Fenóis

Os fenóis possuem o grupo hidroxila ligado diretamente a um carbono de um anel aromático.

Os fenóis são compostos orgânicos caracterizados pela presença de uma hidroxila (OH) ligada a um anel aromático, como mostrado a seguir:


Grupo funcional dos fenóis

Essa é a fórmula do fenol mais simples, o hidroxibenzeno ou benzenol. Para entender como é realizada a nomenclatura desses compostos, leia o texto Nomenclatura dos fenóis.

Muitas pessoas costumam confundir os álcoois com os fenóis e os enóis. A diferença é que os álcoois são caracterizados pela hidroxila ligada a carbonos saturados (que realizam ligações simples), todavia, nos enóis, a hidroxila está ligada a carbonos insaturados (que realizam ligações duplas) em cadeias abertas.

Dependendo da quantidade de hidroxilas ligadas ao anel aromático, o fenol pode ser classificado em monofenol (1 OH), difenol (2 OH), trifenol (3 OH) e assim por diante.

A fonte específica dos fenóis na natureza é o alcatrão de hulha. A hulha é um tipo de carvão que possui alta concentração de carbono. Ela passa por uma destilação a seco que dá origem a três frações, e uma delas é o alcatrão de hulha. Este, por sua vez, é submetido a uma destilação fracionada que resulta em cinco partes, em que duas delas, os óleos médios e os óleos pesados, possuem quantidades razoáveis de fenóis (principalmente os óleos médios).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Hulha – fonte de fenóis

Os fenóis são sólidos em condições ambientes, com exceção do m-cresol, que é líquido. Eles são incolores e pouco solúveis ou insolúveis em água, mas são solúveis em bases.

Uma das aplicações principais dos fenóis é como antissépticos e germicidas. Isso ocorre porque eles conseguem coagular as proteínas dos organismos das bactérias. O próprio benzenol foi muito utilizado em desinfecção de hospitais. Porém, por possuírem essa ação desinfectante, os fenóis também são tóxicos e cáusticos, por isso o benzenol parou de ser usado como antisséptico.

Atualmente os cresóis mostrados a seguir são mais usados em desinfetantes:


Estrutura dos cresóis

Os fenóis também são usados para fazer corantes, explosivos, perfumes, resinas, vernizes, tintas, adesivos e cosméticos.

O fenol comum é o hidrobenzeno mostrado acima
O fenol comum é o hidrobenzeno mostrado acima
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Assuntos relacionados
Haletos Orgânicos
Monoaletos, dialetos, trialetos, substituição de átomos de hidrogênio, derivados halogenados, átomos de halogênio, hidrocarbonetos, solventes orgânicos, pontos de fusão, massa molecular.
Éteres são usados para fabricar seda artificial.
Éteres
Compostos orgânicos, átomo de oxigênio, radicais monovalentes alquila, éter metílico, metóxi-metano, anestésico inalatório, nomenclatura oficial para os Éteres, utilização na medicina.
Na realidade, o nome oficial do ácido fórmico presente nas formigas é ácido metanoico
Nomenclatura dos ácidos carboxílicos
Aprenda a realizar a nomenclatura dos ácidos carboxílicos normais, ramificados, saturados, insaturados e com mais de um grupo funcional.
Os sabonetes possuem sal de ácido carboxílico em sua composição.
Sais de ácidos carboxílicos
Acesse este link e conheça os sais de ácidos carboxílicos, compostos oxigenados iônicos originados da reação entre um ácido carboxílico e uma base. Apresentam como principais características a polaridade mista (possuem uma parte polar e outra apolar) e elevados pontos de fusão e ebulição.
O 3-metilbutan-1-tiol está no líquido que o cangambá utiliza como arma de defesa. Esse é um exemplo do odor desagradável que os tiocompostos possuem!
Tiocompostos ou Compostos Sulfurados
Sabe aqueles cheiros desagradáveis como o do gambá, do alho e do gás de cozinha? Todos esses casos estão ligados à presença de tiocompostos. Saiba mais aqui!
Estrutura em 3D do enol chamado but-2-en-2ol
Nomenclatura dos enóis
Aprenda os passos necessários para realizar a nomenclatura dos enóis!
O principal representante dos álcoois é o etanol
Álcoois
Conheça o grupo funcional dos álcoois, sua nomenclatura e principais utilizações no cotidiano.
Representação dos átomos presentes na molécula de THC
THC: composição química do principal componente da maconha
Conheça a composição química do principal componente da maconha: o THC!
Brinquedo de PVC: este material oferece riscos?
Ftalatos
Ftalatos, o que são ftalatos, ftlalatos são tóxicos, tereftalato, utilização dos tereftalatos, PVC flexível, poli cloreto de vinila, ácido ftálico, éster, anel benzeno ligado a dois ácidos ftálicos, cancerígeno e broxante.
Nomenclatura de Éteres
Existem duas regras para nomear estes compostos, saiba quais!
Hulha - um tipo de carvão mineral
Hulha
A hulha é um tipo de carvão mineral ou carvão natural que é rico em carbono (80%).
Enóis
Enóis são compostos orgânicos que apresentam em sua estrutura o grupo hidroxila ligado a um carbono insaturado e não aromático.
O THC é conhecido comumente por tetra-hidrocarbinol; porém seu nome oficial é 6,6,9-trimetil-3-pentilo-6H-dibenzo[b,d]piran-1-ol
Nomenclatura dos fenóis
Observe as regras de nomenclatura dos fenóis estabelecidas oficialmente, além dos nomes usuais mais comuns que também são aceitos pela IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada).
Os derivados do fenol, principalmente os cresóis, são muito usados em desinfetantes e bactericidas
Principais fenóis no cotidiano
Os fenóis são muito utilizados em nosso cotidiano. Conheça algumas dessas aplicações.
O fenol comum, assim como a maioria dos fenóis, é tóxico e altamente irritante*
Propriedades dos Fenóis
Conheças as principais propriedades físicas e químicas dos compostos orgânicos do grupo dos fenóis.