Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Animais
  4. Leão (Panthera leo)

Leão (Panthera leo)

O leão é um mamífero carnívoro encontrado naturalmente na África. Ele é o único felino que vive em bandos, que são constituídos de um macho dominante, várias fêmeas e seus filhotes.

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Família: Felidae
Gênero: Panthera
Espécie: Panthera leo

Leões são mamíferos pertencentes ao Gênero Panthera, cujos representantes possuem a capacidade de rugir, graças à presença de uma estrutura óssea calcificada, denominada hioide. Leões, ainda, possuem algo bastante característico: a presença de juba, em indivíduos do sexo masculino.

Tanto os rugidos quanto a juba são importantes nas interações entre machos, principalmente se tratando de disputas por fêmeas e territórios. Machos com jubas mais escuras e volumosas tendem a ser os vencedores em tais confrontos e, graças a elas, tais indivíduos apresentam uma proteção para o pescoço nesses momentos de combate.

Esses animais são encontrados naturalmente na África, embora existam muitos exemplares espalhados pelo mundo, geralmente em jardins zoológicos. Seu status de conservação, segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN), se encontra vulnerável, sendo a caça indiscriminada e a destruição de habitats suas principais causas.

Leões são os únicos felinos que vivem em bandos, geralmente constituídos de um macho dominante, várias fêmeas e seus filhotes. De hábitos crepusculares e noturnos, eles têm as girafas, gazelas, antílopes, zebras, gnus e porcos selvagens como suas principais presas. A capacidade de alcançarem 50km/h ao correrem, além do olfato, visão e audição apurados, são características que fazem desses animais excelentes caçadores.

As fêmeas são as principais responsáveis pela caça, geralmente em grupos, enquanto os machos cuidam de seus territórios. Em raros casos, leões podem atacar indivíduos de nossa espécie. Nessas situações, trata-se de leões velhos e solitários, geralmente machos, incapazes de caçar itens próprios de sua dieta.

Machos e fêmeas podem alcançar os 2,50 metros de comprimento e 250 quilos, e 1,75 metros e 180 quilos, respectivamente. Assim, esses animais de coloração que varia entre o bege e o castanho avermelhado estão entre os maiores mamíferos carnívoros encontrados no mundo.

Quanto à reprodução, alcançam maturidade sexual aos aproximados quatro anos de idade. A gestação dura em torno de quatro meses, dando origem a até seis filhotes. Eles acompanharão a mãe e o bando até aproximadamente dois anos de idade, quando se tornam independentes e tendem a sair em busca de um bando para assumirem. Para tal, podem entrar em combate com o macho residente. Em alguns casos, no entanto, passam a viver solitários.

A expectativa de vida é em torno de vinte anos.

Curiosidades:

Um macho, ao dominar um novo bando, tende a matar todas as crias jovens, assumindo somente seus futuros filhotes;

Mesmo sendo as fêmeas as responsáveis pela caça, machos são os primeiros a se alimentarem, cedendo a presa às fêmeas e filhotes após estarem saciados.

Por Mariana Araguaia
Bióloga, especialista em Educação Ambiental
Leoa e leão. Elas tendem a ser menores, e são desprovidas de juba.
Leoa e leão. Elas tendem a ser menores, e são desprovidas de juba.
Publicado por: Mariana Araguaia de Castro Sá Lima
Assuntos relacionados
A baleia-azul é um mamífero aquático que pode atingir mais de 30 metros de comprimento.
Baleia-azul
Descubra mais sobre a baleia-azul clicando aqui. Neste texto falaremos sobre o habitat da baleia-azul, suas principais características e seu modo de reprodução.
<i>Camelus ferus</i>: espécie que se encontra criticamente em perigo.
Camelo (Gênero Camelus)
Animais que acompanham a nossa espécie desde os tempos mais pretéritos.
Corais: organismos formados por colônias de cnidários.
Corais (Classe Anthozoa)
Clique aqui e conheça as características dos corais e sua importante função ecológica.
As libélulas possuem três pares de patas. Fotografia: Jean Jeremias.
Libélula (Ordem Odonata)
Saiba mais sobre estes insetos cujo estágio larval corresponde à maior etapa de suas vidas.
Os muriquis-do-norte são primatas arborícolas que se movimentam rapidamente pela floresta com a ajuda de seus braços logos e cauda preênsil. Foto de P
Muriqui-do-norte
Veja qual é o maior primata das Américas e aprenda sobre o seu comportamento, dieta, área de ocorrência e principais ameaças.
Cabras e bodes, geralmente, apresentam barba e cornos.
Cabra (Gênero Capra)
Conheça as características das cabras domésticas.
Coruja-listrada (<i>Strix hylophila</i>): espécie que se encontra quase ameaçada de extinção.
Coruja (Ordem Strigiformes)
Animais tipicamente noturnos, capazes de voar silenciosamente.
As baratas apresentam-se nas cores marrom escuro e preto brilhante.
Barata
Saiba mais sobre as baratas, animais noturnos e responsáveis pela transmissão de várias doenças.
O opilião é muitas vezes confundido com a aranha. Fotografia: Fabrício H. Oda.
Opilião (Ordem Opiliones )
Saiba mais sobre este animal que é, diversas vezes, confundido com a aranha.