Whatsapp icon Whatsapp

Belo Horizonte

Belo Horizonte foi planejada com o objetivo de tornar-se a capital do estado de Minas Gerais. Está situada nos mares de morros, típicos da paisagem mineira.
Bandeira de Belo Horizonte.
Bandeira de Belo Horizonte.

Belo Horizonte é a capital do estado de Minas Gerais. Está localizada na porção central do território mineiro, em uma zona de relevo acidentado e de clima Tropical típico. O município de Belo Horizonte foi planejado, ou seja, foi construído conforme preceitos urbanísticos particulares.

A história do município foi transformada pela escolha da transferência da capital mineira, de Ouro Preto para a atual cidade de Belo Horizonte. Atualmente, a cidade conta com cerca de 2,5 milhões de habitantes. O município é um dos principais centros econômicos do Brasil.

A sua forma de governo está alicerçada na divisão entre Três Poderes. A infraestrutura municipal é muito moderna. A cidade Belo Horizonte é um polo das atividades culturais brasileiras, com grande importância no cenário artístico nacional.

Leia também: Quais são as capitais dos estados brasileiros?

Resumo sobre Belo Horizonte

  • A cidade de Belo Horizonte foi projetada pelo engenheiro Aarão Reis, com o objetivo de tornar-se a capital de Minas Gerais. Ela foi oficialmente fundada em 1897.

  • O sítio urbano municipal está assentado na região de serra do Curral, uma formação geomorfológica característica do relevo acidentado presente no interior mineiro.

  • A população belo-horizontina é formada por cerca de 2,5 milhões de habitantes. O município é o sexto em população do Brasil.

  • A economia de Belo Horizonte está ancorada nos setores secundário e terciário. A cidade vem atraindo muitas empresas de tecnologia de ponta.

  • A cidade de Belo Horizonte é formada por 487 bairros, dispostos em nove administrações regionais.

  • O município possui uma moderna infraestrutura urbana. Em razão das ruas arborizadas e do grande volume de parques, é conhecido como Cidade Jardim.

  • A capital mineira é conhecida também como a Capital Nacional dos Botecos, em razão do grande número de bares existente na cidade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dados gerais de Belo Horizonte

Localização

  • País: Brasil

  • Unidade federativa: Minas Gerais

  • Região intermediária: Belo Horizonte

  • Região imediata: Belo Horizonte

  • Região metropolitana: Região metropolitana de Belo Horizonte

  • Municípios limítrofes: Vespasiano, Ribeirão das Neves, Contagem, Ibirité, Brumadinho, Nova Lima, Sabará e Santa Luzia

Geografia

  • Área total: 331,354 quilômetros quadrados

  • População total: 2.521.564 habitantes

  • Densidade demográfica: 7.167 habitantes/quilômetro quadrado

  • Gentílico: belo-horizontino

  • Clima: Tropical

  • Altitude: 850 metros

  • Fuso horário: UTC -3

Histórico

  • Fundação: 12 de dezembro de 1897

História de Belo Horizonte

O atual território de Belo Horizonte foi ocupado por bandeirantes, que desbravavam a região central mineira em busca de reservas minerais. A região escolhida foi a serra do Curral, em razão do seu clima aprazível e da disponibilidade de água. O pequeno agrupamento urbano no entorno da serra foi crescendo com a chegada de novos bandeirantes, que praticavam atividades de subsistência na região. Com o aumento da população, foi criado o povoado de Curral del Rei.

A história desse pequeno povoado isolado nas montanhas de Minas Gerais mudou drasticamente a partir da Proclamação da República no Brasil (1889). O governo do estado de Minas Gerais, cuja capital era Ouro Preto, optou por construir uma nova capital estadual, conforme os novos ideias de crescimento econômico trazidos pelo republicanismo.

Desse modo, em 1893, as autoridades mineiras decretaram a mudança da capital para a região do povoado de Curral del Rei, já chamado de Belo Horizonte pelos moradores locais. A escolha da região da serra do Curral se deu em razão do sítio geográfico que possuía condições adequadas para o desenvolvimento de uma grande cidade, além da disponibilidade de recursos hídricos e da posição de centralidade da nova capital no território de Minas Gerais.

Vista da serra do Curral em Belo Horizonte, Minas Gerais.
A serra do Curral é vista de vários pontos da cidade de Belo Horizonte, sendo um dos símbolos da capital mineira. [1]

A nova capital de Minas Gerais, projetada pela engenheiro Aarão Reis, foi fundada em 1897, por meio da implementação de um moderno projeto de planejamento urbano, que primava pela construção de grandes avenidas, ruas arborizadas e bairros planejados. Sendo assim, houve uma total transformação do território do antigo povoado de Curral del Rei em um centro urbano moderno e arrojado.

Desde então, a cidade de Belo Horizonte registrou um grande crescimento econômico e demográfico, calcado pela industrialização e pelo desenvolvimento de atividades de comércio e serviços. A expansão urbana avançou muito além das zonas planejadas da cidade, criando um cenário de crescimento desordenado. Além disso, houve a criação de vários municípios ao redor de Belo Horizonte, terceira maior região metropolitana em população do Brasil.

