Whatsapp icon Whatsapp

Por que razão a Rússia invadiu a Ucrânia?

A guerra entre a Rússia e a Ucrânia, iniciada no ano de 2022, marca o ponto de maior tensão entre os dois países. Há um conjunto de fatores que influenciam no conflito.
Homem em tanque de guerra ucraniano, montando defesa contra a invasão russa.
A guerra entre Rússia e Ucrânia é resultante de condicionantes políticos e culturais. [1]

Afinal, por que a Rússia invadiu a Ucrânia? A invasão da Rússia na Ucrânia reúne condicionantes históricos e geográficos que têm o potencial de ocasionar um grande conflito mundial. A tensão entre os dois países se intensificou nos últimos 30 anos em razão da aproximação da Ucrânia do Ocidente e também por causa do desrespeito da soberania ucraniana por parte da Rússia. Portanto, a Rússia invadiu a Ucrânia com o propósito de combater a aproximação ucraniana com as potências ocidentais e ainda manter sua zona de influência na porção oriental do território europeu.

O conflito entre Rússia e Ucrânia tem desdobramentos relevantes, como grandes perdas econômicas e a reorganização dos atores internacionais. A guerra já deixou milhares de mortos e milhões de refugiados.

Leia também: Guerra Civil Síria — conflito em curso desde 2011 e responsável pela morte de cerca de 600 mil pessoas

Resumo sobre por que a Rússia invadiu a Ucrânia

  • A Rússia e Ucrânia eram repúblicas da antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), cuja dissolução ocorreu em 1991.

  • Os dois países compartilham laços culturais como língua e religião. Os povos russos e ucranianos são originários dos eslavos.

  • A Ucrânia, desde a fragmentação da URSS, realizou diversas tentativas de aproximação com o Ocidente.

  • A Rússia atuou, desde a fragmentação da URSS, para manter sua influência na Ucrânia, combatendo a aproximação do país com outros países europeus.

  • A invasão da Crimeia e a instabilidade de Donbass foram focos de tensão importantes que contribuíram diretamente para a ocorrência da guerra atual.

  • A Rússia invadiu a Ucrânia com o propósito de manter sua zona de influência na porção oriental do território europeu.

  • Um dos objetivos da ação russa é evitar que a Ucrânia ingresse na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

  • A guerra entre Rússia e Ucrânia tem como desdobramento um grande volume de perdas humanas e econômicas para os dois países.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Antecedentes históricos da tensão entre Rússia e Ucrânia

A tensão entre Rússia e Ucrânia é histórica. Os países, que compunham a antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), compartilham diversos laços culturais, como língua e religião. A desfragmentação da União Soviética em diversos países, entre eles Rússia e Ucrânia, um evento derivado do término da Guerra Fria e da queda do Muro de Berlim, alterou a geopolítica da Europa. Logo, os últimos 30 anos foram marcantes na relação entre Rússia e Ucrânia no que toca a instabilidade regional.

A Rússia emergiu como uma grande potência militar, que, apesar das dificuldades econômicas, herdou grande parte da influência da União Soviética. Já a Ucrânia surgiu como um dos países mais ricos em recursos naturais da Europa, mas marcado pela grande pobreza entre a sua população. Após o fim da União Soviética, a Rússia adotou a postura de manter sua influência diplomática entre as antigas repúblicas soviéticas. Já a Ucrânia optou por uma postura ativa na aproximação com o Ocidente.

São eventos marcantes em relação à aproximação da Ucrânia com o Ocidente as diversas tentativas dos ucranianos de ingressarem na União Europeia (UE) e na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). No contexto de manutenção da influência russa destaca-se a invasão pelas tropas da Rússia na Geórgia (2008) e na Crimeia (2014). A invasão e posterior anexação da Crimeia, parte do território da Ucrânia, realizada pela Rússia em 2014, marcou o ápice da tensão entre os dois países.

Leia também: Questão da Crimeia — a situação geopolítica resultante da anexação da Crimeia pela Rússia

Afinal, por que a Rússia invadiu a Ucrânia?

As motivações para a invasão do território da Ucrânia por meio da ação militar da Rússia tem diversos motivos. Em termos gerais, tal cenário é fruto da tensão presente entre os dois países, especialmente nas últimas décadas. A aproximação da Ucrânia com os países do Ocidente, principalmente potências europeias, é vista com forte desconfiança pela Rússia, que teme perder uma importante zona de influência. As tentativas de ingresso da Ucrânia em organizações ocidentais, como a União Europeia (UE) e a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), ilustram esse cenário.

