Whatsapp icon Whatsapp

Capitalismo

O capitalismo é o sistema econômico que tem como principal característica a acumulação de capital privado. Esse modelo é praticado na maior parte dos países do globo.
Moedas empilhadas sugerindo o acúmulo de capital.
O modelo econômico capitalista visa ao acúmulo de capital.

O capitalismo é um sistema econômico que tem como objetivo principal a obtenção de lucro. As características centrais do capitalismo são a propriedade privada e a acumulação de capital.

O sistema capitalista tem como vantagens importantes a liberdade econômica, a inovação tecnológica e a livre concorrência. Porém, também apresenta pontos bastante negativos, como a ampla desigualdade social.

A origem do modelo capitalista de produção, o qual substituiu o modelo feudalista, está ligada à ascensão da burguesia. Essa classe econômica, formada especialmente por empresários e comerciantes, passou a deter grande poder econômico mediante a acumulação de bens diversos. Logo, o modelo capitalista ascendeu de forma predominante em todo o mundo, por meio de quatro grandes fases:

  • capitalismo comercial;

  • capitalismo industrial;

  • capitalismo financeiro;

  • capitalismo informacional.

Leia também: Origem do capitalismo e fim do feudalismo

Resumo sobre o capitalismo

  • O capitalismo é um sistema econômico caracterizado pela propriedade privada, pelo acúmulo de capital e pela obtenção de lucros.

  • A origem do capitalismo ocorreu na Europa Ocidental por meio da ascensão da burguesia enquanto classe econômica detentora dos meios de produção.

  • São características importantes do capitalismo o direito à propriedade privada, a liberdade econômica, a acumulação de riquezas e o trabalho assalariado.

  • O capitalismo é dividido em quatro grandes fases, sendo elas a comercial, industrial, financeira e informacional.

  • São vantagens da lógica capitalista de produção a liberdade econômica, a inovação tecnológica e a ampla concorrência entre as empresas.

  • Entretanto, o capitalismo é um sistema econômico muito suscetível a sofrer crises econômicas e a causar grande impacto no meio natural.

  • Há diversos sistemas econômicos opostos ao capitalismo, como, por exemplo, o socialismo, que defende maior igualdade entre as pessoas.

O que é capitalismo?

O capitalismo é um sistema econômico que tem como premissa a acumulação de capital. Portanto, visa à obtenção do lucro, defende o direito à propriedade privada e prega a liberdade econômica. O sistema econômico capitalista, em razão da sua importância histórica e da sua influência social, vai além da esfera econômica, influenciando diversos campos da sociedade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Origem do capitalismo

A origem do capitalismo está atrelada à decadência do feudalismo e, consequentemente, à ascensão de um modelo econômico baseado no acúmulo de capital privado. Nesse contexto, tornou-se fundamental o surgimento da burguesia, classe econômica formada por detentores de capital, como os comerciantes.

O surgimento desse sistema econômico ocorreu pioneiramente na Europa Ocidental, que vislumbrou, por meio da queda do feudalismo, a ascensão de comércios e indústrias, assim como o desenvolvimento das cidades. Tal cenário econômico-social foi fundamental para a consolidação do sistema capitalista.

Características do capitalismo

A principal característica do capitalismo é o acúmulo de capital. Logo, tal sistema econômico tem como diretriz a obtenção de lucros, normalmente por meio de atividades comerciais e industriais. Ele tem como características importantes:

  • direito à propriedade privada;

  • liberdade econômica;

  • acumulação de riquezas;

  • trabalho assalariado;

  • existência de diversas classes sociais.

Ilustração conceitual sobre a obtenção de lucro
A obtenção de lucro é um dos principais objetivos do sistema capitalista.

Fases do capitalismo

O capitalismo é dividido em quatro grandes fases, que ocorreram de forma linear, aglutinando características importantes desse sistema econômico. São elas:

  • Capitalismo comercial: representa o primeiro momento do sistema econômico capitalista. Nesse período, destacam-se as Grandes Navegações, fase histórico-econômica caracterizada pela introdução do comércio em nível mundial como resultado da colonização. A lógica do mercantilismo e do metalismo se estabeleceram como duas doutrinas importantes para defender a acumulação de riquezas em nível individual.

  • Capitalismo industrial: teve início com a Revolução Industrial. Nesse período, o acúmulo de capital proveniente do comércio foi aplicado no desenvolvimento de atividades industriais, iniciando uma nova maneira de gerar lucro. A lógica de produção fabril fomentou uma nova forma de acumulação de capital, por meio do emprego de mão de obra assalariada e da maximização do lucro.

  • Capitalismo financeiro: ascendeu após a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) com o desenvolvimento de um complexo setor financeiro atuante em nível global. Essa fase capitalista estava centrada prioritariamente nos bancos, além de outras instituições financeiras. Houve, assim, maior concentração de riquezas e maior participação do capital especulativo na economia.

