Whatsapp icon Whatsapp

Febre tifóide

A febre tifoide é uma doença infecciosa, transmissível e desencadeada pela bactéria Salmonella enterica sorotipo Typhi. A doença, que apresenta gravidade variável, está relacionada diretamente com as condições de saneamento básico em uma região e com os hábitos de higiene de cada indivíduo. Assim sendo, sua incidência é maior em áreas associadas a baixos níveis socioeconômicos, ocorrendo, no Brasil, um maior número de casos nas regiões Norte e Nordeste.

Leia mais: Sarampo – doença infecciosa e uma das principais causas de mortalidade entre crianças abaixo dos 5 anos

O que é a febre tifoide?

A febre tifoide é uma doença infecciosa causada por uma enterobactéria. É uma doença transmissível que acomete com maior frequência as pessoas com idade entre 15 e 45 anos. A doença constitui um grave problema de saúde pública em países em desenvolvimento.

Agente causador da febre tifoide

A febre tifoide é transmitida por uma bactéria que pode estar presente em água e alimentos contaminados.
A febre tifoide é transmitida por uma bactéria que pode estar presente em água e alimentos contaminados.

A febre tifoide é provocada por uma bactéria da família Enterobacteriaceae (enterobactérias), a Salmonella enterica sorotipo Typhi. Essa bactéria é um bacilo gram-negativo que apresenta de 2 µm a 5 µm de diâmetro. Ela acomete exclusivamente os seres humanos.

Leia mais: Doenças causadas por bactérias – sintomas e prevenção

Transmissão da febre tifoide

A febre tifoide é transmitida pela via fecal-oral. Na maioria dos casos, a contaminação acontece pela ingestão de alimentos contaminados por uma pessoa doente ao preparar ou manipular esse alimento. A água também pode ser uma via de transmissão da doença, uma vez que ela pode ser contaminada, por exemplo, com esgoto. Os alimentos, como legumes e frutas, podem também ser contaminados ao serem irrigados com água contaminada. Moscas raramente participam da transmissão da doença.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Sintomas da febre tifoide

Após a ingestão de água ou alimentos contaminados pela bactéria, esta atravessa o epitélio intestinal e alcança a corrente sanguínea, espalhando-se pelo corpo todo, acometendo diferentes órgãos. A doença manifesta-se cerca de três semanas após a infecção.

A febre tifoide provoca sintomas como febre alta, mal-estar, dor de cabeça, dores abdominais, falta de apetite, manchas rosadas no corpo, prisão de ventre ou diarreia, tosse seca, bradicardia relativa (frequência cardíaca menor do que a esperada para uma determinada situação) e aumento do baço. Em crianças o quadro clínico tende a ser menos severo que nos adultos.

Dores abdominais e diarreia podem ser sintomas de febre tifoide.
Dores abdominais e diarreia podem ser sintomas de febre tifoide.

Uma complicação possível da febre tifoide é a hemorragia intestinal, a qual pode evoluir para perfuração intestinal e levar o indivíduo à morte. Hemorragia e toxemia severa também podem provocar a morte do indivíduo com febre tifoide.

Diagnóstico de febre tifoide

A febre tifoide é diagnosticada com base na análise dos sintomas do paciente e por meio de exames laboratoriais, como a hemocultura, coprocultura, mielocultura e urocultura.

Tratamento da febre tifoide

A febre tifoide é uma doença bacteriana que necessita de tratamento imediato com a administração de antibióticos. Quando a doença é diagnosticada de maneira precoce e o tratamento é iniciado rapidamente, as chances da doença se manifestar de maneira leve são maiores, e os riscos de complicações sérias são reduzidos. Casos leves são geralmente tratados em casa, enquanto casos mais graves necessitam de internação para a administração de injeções de antibióticos.

É importante destacar que o paciente deve fazer uso dos antibióticos seguindo rigorosamente a recomendação do médico, obedecendo horário e dosagem. É fundamental também que o tratamento não seja interrompido, mesmo que a pessoa se sinta melhor.