Há também uma conjuntura de aspectos históricos e culturais que marcam a invasão do território ucraniano pelos russos. O líder atual da Rússia, Vladimir Putin, diversas vezes negou o direito de soberania dos ucranianos. O autocrata russo, um dos líderes mais centralizadores do mundo, argumenta ainda que os ucranianos de origem russa sofrem uma perseguição sistemática, especialmente no leste da Ucrânia, e ainda têm seus direitos básicos, como a prática da língua russa, cercados pelas autoridades ucranianas.

Porém, tais alegações realizadas pela Rússia são vistas com desconfiança pelos analistas internacionais. Por meio dessa lógica, tais argumentos históricos e culturais elencados pelos russos carecem de embasamento por fontes confiáveis. Sendo assim, em tese há uma defesa de que o principal motivo da invasão pela Rússia na Ucrânia está justamente na defesa da manutenção do território ucraniano com uma zona de influência russa. Logo, a Rússia age de forma deliberada, em desrespeito aos acordos internacionais, para manter a Ucrânia na sua zona de influência.

  • Videoaula sobre a Guerra na Ucrânia

Quais consequências podem resultar da guerra entre Rússia e Ucrânia?

A guerra entre Rússia e Ucrânia é, até a atualidade, o principal conflito armado do século XXI. O conflito já gerou diversas consequências político-militares, como a reorganização do conjunto de alianças militares, a atuação massiva de diversos organismos internacionais e a mobilização ativa de importantes atores internacionais. Portanto, é um embate que tem o potencial de promover um rearranjo da ordem mundial.

Edifício em Kiev totalmente destruído após bombardeio russo.
Os bombardeios russos causaram grande destruição nas cidades ucranianas. [2]

Essa guerra tem trazido consequências econômicas graves, com o aumento desenfreado dos preços de alimentos, fertilizantes e combustíveis. O embate atinge duramente a economia da Ucrânia, importante centro de produção e comercialização de bens primários, devido à paralisação de suas zonas de produção e exportação de bens diversos, assim como a economia da Rússia, uma das maiores do globo, por meio das diversas sanções internacionais.

Ademais, o combate tem o potencial de gerar desdobramentos perigosos, especialmente por meio da participação ativa de outros países. A Rússia conta com o apoio de Belarus e Síria, além de outros territórios. Já a Ucrânia tem o apoio de grandes potências mundiais, além da Otan, maior aliança militar do mundo. A entrada direta de um desses atores no confronto tem o potencial de gerar uma guerra de grandes proporções, inclusive com o uso de equipamentos bélicos nucleares.

Por fim, destacam-se ainda as grandes perdas humanas. A guerra entre Rússia e Ucrânia já gerou muitas mortes, especialmente de civis ucranianos. Houve ainda um alto índice de óbitos de militares russos. O rastro de destruição deixado pelos bombardeios russos nas cidades ucranianas é enorme. Além disso, o conflito gerou milhões de refugiados, principalmente em países da Europa do Leste.

Créditos da imagem

[1] Seneline / Shutterstock

[2] Drop of Light / Shutterstock

Publicado por Mateus Campos

Artigos Relacionados

Vista da ponte Carlos, na cidade de Praga, na Tchéquia.
Leste Europeu
Entenda a aplicação do termo Leste Europeu na conjuntura geopolítica do mundo. Saiba mais sobre a geografia, a economia e a cultura dessa importante região.
A Crimeia é uma península localizada entre os mares Negro e Azov.
Questão da Crimeia
Fique por dentro da questão da Crimeia. Saiba quais foram as principais causas e consequências da invasão e anexação desse território pela Rússia.
Bandeira da Rússia
Rússia
Saiba mais sobre as principais características geográficas da Rússia. Veja dados sobre a demografia, a economia e a infraestrutura desse país euro-asiático.
A fronteira entre Rússia e Ucrânia é um dos principais focos de tensão da atualidade.
Tensão entre Rússia e Ucrânia
Saiba quais são as principais causas da tensão entre Rússia e Ucrânia. Leia informações sobre o contexto histórico, político e cultural desse conflito.
Bandeira da Ucrânia.
Ucrânia
Clique aqui e saiba mais sobre a Ucrânia. Veja características da geografia, da economia e da demografia dessa importante nação situada no Leste Europeu.
Vladimir Putin
Vladimir Putin
Acesse o texto e saiba mais sobre a trajetória de Vladimir Putin, nome forte da política russa desde 2000. Veja as principais marcas de seu governo.
Volodimir Zelensky, presidente da Ucrânia, em reunião em Kiev, em 19 de fevereiro de 2022.
Volodimir Zelensky
Você sabe quem é Volodimir Zelensky? Clique aqui e saiba detalhes a respeito de como era sua vida antes de se tornar presidente da Ucrânia.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas.