Whatsapp icon Whatsapp

Quarta Revolução Industrial

A Quarta Revolução Industrial é a fase atual da Revolução Industrial e integra avançadas tecnologias, como inteligência artificial, internet das coisas (IoT) e realidade virtual.
Representação de uma inteligência artificial, um dos elementos determinantes da Quarta Revolução Industrial.
A inteligência artificial é um dos elementos determinantes da Quarta Revolução Industrial.

A Quarta Revolução Industrial (ou Indústria 4.0) é a atual fase da Revolução Industrial. Surgiu nas últimas décadas do século XX e início do XXI, e se caracteriza pela redefinição da sociedade ao integrar avançadas tecnologias, como inteligência artificial para automação avançada, realidade aumentada e virtual para transformar experiências humanas, e manufatura aditiva para produtos personalizados.

As vantagens, como eficiência operacional e inovação contínua, são contrastadas por desafios significativos, incluindo desemprego estrutural, preocupações com segurança cibernética e desigualdade digital. Enfrentando desafios sociais, segurança cibernética e questões de privacidade de dados, a Quarta Revolução Industrial impacta profundamente, transformando os modelos de negócios, a força de trabalho, a medicina e promovendo sustentabilidade ambiental.

Leia também: Revolução Industrial — detalhes sobre as fases de um dos principais acontecimentos da história

Resumo sobre a Quarta Revolução Industrial

  • A Quarta Revolução Industrial é a atual fase da Revolução Industrial.
  • Ela representa a convergência de tecnologias avançadas, como inteligência artificial, internet das coisas (IoT), e realidade virtual, transformando radicalmente a maneira como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos.
  • Emergiu das últimas décadas do século XX e início do século XXI, impulsionada por avanços em tecnologia da informação, automação e digitalização de processos industriais.
  • A Indústria 4.0 é caracterizada pela integração de tecnologias, criando um ambiente altamente conectado e inteligente.
  • Incorpora tecnologias como internet das coisas (IoT) para a interconexão, inteligência artificial para automação avançada, realidade aumentada e virtual para transformar a experiência humana, e manufatura aditiva para criação de produtos personalizados.
  • A automação e eficiência operacional são vantagens, mas desafios como desemprego estrutural, questões de segurança cibernética e desigualdade digital são desvantagens a serem enfrentadas na Quarta Revolução Industrial.
  • Inovações incluem manufatura aditiva, blockchain para segurança em transações, veículos autônomos na indústria automotiva, e saúde conectada para monitoramento remoto.
  • Desafios sociais, segurança cibernética, preocupações com a privacidade de dados e acentuação da desigualdade digital são obstáculos a serem superados.
  • Transformação de modelos de negócios, mudanças na força de trabalho, avanços na medicina e promoção da sustentabilidade ambiental são alguns dos impactos significativos da Quarta Revolução Industrial.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é a Quarta Revolução Industrial?

Também conhecida como Indústria 4.0, a Quarta Revolução Industrial é a atual fase da Revolução Industrial. Ela representa um marco significativo na evolução da sociedade, marcando a convergência de tecnologias avançadas que transformam fundamentalmente a maneira como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos. Surgindo no contexto de um cenário global cada vez mais digitalizado e interconectado, essa revolução redefine os limites do possível e impulsiona a humanidade em direções inimagináveis.

A Quarta Revolução Industrial se destaca pela integração e fusão de tecnologias emergentes, como a inteligência artificial, a internet das coisas (IoT), a computação em nuvem, a robótica avançada, a realidade virtual e aumentada, entre outras. Essas tecnologias convergem para criar um ambiente altamente dinâmico e interconectado, onde máquinas, sistemas e seres humanos colaboram de maneira inédita.

Como surgiu a Quarta Revolução Industrial?

A Quarta Revolução Industrial surgiu entre as últimas décadas do século XX e início do século XXI, em um contexto de avanços significativos em áreas como tecnologia da informação, comunicação e automação industrial. Esses elementos pavimentaram o caminho para a convergência de tecnologias que caracteriza a Quarta Revolução Industrial. A crescente digitalização dos processos industriais, a coleta massiva de dados e a capacidade de processamento avançado foram catalisadores essenciais para essa transformação.

Principais características da Quarta Revolução Industrial

Semáforo inteligente com tecnologia internet das coisas (IoT), uma das tecnologias da Quarta Revolução Industrial.
Semáforo inteligente com tecnologia internet das coisas (IoT): a velocidade é reduzida conforme o tráfego.[1]

A Quarta Revolução Industrial, também conhecida como Indústria 4.0, é caracterizada por uma série de inovações tecnológicas que têm um impacto profundo nos processos industriais, na economia e na sociedade como um todo. Algumas das principais características da Quarta Revolução Industrial incluem:

