Whatsapp icon Whatsapp

O que é apagão?

Apagão é um termo que designa uma interrupção temporária no abastecimento de energia elétrica. Esse problema pode ser causado por questões estruturais ou meteorológicas.
Jovem estudando à luz de velas como consequência de um apagão.
Um apagão causa vários problemas no cotidiano da população.

Você sabe o que é um apagão? Apagão (ou blecaute) é uma interrupção temporária de energia elétrica. Esse tipo de evento pode acontecer em razão de problemas estruturais ou meteorológicos. As suas causas vão desde questões de infraestrutura até ações de vandalismo. Os apagões causam diferentes problemas econômicos e impactam no cotidiano das populações. O aumento do investimento em geração e distribuição de energia é fundamental para evitá-los.

O Brasil registra cortes de energia com certa frequência. As causas dos apagões no Brasil estão especialmente atreladas à ocorrência de tempestades e à infraestrutura precária das instalações elétricas.

Leia também: Afinal, como é feita a cobrança da energia elétrica?

Resumo sobre apagão

  • Apagão (ou blecaute) é uma interrupção temporária do abastecimento de energia elétrica para parte da população de uma localidade.

  • Esse corte de energia está atrelado às questões estruturais, como sobrecarga do sistema elétrico, e/ou naturais, como a ocorrência de tempestades.

  • Os apagões geram impactos importantes, tanto no cotidiano da população quanto no desenvolvimento das atividades produtivas.

  • A ocorrência de apagões no Brasil ainda é bastante comum em razão de problemas estruturais e eventos climáticos.

  • A evitação de um apagão passa especialmente pelo aumento do investimento em geração e distribuição de energia.

  • Os apagões em nível mundial ocorrem especialmente por questões como sobrecarga de energia e eventos climáticos diversos.

O que é apagão?

O apagão (ou blecaute) é uma interrupção temporária do abastecimento de energia elétrica de determinadas localidades. Ele ocorre em razão de problemas estruturais ou meteorológicos. Tem o potencial de causar grandes prejuízos para as atividades econômicas e para a população em geral.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Principais causas dos apagões

Um apagão pode ter causas variadas e, no geral, está atrelado às questões estruturais ou, ainda, naturais. Em relação aos problemas estruturais, destacam-se como causas dos apagões a sobrecarga do sistema elétrico, a falta de manutenção dos equipamentos, a carência de substituição dos equipamentos e a ausência de investimentos em abastecimento de energia.

Já em relação aos problemas naturais, ressalta-se especialmente questões meteorológicas, como chuvas fortes, ocorrência de raios, ventanias e quedas de árvores. Atos de vandalismo também são uma das causas dos apagões.

Poste de energia caído em uma rua asfaltada como exemplo de uma das causas de um apagão.
As chuvas causam diversos danos aos sistemas de energia, podendo levar a apagões.

Consequências dos apagões

Os apagões geram impactos importantes, tanto no cotidiano da população quanto nas atividades produtivas. Os pontos abaixo mencionam algumas das principais consequências deles:

  • prejuízo econômico, especialmente em setores como o comércio e a indústria;

  • desligamento de sistemas de comunicação, como a telefonia e a internet;

  • interrupção de sistemas e equipamentos de transporte, como semáforos e metrôs;

  • diminuição da oferta de serviços públicos que dependem do abastecimento de energia;

  • perda de materiais que precisam de refrigeração, como carnes e lácteos.

Como evitar os apagões?

Imagem com várias fontes de energia, cuja combinação é uma forma de evitar a ocorrência de apagões.
A diversificação elétrica permite evitar a ocorrência de apagões.

A evitação de um apagão passa especialmente pelo aumento do investimento em geração e distribuição de energia. Além do investimento em equipamentos e profissionais qualificados, torna-se fundamental a diversificação da matriz elétrica, o aumento da fiscalização do setor energético, a modernização das linhas de transmissão e o consumo sustentável das fontes de energia.

Apagões no Brasil

A ocorrência de apagões no Brasil ainda é bastante comum, cenário fruto da falta de investimentos dos setores público e privado em abastecimento de energia, além de resultado de eventos como tempestades. Nesse contexto, destaca-se ainda que muitos dos apagões no Brasil são resultado da sobrecarga do sistema elétrico, muitas vezes apontada como fruto da ausência de infraestruturas adequadas de energia. Ainda, o território brasileiro registra muitos apagões de causas naturais, considerando que no país há forte ocorrência de tempestades anuais.

Ademais, outro fator importante para a ocorrência de apagões no Brasil é a dependência da hidroeletricidade, ou seja, da energia elétrica gerada pela água, que enfrenta problemas em cenários naturais, como de uma crise hídrica.

Veja também: Apagão de 2001 — um período de grave crise energética do Brasil

Quais foram os maiores apagões registrados no mundo?

Os apagões em nível mundial ocorrem especialmente por questões como sobrecarga de energia, eventos naturais e, até mesmo, ações de vandalismo e de conflitos bélicos. Alguns dos maiores apagões que ocorreram na história em nível mundial foram os seguintes:

  • 2003 – Itália: Um blecaute, em razão de danos causados por tempestades, deixou a maior parte da população italiana sem energia, especialmente na porção continental do país.

  • 2003 – Estados Unidos e Canadá: Um apagão, devido a falhas múltiplas nos sistemas de transmissão, atingiu partes muito povoadas dos territórios estadunidense e canadense.

  • 2007 – Colômbia: Um blecaute histórico deixou a maior parte da população colombiana sem luz, impactando as atividades cotidianas e econômicas do país.

  • 2009 e 2010 – Brasil: Um apagão registrado na maior parte dos estados brasileiros deixou a população do país sem luz por um longo período.

  • 2012 – Índia: Um blecaute atingiu milhões de indianos em razão de diversos problemas no sistema de geração e distribuição de energia do país.

Fontes

BARBOSA, V. 5 mega apagões de energia pelo mundo. Exame, 2012. Disponível em: https://exame.com/mundo/5-megablecautes-historicos-de-energia-pelo-mundo/.

BERGAMINI, C. As crises de energia no Brasil e os caminhos da transição para uma economia de baixo carbono. Com Ciência, 2022. Disponível em: https://www.comciencia.br/as-crises-de-energia-no-brasil-e-os-caminhos-da-transicao-energetica-para-uma-economia-de-baixo-carbono/.

SCHREIBER, M. Os fatores que fazem disparar risco de apagão no Brasil. BBC, 2021. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-58618347.

Publicado por Mateus Campos

Artigos Relacionados

Energia eólica
Saiba mais sobre as características da fonte eólica de energia. Veja as principais vantagens e desvantagens dessa fonte energética produzida pelo vento.
Energia hidrelétrica
Saiba mais sobre a energia hidrelétrica. Conheça as principais vantagens e desvantagens da instalação e do funcionamento das hidrelétricas.
Energia solar
Saiba como funciona a produção de energia solar. Aprenda sobre as vantagens e desvantagens dessa fonte de energia que cresce de forma ampla no mundo.
Fontes alternativas de energia
Saiba mais sobre as fontes alternativas de energia. Veja quais são as vantagens do uso de energias alternativas e por que elas causam pouco impacto ao meio ambiente.
Fontes de energia
Clique e veja o que são fontes de energia, quais são elas, e o que é energia renovável e energia não renovável. Entenda as vantagens e desvantagens do seu uso.
Fontes renováveis de energia
Aprenda um pouco mais sobre as fontes renováveis de energia, que representam opções alternativas à matriz energética baseada no uso de combustíveis fósseis, utilizada no mundo todo. As fontes renováveis de energia causam menos danos ao meio ambiente, porém seu uso requer tecnologias que o viabilizem.
Matriz energética brasileira
Saiba mais sobre a matriz energética brasileira, que representa o conjunto de fontes de energia utilizadas no país para suprir sua demanda de produção energética. O texto a seguir irá ajudá-lo a compreender como é composta a matriz energética no Brasil, quais são as principais fontes de energia usadas e como elas são distribuídas.
video icon
Professor ao lado do escrito "Qual a diferença entre discurso e texto?".
Português
Qual a diferença entre discurso e texto?
Todo texto é um discurso. Mas e o contrário? Todo discurso é um texto? Nesta aula vamos acabar de vez com essa confusão e deixar bem claro quem é quem no universo textual.