Whatsapp icon Whatsapp

Ponto e vírgula (;)

Ponto e vírgula é um sinal de pontuação intermediário entre o ponto e a vírgula. Por isso, seu uso varia bastante de acordo com o contexto, indicando a pausa e a entonação.
O ponto e vírgula é um sinal de pontuação que orienta o ritmo da leitura.
O ponto e vírgula é um sinal de pontuação que orienta o ritmo da leitura.

O ponto e vírgula é um sinal de pontuação usado para indicar pausas maiores quando o enunciado ainda não foi finalizado. Ele ajuda na estruturação de períodos mais longos, de modo a orientar o ritmo e a entonação. Difere-se dos dois-pontos por não estabelecer relação de explicação entre seus enunciados, e da vírgula, por se tratar de uma suspensão mais longa da entonação da frase.

Leia mais: Parênteses — indicam a rubrica em textos teatrais e o acréscimo de informações acessórias

Resumo sobre ponto e vírgula

  • É um sinal de pontuação intermediário entre a vírgula e o ponto, assim, seu uso varia muito de acordo com o contexto.

  • Indica uma pausa maior que a da vírgula, em momentos em que o enunciado ainda não foi finalizado (nos quais não cabe o uso de ponto).

  • Também pode orientar a entonação e a pausa maior antes de conjunções adversativas.

  • Pode separar as partes de um período muito longo. Essas partes costumam já estar subdividas por vírgulas.

  • Também é usado em itens de uma lista ou de enunciados enumerativos, sendo colocado ao final de cada item, especialmente no caso de documentos legais, como leis, decretos, portarias, regulamentos, entre outros.

  • Após seu uso, a palavra começa com letra minúscula, já que não foi iniciada uma nova sentença. A exceção pode ocorrer no caso dos enunciados enumerativos, quando a sentença começa na linha de baixo, podendo se iniciar ou não por letra maiúscula, a depender do contexto.

  • Difere-se dos dois-pontos por não estabelecer relação de explicação entre seus enunciados. Os enunciados separados por ponto e vírgula são mais independentes entre si.

Videoaula sobre ponto e vírgula, reticências e dois-pontos

Quando se usa o ponto e vírgula?

O ponto e vírgula é o sinal de pontuação intermediário entre o ponto e a vírgula. Assim, é usado para indicar pausas mais longas que a da vírgula, mas em períodos que não foram concluídos ainda e que, portanto, não levam ponto-final. Isso faz com que o uso do ponto e vírgula varie muito de acordo com o contexto, havendo algumas tendências para esse uso.

Atenção: após o ponto e vírgula, a palavra seguinte permanece com letra minúscula quando iniciada na mesma linha. Nos casos de enunciados enumerativos, em que o ponto e vírgula encerra o item em uma linha, o próximo item começa na linha seguinte e pode ou não se iniciar com letra maiúscula, a depender da estrutura do texto.

  • Para separar partes de um período longo que já estejam subdividas por vírgula

Às vezes, um período é tão longo que há muitas partes dentro dele. Quando essas partes já estão pontuadas por vírgula, o uso do ponto e vírgula ajuda a indicar uma pausa longa, sem que se confunda com a pausa menor das vírgulas. É muito comum seu uso em um longo período formado por muitas orações coordenadas, ou seja, orações independentes entre si. Veja:

Eu já viajei para o Egito, a Colômbia e a Itália; minha irmã, para a França, a África do Sul e o México; e nós dois juntos, para a Austrália.

No exemplo, o uso de ponto e vírgula ajuda o leitor a entender as partes que compõem o longo período, tendo em vista que elas já têm várias vírgulas dentro delas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Antes de algumas conjunções adversativas

Em alguns casos, as vírgulas são obrigatórias após a conjunção adversativa (como “porém”, “entretanto”, “todavia”, entre outras). Assim, o uso de ponto e vírgula antes da conjunção adversativa ajuda o leitor a entender o ritmo da leitura, quando a pausa é maior ou menor. Veja:

Era uma mulher preparada para tudo e mais um pouco; no entanto, aquilo havia saído completamente de seus planos...