Veja também: Mineração – atividade econômica muito importante na história de Minas Gerais

Geografia de Belo Horizonte

A cidade de Belo Horizonte está localizada na porção central do estado de Minas Gerais. O município está assentado ao longo da serra do Curral, formação geomorfológica marcada pelas elevadas altitudes. O relevo da cidade é declivoso, típico dos domínios de mares de morros, que caracterizam parte do território mineiro. As altitudes médias da cidade giram em torno de 850 metros, sendo o ponto mais elevado do município a serra do Curral, com elevação máxima de 1506 metros.

O território belo-horizontino está inserido na bacia hidrográfica do rio São Francisco, um dos mais importantes cursos de água do Brasil. Contudo, a cidade não possui nenhum grande rio no seu território. Os principais cursos de água de Belo Horizonte são os ribeirões Arrudas e Onça.

O município possui um clima Tropical típico, com duas estações bem definidas, uma mais quente e úmida e outra mais amena e seca. Contudo, o clima da cidade possui grandes interferências da intensa urbanização, que alteram as condições climáticas locais.

A vegetação de Belo Horizonte é composta por uma mescla de tipos vegetacionais que formam uma zona de transição entre a Mata Atlântica e o Cerrado. Há, ainda, a presença de campos rupestres e campos de altitude no município. A expansão urbana culminou quase que na total remoção da vegetação nativa belo-horizontina. No entanto, a cidade conta com vários parques ambientais, que preservam parte da vegetação original local.

Mapa de Belo Horizonte

Demografia de Belo Horizonte

A cidade de Belo Horizonte é o sexto município mais populoso do Brasil. Já quando comparada às regiões metropolitanas nacionais, Belo Horizonte é a terceira mais populosa do país. Em um contexto regional, é a terceira cidade mais populosa da região Sudeste, logo depois de São Paulo e Rio de Janeiro, sendo o maior município em população do estado de Minas Gerais. A população atual da cidade é de cerca de 2,5 milhões de habitantes.

A expansão urbana belo-horizontina foi uma das mais fortes já verificadas nas cidades brasileiras. O crescimento do município foi calcado no processo de êxodo rural e da industrialização das grandes cidades do país. O município é composto totalmente por zona urbana. A escassez de terras disponíveis provocou, inclusive, o aumento do processo de verticalização da cidade. Ademais, Belo Horizonte é extremamente conurbada, com vários municípios que compõem a sua região metropolitana.

Sua população desfruta de alto nível de desenvolvimento humano. O município possui uma economia dinâmica e uma centralidade política que atrai fluxos populacionais, em especial, do interior mineiro. No entanto, como comum aos grandes centros brasileiros, a cidade é marcada pela grande desigualdade social entre a sua população. Além disso, o crescimento exacerbado da cidade gerou a formação de ocupações irregulares nas áreas periféricas do município.

Leia também: Características e distribuição da população mundial

Economia de Belo Horizonte

A economia de Belo Horizonte é extremamente dinâmica e diversificada. O município é o principal polo econômico de Minas Gerais e frequentemente apontado como a terceira maior cidade em importância econômica do país.

Os setores secundário e terciário são os principais da economia belo-horizontina. A indústria local é composta por empresas de informática, telecomunicações, eletrodomésticos e alimentícia. A região metropolitana de Belo Horizonte é uma das principais zonas industriais do Brasil, com plantas fabris de grande porte, como petroquímicas, metalúrgicas e automobilísticas.

O município conta, ainda, com empresas do ramo da tecnologia da informação e comunicação e também da área de economia criativa. Já as principais atividades terciárias são o comércio e os serviços. Em Belo Horizonte, estão instaladas várias sedes de empresas importantes do Brasil. Ademais, a cidade conta com uma grande oferta de serviços nas mais diferentes áreas. O turismo também é ramo econômico importante para Belo Horizonte.

Em contraposição aos demais setores, a atividade primária é praticamente inexistente na cidade, com exceção das mineradoras, que atuam nas zonas serranas do município.

Foto da Lagoa da Pampulha em Belo Horizonte, Minas Gerais.
A Lagoa da Pampulha é um dos pontos turísticos de Belo Horizonte. [2]

Infraestrutura de Belo Horizonte

A cidade de Belo Horizonte conta com uma das melhores infraestruturas urbanas do Brasil. O município é reconhecimento nacionalmente pela modernidade das suas instalações urbanísticas, assim como pela ampla oferta de serviços para a sua população. O território municipal é atendido, em quase a sua totalidade, por redes de abastecimento de água, esgoto e energia. Há, além disso, uma robusta rede de atendimento público e privado em saúde e educação para a população local.

