Equivalente-grama

O equivalente-grama é uma modalidade de cálculo em Química usada para determinar uma massa que mobilizou um mol de elétrons.

Equivalente-grama (representado pela letra E) é a massa em gramas de um elemento, substância simples ou substância composta, que movimenta 1 mol de elétrons durante a formação desse material.

O termo equivalente-grama surgiu em experimentos realizados pelos químicos Jérémie B. Richter, Karl F. Wenzel e Jöns J. Berzelius, em que eles verificaram que as substâncias sempre reagem entre si obedecendo a uma equivalência de massa, que está relacionada com valores múltiplos.

Com base nos estudos desses cientistas, outra definição de equivalente-grama surgiu, na qual se refere à massa de um elemento, substância simples ou substância composta, que reage ou é produzida a partir de 8 gramas de oxigênio.

De acordo com a lei de Richter, independentemente da massa do reagente X que esteja sendo utilizada, ela sempre reage com uma determinada massa de outro reagente, ou forma sempre a mesma massa de produto.

Para determinar o equivalente-grama da substância que está reagindo ou sendo formada em processo químico, devemos saber o tipo de material utilizado nessa reação, como podemos verificar a seguir.

Substâncias simples

Em uma substância simples, para determinar o seu equivalente-grama, basta dividir sua massa molecular pelo número de elétrons compartilhados na ligação entre os elementos que formam a substância.

Exemplo: determinação do equivalente-grama do gás oxigênio (O2).

  • 1º Passo: cálculo do k

O elemento oxigênio pertence à família VI, portanto apresenta seis elétrons na camada de valência e necessita, então, de dois elétrons para atingir o octeto, ou seja, apresentar oito elétrons na camada de valência. Assim, o oxigênio precisa realizar duas ligações.

Nas moléculas da substância simples gás oxigênio, ocorre uma ligação dupla (O=O), já que cada oxigênio necessita de dois elétrons. Como cada ligação apresenta dois elétrons, logo, na molécula do O2, há quatro elétrons compartilhados.

  • 2º Passo: cálculo da massa molecular

Esse cálculo pode ser realizado com a multiplicação da massa atômica do oxigênio, que é 16 u, por 2 (número de átomos na fórmula O2), resultando em 32 u.

  • 3º Passo: cálculo do equivalente-grama

E =
     k

E = 32 
      4

E = 8


Sais inorgânicos

Exemplo: determinar o equivalente-grama do cloreto de magnésio (MgCl2).

  • 1º Passo: cálculo do k

Analisando a fórmula do cloreto de magnésio, verificamos a presença do cátion magnésio, que pertence à família II A, por isso é um metal com tendência de perder dois elétrons, e o ametal cloro tem a tendência de receber dois elétrons. Assim, a carga perdida ou recebida é 2, sendo o k, portanto, igual a 2.

  • 2º Passo: cálculo da massa molecular

Devemos multiplicar a quantidade de cada elemento pela sua massa atômica e, em seguida, somar os resultados:

M = 1.24 + 2.35,5

M = 24 + 71

M = 95 u

  • 3º Passo: cálculo do equivalente-grama

E =
     k

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

E = 95 
     2

E = 47,5

Em um sal inorgânico, o equivalente-grama é determinado dividindo sua massa molecular pelo número de elétrons perdidos pelo cátion ou recebidos pelo ânion.

Bases inorgânicas

Em uma base inorgânica, o equivalente-grama é determinado pela divisão de sua massa molecular pelo número de ânions hidróxido liberados pela base ao ionizar, ou seja, a quantidade grupos OH presente na fórmula da base.

Exemplo: determinação do equivalente-grama do hidróxido de alumínio [Al(OH)3].

  • 1º Passo: cálculo do k

Analisando a fórmula do hidróxido de alumínio, verificamos a presença de três grupos OH, logo o k para essa base vale 3.

  • 2º Passo: cálculo da massa molecular

Devemos multiplicar a quantidade de cada elemento por sua massa atômica e, em seguida, somar os resultados:

M = 1.27 + 3.16 + 3.1

M = 27 + 48 + 3

M = 78 u

  • 3º Passo: cálculo do equivalente-grama

E =
     k

E = 78 
     3

E = 26


Ácidos inorgânicos

Em um ácido inorgânico, o equivalente-grama é determinado dividindo sua massa molecular pelo número de cátions hidrônio do ácido ao ionizar, ou seja, a quantidade grupos H presente na fórmula do ácido.

Exemplo: determinação do equivalente-grama do ácido sulfúrico (H2SO4).

  • 1º Passo: cálculo do k

Analisando a fórmula do ácido sulfúrico, verificamos a presença de dois grupos H, logo o k para essa base vale 2.

  • 2º Passo: cálculo da massa molecular

Devemos multiplicar a quantidade de cada elemento pela sua massa atômica e, em seguida, somar os resultados:

M = 2.1 + 1.32 + 4.16

M = 2 + 32 + 64

M = 98 u

  • 3º Passo: cálculo do equivalente-grama

E =
     k

E = 98 
     2

E = 49

Equivalente em uma massa de substância: número de equivalentes-gramas (e ou eq)

É a quantidade de equivalentes-gramas presente em uma determinada massa de uma substância. Para obter tal número, basta dividir a massa da substância pelo equivalente-grama da substância.

e =
     E

Exemplo: determine o número de equivalentes-gramas de 40 gramas de hidróxido de magnésio [Mg(OH)2].

  • 1º Passo: cálculo do k

Analisando a fórmula do hidróxido de magnésio, verificamos a presença de dois grupos OH, logo o k para essa base vale 2.

  • 2º Passo: cálculo da massa molecular

Devemos multiplicar a quantidade de cada elemento pela sua massa atômica e, em seguida, somar os resultados:

M = 1.24 + 2.16 + 2.1

M = 24 + 32 + 2

M = 58 u

  • 3º Passo: cálculo do equivalente-grama

E =
     k

E = 58 
     2

E = 29

  • 4º Passo: cálculo do número de equivalentes-gramas

e =
     E

e = 40 
    58

e = 0,69

A letra E é utilizada para representar o equivalente-grama
A letra E é utilizada para representar o equivalente-grama
Publicado por: Diogo Lopes Dias
Assuntos relacionados
Compostos iônicos
Conheça mais sobre os compostos iônicos e suas características e como a força de atração entre os íons explica as propriedades desses compostos.
Quando adicionado à água, o ácido clorídrico sofre ionização
Equação de ionização dos ácidos
Veja como deve ser realizada a montagem da equação de ionização de um ácido inorgânico.
Representação dos íons de algumas bases dissociadas
Equações de dissociação das bases
Aprenda a interpretar e a construir equações de dissociação de bases!
Representação da dissociação do cloreto de amônio
Equação de dissociação de sais
Veja diversos exemplos que demonstram como montar uma equação de dissociação de sais!