No exemplo, caso fosse usada a vírgula no lugar do ponto e vírgula, a leitura poderia ficar com um ritmo mais apressado, tendo em vista que a pausa esperada pelo leitor tenderia a ser menor.

  • Para separar itens de uma lista ou de enunciados enumerativos

O ponto e vírgula também é usado ao final da linha de um item de lista ou de enunciado enumerativo. É o caso de leis e outros documentos oficiais, por exemplo. Veja este exemplo do capítulo V do Estatuto da Criança e do Adolescente:

“Art. 69. O adolescente tem direito à profissionalização e à proteção no trabalho, observados os seguintes aspectos, entre outros:

I- respeito à condição peculiar de pessoa em desenvolvimento;

II- capacitação profissional adequada ao mercado de trabalho.”

Leia mais: Uso da vírgula — confira aqui sete casos gerais

Quais as diferenças entre a vírgula e o ponto e vírgula?

A vírgula indica uma breve pausa na entonação, mostrando que o período não está completo ainda.

O ponto e vírgula traz uma pausa maior na entonação, quase igual à do ponto-final. Trata-se de uma suspensão maior que a da vírgula, mas, ao contrário do ponto-final, indicando que o período ainda não está completo. Observe a diferença:

Você sabe que sou sua amiga e que você pode contar comigo, mas isso não quer dizer concordar com tudo o que você faz consigo mesmo.

Você sabe que sou sua amiga, você sabe que pode contar comigo; ainda assim, eu não posso concordar com tudo o que você faz consigo mesmo.

Quais as diferenças entre o ponto e vírgula e os dois-pontos?

Tanto o ponto e vírgula quanto os dois-pontos trazem uma pausa no enunciado. No entanto, a pausa dos dois-pontos mantém uma relação de dependência entre as ideias do período, ou seja, são períodos que se complementam, por vezes, um explicando o outro. Já no caso do ponto e vírgula, os períodos são menos dependentes entre si: há uma relação entre eles, mas que é mais livre do que no caso dos dois-pontos. Observe a diferença:

Ele não sabia o que era pior: vê-la ou nunca mais saber dela.

Ele não sabia se era pior vê-la ou nunca mais saber dela; porém sabia que uma das duas coisas aconteceria.

Muitas vezes, os dois-pontos iniciam um enunciado enumerativo, cujos itens são separados pelo ponto e vírgula. Observe o capítulo IX do Estatuto da Pessoa com Deficiência, notando que os dois-pontos iniciam a lista e que os itens se finalizam com ponto e vírgula até o último, finalizado com ponto-final:

“Art. 42. A pessoa com deficiência tem direito à cultura, ao esporte, ao turismo e ao lazer em igualdade de oportunidades com as demais pessoas, sendo-lhe garantido o acesso:

I- a bens culturais em formato acessível;

II- a programas de televisão, cinema, teatro e outras atividades culturais e desportivas em formato acessível; e

III- a monumentos e locais de importância cultural e a espaços que ofereçam serviços ou eventos culturais e esportivos.

O ponto e vírgula em frases

  • “Não sabe mostrar-se magoada; é toda perdão e carinho.” (Machado de Assis)

  • Era vivaz e elegante; era, também, perspicaz e leal.

  • Chegamos cedo, saímos tarde; chegamos felizes, saímos exaustos.

  • Eu sou da Bahia; ela, do Amapá.

  • É nossa função:

  • zelar pelo patrimônio;

  • servir bem aos clientes;

  • garantir um serviço impecável.

Ponto e vírgula e o Acordo Ortográfico

O atual Acordo Ortográfico não alterou o uso do ponto e vírgula, mas alterou a escrita do seu nome: antes, escrevia-se com hífen, “ponto-e-vírgula”. No entanto, a nova regra retirou o hífen de nomes compostos que contenham um elemento de ligação. Assim, agora se escreve “ponto e vírgula”, sem hífen.

Leia mais: Acentuação no Acordo Ortográfico

Exercícios resolvidos sobre ponto e vírgula

Questão 1

(Cespe/Cebraspe)

1 Um fator a ser revisto no MERCOSUL é o foco: não

adianta debater uma agenda mirabolante, com 40 ou 50 temas.

