Whatsapp icon Whatsapp

Folia de Reis

Folia de Reis é uma festa celebrada pela Igreja Católica como forma de comemorar a visita dos três reis magos a Jesus, feita após seu nascimento.
Grupo musical (reisado) na Folia de Reis.
A festividade de Folia de Reis tem como uma de suas características a visita de grupos musicais à casa das pessoas. [1]

A Folia de Reis é parte das festas folclóricas brasileiras e é celebrada no período de 24 de dezembro, véspera do nascimento de Jesus, a 6 de janeiro, Dia de Reis. Nessa data, inclusive, costuma-se desmontar a árvore de Natal.

Conhecida também como Festa de Santos Reis ou ainda Reisada, a tradição da Folia de Reis é mais comum nos estados brasileiros do Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo e Goiás.

Leia também: Por que o Natal é comemorado no dia 25 de dezembro?

Origem da Folia de Reis

A história da origem da Folia de Reis está associada a uma tradição cristã, vinda de Portugal e Espanha e trazida ao Brasil no século XIX.

É celebrada pela Igreja Católica como forma de comemoração à visita dos três reis magos ao menino Jesus e costuma ter duração de 12 dias. Os três reis magos, chamados Gaspar, Melchior (ou Belchior) e Baltazar teriam avistado no céu a estrela de Belém e então foram ao encontro de Jesus levando incenso, ouro e mirra para presenteá-lo.

Os presentes levados ao menino Jesus possuem simbologia, já que o ouro representava a realeza, o incenso representava a divindade ou a fé e a mirra representava a imortalidade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Características da Folia de Reis

Na maioria das vezes, a festividade de Folia de Reis ocorre com a visita do grupo do festejo à casa das pessoas. Os moradores que recebem a visita da Folia de Reis ofertam comidas e prendas. Os integrantes agradecem e logo seguem para o próximo destino, passando pelas ruas da cidade.

Na ocasião, são cantadas e tocadas músicas que relembram a visita dos três reis magos ao menino Jesus, sendo feito o uso de instrumentos como viola, acordeão, reco-reco, violão, tambor, pandeiro, caixa e bumbo. Além disso, são realizadas danças em celebração ao nascimento de Jesus e o seu encontro com os três reis magos.

O grupo que faz parte da Folia de Reis é constituído por um mestre ou embaixador, um contramestre, os três reis magos, os palhaços, os alfeires e os foliões. Há também a possibilidade de haver desfiles de grupos dedicados ao festejo pelas ruas.

Grupo musical desfilando pela cidade na Folia de Reis. [2]
Grupo musical desfilando pela cidade na Folia de Reis. [2]

Em alguns locais, os grupos de Folia de Reis também podem ser chamados de Ternos de Reis. Os integrantes dos grupos usam fantasias coloridas, dançam e tocam músicas típicas. Todo grupo tem a sua própria bandeira ou estandarte.

Após a festividade, costuma-se celebrar uma missa. Em algumas regiões, há barraquinhas espalhadas pela cidade com comidas, bebidas e lembrancinhas. As comidas típicas, músicas, brincadeiras e danças variam conforme o local onde a Folia de Reis acontece, de acordo com os costumes de onde acontece o festejo.

Uma curiosidade sobre a Folia de Reis é que no ano de 2017, o Conselho Estadual de Patrimônio de Minas Gerais declarou a festividade como patrimônio imaterial do estado.

Veja também: Bumba meu boi — uma manifestação artística e popular do folclore brasileiro

Folia de Reis pelo mundo

Outros lugares no mundo também celebram a Folia de Reis. Por exemplo, na Europa alguns países consideram a festividade mais importante do que o próprio Natal. Nesses locais, as trocas de presentes e a montagem do presépio acontecem no dia 6 de janeiro, dia de Santos Reis.

Desfile “Cabalgata de los Reyes Magos”, na Espanha, outra forma de comemoração da tradicional Folia de Reis.
Desfile Cabalgata de los Reyes Magos, na Espanha. [3]

Na Espanha, há o tradicional desfile Cabalgata de los Reyes Magos, que acontece em 5 de janeiro, com carros alegóricos que desfilam com pessoas fantasiadas e jogam balas para as crianças. E no dia 6 de janeiro, é feriado nacional no país. Já na Itália, a festa é conhecida como Befana.  

Créditos de imagem

[1] Paulo Nabas / Shutterstock

[2] Wikimedia Commons (reprodução)

[3] BearFotos / Shutterstock

Publicado por Érica Caetano

Artigos Relacionados

Festa Junina
Clique aqui e saiba o que é a Festa Junina. Conheça sua origem, seu significado, suas datas e suas principais características.
História da Páscoa
Acesse este link do Mundo Educação e tenha acesso a informações sobre os diferentes significados da Páscoa, seja em sua tradição judaica e relacionada à história dos hebreus, seja em sua tradição cristã, relacionada diretamente com a vida de Cristo, além de conhecer algumas influências de outros povos na Páscoa.
Natal
Saiba mais detalhes sobre o Natal: entenda por que foi escolhido o dia 25 de dezembro e conheça a história de alguns símbolos natalinos.
Reis magos
Clique e saiba mais sobre os reis magos. Saiba o que a Bíblia diz sobre eles e o que os historiadores conseguiram descobrir sobre as origens e os nomes dos reis magos.
video icon
Professor ao lado do escrito "Qual a diferença entre discurso e texto?".
Português
Qual a diferença entre discurso e texto?
Todo texto é um discurso. Mas e o contrário? Todo discurso é um texto? Nesta aula vamos acabar de vez com essa confusão e deixar bem claro quem é quem no universo textual.