A cidade de Belo Horizonte é um dos principais centros universitários do país e conta com mais de 50 instituições de Ensino Superior. O município dispõe de um conjunto de vários modais de transporte rodoviário, ferroviário e metroviário, além de ciclovias e vias exclusivas para transporte coletivo. O principal aeroporto de Minas Gerais, o Aeroporto Internacional de Confins, fica na região metropolitana da capital mineira. A cidade conta também com muitos parques urbanos e vastas áreas de lazer para a população.

Em termos administrativos, a cidade de Belo Horizonte está dividida em nove administrações regionais (Barreiro, Centro-Sul, Leste, Nordeste, Noroeste, Norte, Oeste, Pampulha e Venda Nova). Essas regiões estão divididas em 487 bairros. A cidade de Belo Horizonte foi planejada com base em preceitos urbanísticos de eficiência. Entretanto, o crescimento urbano exacerbado não respeitou as diretrizes impostas pelo planejamento urbano local.

Desse modo, a expansão urbana culminou no crescimento de ocupações irregulares. Ademais, esse processo é desafiador para o atendimento de serviços públicos para toda a população, em razão da dificuldade de cobertura das redes de atendimento público municipal.

Governo de Belo Horizonte

A cidade de Belo Horizonte possui uma forma de governo calcada na divisão entre Três Poderes. Portanto, a sua administração pública está dividida entre os poderes Judiciário, Executivo e Legislativo. O sistema judicial é formado pelas unidades de justiça locais; já o prefeito e sua equipe são os representantes do Executivo; e, por fim, o Legislativo é composto pelos 41 vereadores municipais.

Cultura de Belo Horizonte

A cidade de Belo Horizonte é um dos principais centros culturais do Brasil. O município foi berço de movimentos pioneiros da cultura brasileira, como na arquitetura e na literatura. A cidade conta com vários edifícios modernistas. O Conjunto Arquitetônico da Pampulha, por exemplo, é um Patrimônio Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

A literatura da cidade é marcada por poetas importantes, assim como escritores, que descreveram o cotidiano belo-horizontino em suas obras. A música local é caracterizada por gêneros como o rock e o sertanejo, além da música erudita e da música popular brasileira.

Já nas artes visuais, destacam-se as obras urbanas, como os grafites espalhados pelos prédios e muros da cidade. A cultura de Belo Horizonte está expressa, ainda, nos importantes equipamentos culturais locais, como o Circuito Cultural Praça da Liberdade, o Museu de Arte da Pampulha, o Museu de Artes e Ofícios e o Mercado Central. A cidade também realiza vários festivais internacionais de teatro, literatura e arte contemporânea.

A principal festividade de Belo Horizonte é o Carnaval, conhecido como um dos melhores carnavais do Brasil. A cidade conta também com várias opções de entretenimento noturno, sendo conhecida como a Capital Nacional dos Botecos. A comida belo-horizontina é a expressão típica da culinária mineira, composta por pratos como o pão de queijo, feijão-tropeiro e frango com quiabo.

No esporte, destacam-se o futebol e o voleibol. A cidade de Belo Horizonte possui times de expressão nacional em vários esportes coletivos. As práticas esportivas nos parques da cidade também são uma atividade do cotidiano dos belo-horizontinos.

Créditos das imagens

[1] ROGERIO ARAUJO / Shutterstock

[2] Antonio Salaverry / Shutterstock

Publicado por Mateus Campos

Artigos Relacionados

Capitais do Brasil
Quais são as capitais mais ricas do Brasil? E as mais populosas? Conheça as capitais dos estados e leia a história dos municípios que foram sede do governo federal.
Cidade de São Paulo
Clique aqui e saiba mais sobre a cidade de São Paulo. Conheça seus principais aspectos geográficos, economia, população e um pouco da cultura da capital paulista.
Bandeira de Curitiba.
Curitiba
Saiba mais sobre as principais características da cidade de Curitiba. Veja aspectos relacionados à geografia, à economia e à infraestrutura da capital paranaense.
Minas Gerais
Clique aqui e saiba mais sobre a história do estado de Minas Gerais. Conheça também seus principais aspectos naturais, econômicos e culturais.
Bandeira do Rio de Janeiro.
Rio de Janeiro
Conheça as principais características geográficas do Rio de Janeiro. Veja mais sobre os principais dados demográficos, econômicos e culturais da Cidade Maravilhosa.
Bandeira de Salvador
Salvador
Saiba mais sobre a história da cidade de Salvador. Veja quais são os principais aspectos geográficos da cidade e exemplos da riqueza cultural soteropolitana.
Bandeira de Vitória
Vitória
Conheça o processo histórico de fundação do município de Vitória e características geográficas dessa cidade, que é banhada pelo Oceano Atlântico.
video icon
Português
Preconceito Linguístico no Enem
O preconceito linguístico ocorre porque algumas pessoas não entendem que a fala é um aspecto linguístico que funciona como a impressão digital da língua. Por esse motivo, há muitas variações linguísticas que interferem em como as pessoas pronunciam certas palavras. Saiba mais assistindo à nossa videoaula sobre o tema.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.