Whatsapp icon Whatsapp

Densidade Absoluta dos Gases

A densidade absoluta dos gases em determinada temperatura e pressão é a relação entre a massa e o volume do gás, nas condições consideradas de temperatura e pressão.
Homens aquecendo o ar para que balão de competição suba
Homens aquecendo o ar para que balão de competição suba

Observe a imagem acima, você já parou para pensar por que os balões usados em competições e os balões de festas juninas conseguem subir através do ar? Depois de estudar a densidade absoluta dos gases, você entenderá. Vejamos, então:

A densidade ou massa específica é uma grandeza que relaciona a massa de uma substância que está contida em um determinado volume, sendo dada, portanto, pela seguinte fórmula:

d = m
      V

A unidade no SI (Sistema Internacional de Unidades) para a densidade é gramas por litro (g/L).

Os gases também possuem densidade, que pode ser calculada por meio dessa mesma fórmula. Se considerarmos o gás nas Condições Normais de Temperatura e Pressão (CNTP), em que a pressão é igual a 1 atm e a temperatura é de 273 K (0ºC), temos que, segundo a Hipótese de Avogadro, o volume ocupado por 1 mol de qualquer gás sempre será de 22,4 L. Esse valor corresponde ao volume molar dos gases. Então, podemos calcular a densidade em termos da massa molar do gás, ficando a fórmula da densidade assim:

dgás = Mmolar
              VMolar

VMolar = 22, 4 L para 1 mol
dgás = ___Mmolar___
           22,4 L . mol
-1

Mas se quisermos calcular a densidade absoluta dos gases para qualquer condição, podemos usar a Equação de Clapeyron, também chamada de Equação de estado dos gases, que é dada por:

Visto que n (quantidade de matéria) é dado pela fórmula:

n = m/M,

e sendo que:

m = massa do gás em gramas;
M = massa molar do gás em g/mol,

podemos, então, escrever a Equação de Clapeyron também dessa forma:

PV = mRT
        
M

P . M = m
R . T     V

e d =  m
          M

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Podemos fazer a substituição e encontraremos a seguinte fórmula que pode ser usada para calcular a densidade absoluta dos gases:

d = M . P
      R . T

Lembrando que R é a constante universal dos gases e que ela pode ter diferentes valores, dependendo das condições em que o gás se encontra. Veja:

Tabela com valores da constante universal dos gases e respectivas unidades
Tabela com valores da constante universal dos gases e respectivas unidades

Assim, ao resolver exercícios usando a fórmula da densidade absoluta dos gases, deve-se tomar cuidado para utilizar a constante universal dos gases que possui as mesmas unidades que o restante das grandezas (massa molar, pressão e temperatura).

Observe nessa última fórmula da densidade que foi proposta que a densidade absoluta dos gases é inversamente proporcional à temperatura do gás. Isso significa que, quando a temperatura aumenta, a densidade diminui e vice-versa. Isso explica por que os balões usados em competições e os balões de festas juninas conseguem subir através do ar, pois conforme a imagem inicial mostra, os balonistas aquecem o ar no interior do balão e, consequentemente, ele fica menos denso que o ar no exterior e, sendo menos denso, ele tende a subir.

Relação entre densidade e temperatura dos gases – inversamente proporcionais
Relação entre densidade e temperatura dos gases – inversamente proporcionais

Quando a temperatura de um gás aumenta, a sua massa permanece constante, porém, as partículas ficam mais espaçadas umas das outras, e o resultado é o aumento do volume e a consequente diminuição da temperatura:

Relação entre densidade e volume dos gases – inversamente proporcionais
Relação entre densidade e volume dos gases – inversamente proporcionais

Publicado por Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Artigos Relacionados

Conceito e Características dos Gases
Saiba mais sobre as principais características que delimitam os gases ideais.
Equação de Clapeyron
Conheça a Equação de Clapeyron ou Equação de estado dos gases perfeitos usada para resolver questões que envolvam transformações gasosas.
Estudo do comportamento dos gases
Reação dos gases ao aumento de temperatura e pressão.
Gases
Gases, volume fixo, grau de agitação das partículas, energia cinética, camada de ar atmosférico, gás nitrogênio, gás oxigênio, gases nobres, temperatura, volume, pressão atmosférica, regiões de baixa altitude, variáveis de estado de um gás.
Lei de Avogadro para gases
Hipótese relacionada ao volume molar de gases.
Pressão dos gases
A pressão dos gases é a intensidade da força aplicada pelo gás sobre as paredes do recipiente por unidade de área.
Pressão parcial (Lei de Dalton)
Conheça a Lei de Dalton que explica o que é considerado como sendo a pressão parcial dos gases em uma mistura, relacionando-as com a pressão total.
Volume dos Gases
Entenda por que o volume dos gases é sempre igual ao volume do recipiente, quais são as unidades de medida usadas nesse caso e como fazer suas conversões.
Volume molar dos gases
Entenda o que é o volume molar dos gases e a sua relação com a hipótese de Avogadro.
video icon
Geografia
Desertos
Assista à nossa videoaula e entenda o conceito de bioma. Conheça as características marcantes do bioma Deserto em seus aspectos climático, vegetacional e sua fauna.