  • Integração de tecnologias avançadas: a Quarta Revolução Industrial é marcada pela convergência e integração de tecnologias avançadas, incluindo inteligência artificial, internet das coisas (IoT), big data, computação em nuvem, realidade aumentada, realidade virtual e manufatura aditiva. Essas tecnologias trabalham em conjunto, criando sistemas altamente interconectados e inteligentes.
  • Internet das coisas (IoT): é uma das espinhas dorsais da Quarta Revolução Industrial. Ela envolve a interconexão de dispositivos, máquinas e sistemas, permitindo a coleta e troca de dados em tempo real. Isso possibilita uma tomada de decisão mais rápida e eficiente.
  • Inteligência artificial (IA) e aprendizado de máquina: desempenham um papel fundamental na automação de processos, na análise de dados complexos e na tomada de decisões autônomas. Essas tecnologias têm a capacidade de aprender e se adaptar ao longo do tempo.
  • Computação em nuvem: fornece a infraestrutura necessária para armazenar e processar grandes volumes de dados de forma acessível e escalável. Isso é essencial para a análise de dados em tempo real e para o funcionamento eficiente de aplicativos e serviços conectados.
  • Manufatura aditiva: também conhecida como impressão 3D, permite a criação de produtos camada por camada, possibilitando designs mais complexos e personalizados. Isso tem implicações significativas na prototipagem e produção de peças.
  • Robótica avançada: pode colaborar com seres humanos de maneira mais eficiente, executando tarefas complexas e perigosas em ambientes industriais.
  • Realidade aumentada (RA) e realidade virtual (RV): transformam a forma como interagimos com o mundo digital e físico. Na indústria, essas tecnologias são usadas para treinamento, manutenção e simulação de cenários complexos.
  • Big data e análise preditiva: o uso de grandes volumes de dados (big data) e a análise preditiva permitem que as empresas identifiquem padrões, antecipem problemas e otimizem processos. Isso resulta em uma abordagem mais proativa em vez de reativa.
  • Personalização em massa: a capacidade de coletar dados sobre preferências individuais dos consumidores permite a produção personalizada em massa, atendendo às demandas específicas de cada cliente.
  • Conectividade global: com cadeias de suprimentos, mercados e empresas interligadas em uma escala sem precedentes.

Veja também: Globalização — fenômeno de integração mundial por meio de tecnologias de transporte e comunicação

Tecnologias da Quarta Revolução Industrial

Dentre as principais tecnologias da Quarta Revolução Industrial, pode-se destacar:

  • Internet das coisas (IoT): a interconexão de dispositivos físicos por meio da IoT permite a coleta e troca de dados em tempo real, possibilitando uma resposta mais eficiente e adaptativa aos eventos.
  • Inteligência artificial (IA): sistemas inteligentes, aprendizado de máquina e algoritmos avançados permitem a automação inteligente, análise preditiva e tomada de decisões baseada em dados.
  • Computação em nuvem: fornece escalabilidade e acessibilidade a recursos computacionais, permitindo armazenamento e processamento massivos de dados.
  • Robótica avançada: robôs equipados com sensores avançados e capacidades de aprendizado de máquina desempenham um papel vital na automação de tarefas complexas.
  • Realidade virtual (RV) e aumentada (RA): essas tecnologias transformam a experiência humana, seja na simulação de ambientes virtuais para treinamento, seja na sobreposição de informações digitais no mundo real.

Vantagens e desvantagens da Quarta Revolução Industrial

→ Vantagens da Quarta Revolução Industrial

Circuito de computador, um elemento ligado à evolução eletrônica, uma das vantagens da Quarta Revolução Industrial.
A evolução eletrônica é uma das vantagens da Quarta Revolução Industrial.[2]
  • Eficiência operacional: a automação e a otimização de processos levam a uma maior eficiência operacional, reduzindo custos e melhorando a produtividade.
  • Inovação contínua: a rápida evolução tecnológica impulsiona a inovação contínua, permitindo que as empresas se adaptem rapidamente às mudanças no mercado.
  • Personalização em massa: a capacidade de coletar e analisar dados em grande escala possibilita a personalização em massa de produtos e serviços, atendendo às necessidades individuais dos consumidores.
  • Novos modelos de negócios: a Quarta Revolução Industrial abre caminho para novos modelos de negócios, como serviços baseados em assinatura e economia compartilhada.

→ Desvantagens da Quarta Revolução Industrial

  • Desemprego estrutural: a automação avançada pode levar à substituição de empregos tradicionais por máquinas, resultando em desafios sociais e econômicos.
  • Segurança cibernética: a interconectividade expandida aumenta os riscos de ataques cibernéticos, exigindo medidas robustas de segurança para proteger dados sensíveis.
  • Desigualdade digital: a falta de acesso universal a tecnologias avançadas pode agravar as disparidades sociais e econômicas entre regiões e comunidades.
  • Dependência tecnológica: a crescente dependência de tecnologias avançadas pode criar vulnerabilidades em setores críticos, como saúde e infraestrutura.

Veja também: Processo de robotização na produção industrial

Inovações da Quarta Revolução Industrial

A Quarta Revolução Industrial impulsiona inovações em diversos setores, transformando a maneira como as empresas operam e os consumidores interagem com os produtos e serviços.