  • Capitalismo informacional: é fruto do desenvolvimento da tecnologia e do avanço da globalização. A consolidação do chamado meio técnico-científico-informacional contribuiu para a ampliação das relações comerciais, logo possibilitou novas formas de transação e inúmeras maneiras de obtenção de lucro. A sociedade atual é justamente marcada pelo capitalismo informacional.

Videoaula sobre as fases do capitalismo

Capitalismo x socialismo

O sistema capitalista é amplamente praticado em todo o mundo, tendo como elemento básico a defesa da propriedade privada e o como objetivo final o lucro. Por sua vez, o sistema econômico socialista apresenta inúmeros contrapontos à lógica capitalista, uma vez que tem como premissa a socialização dos meios de produção. Portanto, o socialismo defende a extinção da propriedade privada, maior participação estatal na economia e ampla diminuição das diferenças entre as classes sociais. Logo, o socialismo tem como ponto de partida ideológico a igualdade, mediante uma lógica econômica voltada para o desenvolvimento econômico de todos. Para saber mais sobre o sistema econômico proposto pelos socialistas, leia: Socialismo.

Vantagens e desvantagens do capitalismo

O sistema econômico capitalista possui pontos considerados importantes para o desenvolvimento econômico e social da humanidade. Ele é o modelo predominante no globo quanto trata-se de doutrinas econômicas, tendo ampla aceitação pela sociedade de mercado atual.

O sistema capitalista tem como principais vantagens:

  • liberdade econômica;

  • inovação tecnológica;

  • ampla concorrência entre as empresas.

Tais vantagens geram um ambiente propício ao comércio competitivo e à modernização econômica, a qual permite aos consumidores maiores possibilidades de oferta e escolha de produtos, assim como preços mais baixos e melhores condições de pagamento.

Porém, o sistema capitalista também possui pontos considerados negativos, especialmente atrelados à diferença social estabelecida no seu contexto. A principal desvantagem do sistema capitalista é a ampla desigualdade social, expressa especialmente por meio das diferenças entre os detentores dos meios de produção e os trabalhadores assalariados. Esse sistema também é muito suscetível a crises econômicas e políticas, além de impactar de forma intensa o meio natural e possibilitar concentração desproporcional de poder econômico.

Leia também: Anarquismo — modelo socioeconômico que visa ao fim do capitalismo e do Estado

Exercícios resolvidos sobre capitalismo

Questão 1

(Unesp 2018) O cooperativismo de consumo não está morto, mas perdeu a batalha contra o grande capital comercial, que é atacadista e varejista ao mesmo tempo. Em termos de preços e qualidade, o grande capital é imbatível. Só que é impessoal, burocrático, não permite atentar para necessidades particulares. Suas vantagens se dirigem a um público cujas preferências são pautadas pela publicidade nos meios de comunicação.

(Paul Singer. Introdução à economia solidária, 2013. Adaptado.)

Um pressuposto das relações contemporâneas de consumo, coerente com a lógica do modo de produção capitalista, é

a) a pluralidade na produção.

b) a diversidade dos indivíduos.

c) a generalização de tarefas.

d) a massificação da sociedade.

e) a pequena escala produtiva.

Resolução:

Alternativa D

O modelo de produção capitalista tem como uma de suas características a massificação da produção, ou seja, a ampla fabricação de bens industrializados padronizados, que são comercializados priorizando a maximização do lucro dos detentores dos meios de produção.

Questão 2

(Unesp 2013) O processo de mundialização do sistema capitalista sempre esteve apoiado na difusão de políticas econômicas e na constituição de determinadas lógicas geopolíticas e geoeconômicas de organização do espaço mundial. Constituem-se em política econômica e em lógica capitalista de ordenamento do espaço mundial no período atual:

a) o keynesianismo e o colonialismo.

b) o desenvolvimentismo e o neocolonialismo.

c) o neoliberalismo e a globalização.

d) o mercantilismo e a descolonização.

e) o liberalismo e o imperialismo.

Resolução:

Alternativa C

A globalização e o neoliberalismo são elementos da atualidade que caracterizam o capitalismo, uma vez que pregam a liberdade econômica e social e ainda fomentam o acúmulo de capital e a propriedade privada. 

Publicado por Mateus Campos
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Capitalismo Informacional
Entenda o que é o capitalismo informacional, seus principais aspectos e efeitos sobre a sociedade e seu espaço geográfico.
Capitalismo financeiro
Entenda o que é capitalismo financeiro, como ele surgiu e quais são as suas principais características. Veja como funciona o capitalismo financeiro no Brasil.
Desigualdade Social
Desigualdade social: o que é, como mede, dados
Sistemas de produção
Confira os aspectos dos principais sistemas de produção: taylorismo, fordismo e toyotismo, com as suas respectivas particularidades.
Socialismo
Conheça um pouco mais sobre o socialismo, seu surgimento, suas vertentes, características e experiências históricas.
video icon
Escrito"Requeriu, requereu ou requis?" em fundo roxo e amarelo.
Português
Requeriu, requereu ou requis?
Requeriu, requereu ou requis? Qual é a forma mais adequada de se conjugar o verbo requerer?