Leia mais: Superbactérias – apresentam resistência a uma grande variedade e quantidade de antibióticos

Prevenção da febre tifoide

Como a febre tifoide é transmitida pela via fecal-oral, uma das principais formas de prevenir-se da doença é adotando hábitos adequados de higiene pessoal. Lavar as mãos com frequência, principalmente após ir ao banheiro e antes de preparar os alimentos e fazer as refeições; lavar bem utensílios utilizados no preparo dos alimentos; alimentar-se em locais limpos; lavar bem os alimentos, em especial aqueles ingeridos in natura; e beber apenas água tratada e acondicionar adequadamente os alimentos são algumas das formas de prevenção da doença. 

Outro ponto importante diz respeito ao saneamento básico. Investimentos nessa área são essenciais para a melhoria da qualidade de vida da população. Além de reduzir os casos de doenças, como a febre tifoide, a melhora nesse tipo de serviço reduz gastos em saúde pública, devido a uma diminuição, por exemplo, de internações em decorrência de doenças agravadas por um saneamento básico ineficiente. Um saneamento básico adequado também reduz impactos negativos no meio ambiente.

Publicado por Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos Relacionados

As bactérias são organismos unicelulares e procariontes
Bactérias
Amplie seus conhecimentos sobre as bactérias, organismos unicelulares que podem ser encontrados em colônias!
Uma pessoa deve evacuar pelo menos três vezes por semana
Constipação intestinal ou prisão de ventre
Compreenda o que é a constipação intestinal (prisão de ventre), suas principais causas e como o problema pode ser tratado.
Manifestação da difteria na faringe
Difteria
Difteria, o que é difteria, a transmissão da difteria, contágio da difteria, sintomas da difteria, tratamento da doença, prevenção contra a difteria.
Casos de erisipela
Erisipela
Clique aqui e conheça quais são as causas, sintomas, tratamento e prevenção da erisipela.
Erisipela: infecção bacteriana.
Erisipela, escarlatina e febres maculosa, reumática e tifoide: doenças bacterianas
Breves informações sobre cinco doenças bacterianas: erisipela, escarlatina e febres maculosa, reumática e tifoide.
Febre
Clique aqui e aprenda mais sobre a febre. Neste texto abordaremos o que é febre, e conheceremos seu mecanismo e como é feito seu tratamento.
Febre hemorrágica brasileira
Saiba mais sobre a febre hemorrágica brasileira. Aprenda qual é seu agente causador e tratamento. Conheça também seus sintomas, gravidade e grau de letalidade.
Febres hemorrágicas
Entenda mais sobre febres hemorrágicas clicando aqui. Saiba quais são suas causas, sintomas e tratamento, bem como as doenças que fazem parte desse grupo.
Manifestação da doença
Impetigo
Impetigo, o que é impetido, agentes causadores do impetigo, manifestação do impetigo, forma de contágio do impetigo, como o impetigo é diagnosticado, o tratamento para o impetigo, como prevenir o impetigo.
Enchentes: fator propício para o surgimento de certas doenças.
Leptospirose e doenças típicas de enchentes
Pobreza e enchentes: fator de risco para transmissão de doenças.
Salmonella (Salmonelose)
Conheça algumas das principais características das bactérias do gênero Salmonella e aprenda mais a respeito da salmonelose, uma doença causada por elas.
A ausência de saneamento básico gera vários problemas à saúde humana
Saneamento
Um problema socioambiental típico dos centros urbanos.
Tifo
Tifo, bactéria causadora do tifo, sintomas do tifo, como as bactérias são liberadas, como as bactérias se reproduzem, o diagnóstico do tifo.
video icon
Geografia
Climatologia no Enem: como esse tema é cobrado?
Assista à videoaula entenda a diferença entre tempo e clima. Saiba quais são os fatores que influenciam os climas do mundo. Veja como esse assunto pode ser abordado no Enem.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.