  • Manufatura aditiva: impressão 3D e outras técnicas de manufatura aditiva permitem a criação de produtos altamente personalizados e a prototipagem rápida.
  • Blockchain: essa tecnologia de registro distribuído melhora a segurança e a transparência em transações financeiras, cadeias de suprimentos e contratos inteligentes.
  • Veículos autônomos: na indústria automotiva e logística, veículos autônomos estão se tornando uma realidade, prometendo eficiência e redução de acidentes.
  • Saúde conectada: sensores e dispositivos médicos conectados facilitam o monitoramento remoto da saúde, permitindo diagnósticos mais rápidos e tratamentos mais eficazes.

Desafios da Quarta Revolução Industrial

Dentre dos diversos desafios apresentados à sociedade pela Quarta Revolução Industrial, pode-se destacar:

  • Desafios sociais: a rápida automação pode resultar em desemprego estrutural, exigindo a ressignificação de habilidades e a criação de novas oportunidades educacionais.
  • Segurança cibernética: a crescente interconectividade expõe organizações a ameaças cibernéticas, exigindo investimentos significativos em segurança digital.
  • Privacidade de dados: a coleta maciça de dados levanta preocupações sobre a privacidade, exigindo regulamentações robustas para proteger as informações pessoais dos indivíduos.
  • Desigualdade digital: a falta de acesso universal a tecnologias avançadas pode ampliar as disparidades entre nações desenvolvidas e em desenvolvimento.

Impactos da Quarta Revolução Industrial

Braço robótico segurando uma lâmpada, realidade ligada à Quarta Revolução Industrial.
A robótica é uma das tecnologias promissoras da Quarta Revolução Industrial.[3]

Dentre os impactos da Quarta Revolução Industrial, destaca-se:

  • Transformação dos modelos de negócios: empresas precisam se adaptar a modelos mais flexíveis e centrados no cliente para sobreviver em um ambiente altamente dinâmico.
  • Mudanças na força de trabalho: a automação redefine as funções tradicionais, exigindo uma força de trabalho mais qualificada e flexível.
  • Avanços na medicina: a saúde conectada e a inteligência artificial transformam a medicina, permitindo diagnósticos mais precisos e tratamentos personalizados.
  • Sustentabilidade ambiental: tecnologias inovadoras contribuem para a criação de soluções sustentáveis, minimizando o impacto ambiental das operações industriais.

Créditos de imagem

[1] ŠJů / Wikimedia Commons (reprodução)

[2] Harland Quarrington / MOD / Wikimedia Commons (reprodução)

[3] Richard Greenhil / Hugo Elias / Shadow Robot Company / Wikimedia Commons (reprodução)

Fontes

AIRES, R. W. do A.; MOREIRA, F. K.; FREIRE, P. de S. Indústria 4.0: competências requeridas aos profissionais da quarta revolução industrial. Anais do Congresso Internacional de Conhecimento e Inovação – ciki, [S. l.], v. 1, n. 1, 2017. Disponível em: https://proceeding.ciki.ufsc.br/index.php/ciki/article/view/314.

SANTOS, B. P.; ALBERTO, A.; LIMA, T. D. F. M.; CHARRUA-SANTOS, F. M. B. Industry 4.0: challenges and opportunities. Revista Produção e Desenvolvimento, [S. l.], v. 4, n. 1, p. 111–124, 2018. Disponível em: https://revistas.cefet-rj.br/index.php/producaoedesenvolvimento/article/view/e316.

SAKURAI, R.; ZUCHI, J. D. As revoluções industriais até a indústria 4.0. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 15, n. 2, p. 480–491, 2018. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/interfacetecnologica/article/view/386.

Publicado por Tiago Soares Campos

Artigos Relacionados

A robotização na produção industrial
As causas e consequências da mecanização nas indústrias.
Inteligência Artificial
Inteligência Artificial, conceitos de inteligência artificial, A.I, pesquisas a respeito da inteligência artificial, a imitação das faculdades humanas em máquinas.
Primeira Revolução Industrial
Saiba quais são as principais características da Primeira Revolução Industrial. Veja detalhes sobre o início do processo de industrialização em nível planetário.
Revolução Industrial
Clique e acesse este texto para saber mais a respeito da Revolução Industrial. Entenda por que ela se iniciou na Inglaterra e conheça suas fases e consequências.
Segunda Revolução Industrial
Saiba o que foi a Segunda Revolução Industrial e conheça suas principais invenções. Leia a respeito de suas causas, consequências e como o processo deu-se no Brasil.
Terceira Revolução Industrial
Aprenda mais sobre a Terceira Revolução Industrial. Descubra quando começou, quais foram os principais avanços desse período e o que é a Quarta Revolução.
video icon
Texto"Matemática do Zero | Soma dos ângulos externos de um polígono convexo" em fundo azul.
Matemática do Zero
Matemática do Zero | Soma dos ângulos externos de um polígono convexo
Nessa aula demonstrarei a fórmula da soma dos ângulos externos de um polígono convexo qualquer e como encontrar a medida de cada ângulo externo.