aquelas publicadas em jornais e revistas e que seguem a estrutura clássica dos quadrinhos, apresentando balões de fala, enquadramento e demais elementos.

  • Charges eletrônicas: são as charges publicadas exclusivamente em suporte digital e que usam elementos sonoros em sua construção.

  • Videocharges: são as charges transformadas em animações, podendo ser publicadas em suporte digital, televisivo e nas redes sociais.

Leia também: Diferenças entre os gêneros reportagem e notícia

Diferença entre charge e cartum

A charge é um texto que trata de seu tempo, isto é, ao fazer uma crítica social ou política, ela está inserida em uma época e contexto definido. Assim, a sua compreensão depende de um esforço do leitor para entender as condições de produção daquele período, seja acompanhando os noticiários e acontecimentos cotidianos ou por meio de uma pesquisa sobre o ocorrido. Por outro lado, o cartum não depende de uma inserção ou contextualização histórica, tornando-se assim uma crítica atemporal.

Publicado por Rafael Camargo de Oliveira
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Caricatura
Leia este artigo sobre a caricatura, um gênero discursivo não verbal por meio do qual são evidenciadas as características marcantes de seres e objetos.
Gêneros Jornalísticos
Saiba mais sobre a notícia, a crônica e o editorial!
Gêneros textuais
Linguagem e comunicação: Conheça as características e a origem dos gêneros textuais.
História em quadrinhos
Conheça a origem das histórias em quadrinhos. Aprenda quais são as suas características estruturais e as possíveis temáticas a serem abordadas nelas.
Linguagem verbal, não verbal e mista
Saiba o que é linguagem verbal, linguagem não verbal e linguagem mista. Veja também a resolução de exercícios envolvendo essas formas de linguagem.
Os Diferentes Textos Humorísticos
Charges - Tiras Humorísticas - Anedotas.
video icon
Texto"Matemática do Zero | Número de diagonais de um polígono convexo" em fundo azul.
Matemática do Zero
Matemática do Zero | Número de diagonais de um polígono convexo
Nessa aula demonstrarei a fórmula do número de diagonais de um polígono convexo e resolveremos questões modelo.