É preciso focar as ações de modo pragmático, com as seguintes

4 prioridades: concluir a união aduaneira; eliminar barreiras

jurídicas e monetárias; facilitar os negócios entre as empresas

dos países-membros e obter financiamentos em nome do bloco

7 no Banco Mundial, para ampliar a infra-estrutura regional, o que

até agora sequer foi pleiteado. As questões alfandegária e

fitossanitária devem ser harmonizadas o mais rapidamente

10 possível, pois não haverá bloco econômico viável enquanto

houver entrave no intercâmbio entre os Estados-membros.

Finalmente, é preciso considerar que, no mundo globalizado, as

13 relações externas afetam o cotidiano das empresas e das pessoas.

O atual impasse no MERCOSUL só será superado se os

empresários se organizarem na defesa de seus interesses e

16 direitos, por meio da informação e da mobilização da sociedade

sobre as implicações internas das decisões tomadas em fóruns

internacionais.

Abram Szajman. O Globo, 26/11/2006 (com adaptações).

Em relação ao texto acima, assinale a opção correta.

A) Na linha 1, a substituição do sinal de dois-pontos por ponto final, com a modificação de inicial minúscula para maiúscula na palavra “não”, prejudica a correção gramatical do texto.

B) O emprego de sinal de ponto e vírgula (L.4-5) justifica-se por isolar elementos de uma enumeração.

C) Na linha 7, o termo “o que” retoma o antecedente “ampliar a infra-estrutura regional”.

D) O vocábulo “se” (R.14-15) exerce a mesma função sintática em ambas as ocorrências.

Resolução: Alternativa B. Apesar de não estarem em linhas separadas, há um enunciado enumerativo entre as linhas 4 e 5, e o ponto e vírgula é empregado para separar seus itens.

Questão 2

(Prefeitura do Rio de Janeiro)

Texto de exercício sobre o emprego do ponto e vírgula

O emprego de ponto e vírgula, por duas vezes, na penúltima frase do sexto parágrafo, justifica-se pela intenção de:

A) em trecho longo, no qual já existem vírgulas, enunciar pausa mais forte.

B) dividir período longo, separando as adversativas para ressaltar o contraste.

C) acentuar o sentido conclusivo expresso por conjunção subsequente.

D) introduzir esclarecimento e síntese do que foi enunciado antes.

Resolução: Alternativa A. O uso de ponto e vírgula serve para separar as partes de um período muito longo, sem que se confunda as pausas das vírgulas.

Publicado por Guilherme Viana

Artigos Relacionados

O uso da vírgula se faz necessário quando o assunto é o vocativo
O uso da vírgula no vocativo
O uso da vírgula no vocativo representa um fato linguístico que merece ser estudado com mais atenção. Confira aqui alguns detalhes!
Você conhece as regras de uso dos parênteses?
Parênteses
Acesse para aprender a usar corretamente os parênteses, sinal de pontuação que acrescenta informações acessórias ao texto.
O ponto de interrogação é usado para marcar a entonação de pergunta na linguagem escrita.
Ponto de interrogação
Aprenda mais sobre o ponto de interrogação, entendendo para que serve esse sinal e quando é utilizado. Descubra quando ele pode ser acompanhado de outros sinais.
Pontuação
Pontuação
Clique aqui e conheça as características e funções de alguns sinais de pontuação.
O uso de letras maiúsculas e de letras minúsculas se encontra relacionado a fatores de ordem específica
Uso de letras maiúsculas e minúsculas
O uso de letras maiúsculas e minúsculas se encontra relacionado a regras específicas. Clique e descubra quais são elas!
video icon
Atualidades
Se liga nas eleições | Sistema eleitoral brasileiro
De quatro em quatro anos temos sempre a mesma missão: exercer nossa cidadania através do voto, mas você sabe como funciona o sistema eleitoral brasileiro? Se não, venha assistir a este vídeo para aprender! Se sim, assista mesmo assim para entender melhor como funcionam nossas eleições!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas.