Whatsapp icon Whatsapp

Com certeza ou concerteza?

Há diferença entre “com certeza” e “com certeza”: a primeira é uma locução adverbial, a segunda não existe na língua portuguesa. Assim, o certo é escrever “com certeza”.
As palavras “com certeza” e “concerteza” escritas em uma lousa branca.
A palavra “concerteza” não existe na língua portuguesa, portanto, o certo é escrever “com certeza”.

 Com certeza ou concerteza? Essa é uma dúvida comum para quem escreve. No entanto, a palavra “concerteza” não existe na língua portuguesa. O correto, portanto, é utilizar a locução adverbial “com certeza” para fazer uma afirmação, mostrar concordância com algo e, excepcionalmente, indicar uma probabilidade.

Leia também: Enfim ou em fim — ambas existem, mas você sabe quando usá-las?

Resumo sobre “com certeza” ou “concerteza”

  • O termo “concerteza” não é uma palavra existente na língua portuguesa.

  • A expressão “com certeza” é uma locução adverbial de afirmação.

  • “Decerto” e “realmente” são sinônimos de “com certeza”.

  • “Possivelmente” e “talvez” são antônimos de “com certeza”.

Com certeza ou concerteza: qual o correto?

O vocábulo “concerteza” não é uma palavra existente na língua portuguesa. Portanto, o correto é utilizar a locução adverbial “com certeza”:

Com certeza, Armando sabe quem cometeu o crime.

Posso dizer, com certeza, quem passou o trote ontem à noite.

Judite vai chegar amanhã, com certeza.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Qual o significado de “com certeza”?

A expressão “com certeza” é uma locução adverbial de afirmação e, portanto, invariável. Assim, é utilizada, principalmente, no ato de afirmar, asseverar, não deixar margens à dúvida.

Veja também: Em vez de e ao invés de — essas expressões são sinônimas?

Quando usar “com certeza”?

  • Para fazer uma afirmação ou indicar certeza:

Com certeza, vai haver concurso público este ano.

  • Para indicar uma probabilidade:

Carlito não entrou nas redes sociais hoje, com certeza está sem crédito no celular.

  • Para indicar concordância com algo, de forma enfática:

— Alexandre é bonito, não é?

— Com certeza!

Sinônimos do “com certeza”

  • Decerto

  • Decididamente

  • Deveras

  • Naturalmente

  • Realmente

  • Seguramente

  • Sem dúvida

  • Terminantemente

  • Verdadeiramente

Antônimos do “com certeza”

  • Porventura

  • Possivelmente

  • Potencialmente

  • Provavelmente

  • Quiçá

  • Talvez

  • Virtualmente

Saiba mais: Exceção ou excessão — qual é a grafia correta?

Exercícios resolvidos sobre “com certeza” ou “concerteza”

Questão 01

Analise os enunciados abaixo e marque a alternativa que apresenta um sinônimo da locução adverbial de afirmação “com certeza”.

a) Indubitavelmente, o preço desse remédio vai subir amanhã.

b) Possivelmente, teremos uma diminuição da taxa de mortalidade.

c) Veremos o filme Barbie, caso você queira ir ao cinema comigo.

d) Podemos, eventualmente, convidar nossos pais para jantar.

e) Presumivelmente, vamos considerar a possibilidade de fraude.

Resolução:

Alternativa “a”

O advérbio “indubitavelmente” (o mesmo que “incontestavelmente” e “indiscutivelmente”) é um sinônimo da locução adverbial de afirmação “com certeza”.

Questão 02

Assinale a alternativa em que a locução adverbial “com certeza” foge do seu sentido habitual para indicar uma probabilidade.

a) Com certeza, te amo mais do que já amei a qualquer outra pessoa.

b) Com certeza, esta sua macarronada é a melhor que já comi até hoje.

c) Deise ainda não chegou, com certeza está presa em algum engarrafamento.

d) Posso dizer, com certeza, que ele não cometeu esse crime de que o acusam.

e) Acabo de verificar o termômetro e, com certeza, estou com febre.

Resolução:

Alternativa “c”

O enunciador da frase “Deise ainda não chegou, com certeza está presa em algum engarrafamento” está expressando uma probabilidade. Afinal, ele está supondo o motivo de Deise ainda não ter chegado.

Fontes:

CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima gramática da língua portuguesa. 45. ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2002.

CERTEZA. In: AULETE DIGITAL. Disponível em: https://aulete.com.br/certeza.

NICOLA, José de; INFANTE, Ulisses. Gramática contemporânea da língua portuguesa. 9. ed. São Paulo: Scipione, 1992. 

Publicado por Warley Souza

Artigos Relacionados

Afim ou a fim de?
Com usar? Clique aqui e saiba mais sobre os significados e formas de emprego!
Companhia ou compania?
Companhia ou compania? Bateu a dúvida? Clique e descubra a resposta!
Em vez de ou ao invés de?
Em vez de ou ao invés de? Clique aqui e entenda quando essas expressões podem ser substituídas uma pela outra e quando não podem ser confundidas.
Embaixo ou em baixo?
Dúvidas de vocabulário: Embaixo ou em baixo? Clique e confira a resposta para essa pergunta!
Enfim ou em fim?
Enfim ou em fim ainda confundem você? Aprenda como usar esses termos adequadamente para não mudar o sentido do que se pretende dizer.
Exceção ou excessão?
Exceção ou excessão? Clique aqui e descubra se a grafia correta da palavra é “exceção”, com Ç, ou “excessão”, com duas letras S.
Leem ou lêem?
Afinal, qual é a grafia certa, leem ou lêem? Clique e confira o que mudou com o Novo Acordo Ortográfico!
Paronímia
Descubra mais sobre a relação entre as palavras parônimas e veja exemplos. Entenda melhor a diferença entre palavras parônimas, homônimas e sinônimas.
Parônimos e Homônimos
Você sabe o que são parônimos e homônimos? Clique aqui e descubra!
Sob ou sobre?
Sob ou sobre? Clique aqui e entenda a diferença entre as palavras “sob” e “sobre”. Descubra como e quando usar cada uma delas.
Tem a ver ou tem haver?
Tem a ver ou tem haver? Clique aqui, descubra qual é a forma correta de escrever essa expressão e veja exemplos de uso.
Ter que ou ter de?
Ter que ou ter de? Clique e descubra a resposta para essa dúvida da língua portuguesa!
À custa de ou às custas de?
À custa de ou às custas de? Qual é a forma correta dessa expressão? Clique e tire suas dúvidas!