Hormônios

Hormônios são substâncias produzidas pelas glândulas endócrinas que atuam em tecidos ou órgãos específicos. Insulina, adrenalina e ocitocina são exemplos de hormônios.

Hormônios podem ser definidos como substâncias secretadas por glândulas endócrinas que atuam em locais específicos. Esses produtos são secretados pela glândula na própria corrente sanguínea e seguem até o seu alvo, onde se ligam a receptores específicos, desencadeando o funcionamento daquele tecido ou órgão. Vale destacar que alguns hormônios, no entanto, podem chegar até o destino por difusão passiva.

É importante salientar que, como os hormônios ligam-se a receptores no seu local alvo, não influenciam qualquer tipo de célula. Isso quer dizer que um hormônio pode circular na corrente sanguínea sem atrapalhar o funcionamento de outras células.

Qual é a função dos hormônios?

Os hormônios possuem funções diversas, que vão desde o desenvolvimento de características sexuais secundárias até o controle da glicemia no organismo. Podemos dizer, portanto, que os hormônios garantem o equilíbrio de nosso organismo, ou seja, promovem a homeostase.

→ “Feedback negativo” e “Feedback positivo”

As atividades do sistema endócrino são controladas por mecanismos denominados de feedback (retroalimentação). O feedback pode ser negativo ou positivo. O feedback negativo é o mais comum no organismo e tem como objetivo limitar os excessos no corpo. Isso quer dizer que, se um hormônio estiver em excesso, sua produção será interrompida; caso contrário, sua síntese será estimulada. Isso faz com que os hormônios permaneçam em níveis adequados.

O feedback positivo, por sua vez, é bem menos frequente e se caracteriza por possuir um estímulo inicial que causa cada vez mais estimulação do mesmo tipo. Isso que dizer que o estímulo provocará cada vez mais produção de dado hormônio. Enquanto o feedback negativo restaura a homeostase, o positivo estimula as alterações.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Alguns importantes hormônios do corpo

Nosso corpo possui uma série de hormônios que garantem seu funcionamento adequado. Entre esses hormônios, podemos citar:

  • Hormônio antidiurético: Produzido no hipotálamo e armazenado na hipófise, esse hormônio estimula a reabsorção de água nos ductos coletores.

  • Hormônio do crescimento ou somatotrofina: Produzido na hipófise, esse hormônio atua no crescimento de ossos longos, garantindo nosso crescimento.

  • Ocitocina: Hormônio produzido no hipotálamo e armazenado na hipófise. Está relacionado com a contração da musculatura do útero e de células da glândula mamária.

  • Tiroxina e tri-iodotironina: Produzidos pela tireoide, esses hormônios estão relacionados com o nosso metabolismo.

  • Paratormônio: Produzido na paratireoide, esse hormônio garante a reabsorção do osso e a liberação de cálcio no sangue.

  • Adrenalina ou epinefrina: Produzido na suprarrenal, esse hormônio relaciona-se com a defesa do organismo em situações de emergência, aumentando, por exemplo, a frequência cardíaca.

  • Insulina: Produzida no pâncreas, garante a entrada de glicose nas células.

  • Glucagon: Produzido no pâncreas, ajuda a aumentar a taxa de glicose no sangue.

Um exemplo de hormônio é a insulina, que garante a entrada de glicose nas células
Um exemplo de hormônio é a insulina, que garante a entrada de glicose nas células
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Lista de Exercícios

Questão 1

Os hormônios são substâncias importantes para o funcionamento do organismo e são responsáveis pelo equilíbrio do corpo. Essas substâncias são produzidas:

a) em glândulas exócrinas.

b) no sistema nervoso central.

c) no sistema nervoso periférico.

d) em glândulas endócrinas.

e) na corrente sanguínea.

Questão 2

Sobre os hormônios, marque a alternativa incorreta:

a) Os hormônios são substâncias produzidas em glândulas endócrinas.

b) Os hormônios são lançados na corrente sanguínea e atuam em diferentes órgãos, não havendo especificidade.

c) Os hormônios são liberados pela ação de mecanismos de feedback.

d) O feedback negativo é o meio mais comum de controlar as atividades do sistema endócrino.

e) Alguns hormônios não caem na corrente sanguínea e chegam ao seu destino por meio da difusão.

Mais Questões
Assuntos relacionados
A química explica o que sentimos quando estamos apaixonados.
Química do amor
Saiba qual é a "química" do amor e descubra quais substâncias estão envolvidas nesse fascinante e complexo fenômeno.
Os testículos são encontrados no interior do saco escrotal
Testículos
Saiba mais sobre os testículos, órgãos do sistema genital masculino responsáveis pela produção de espermatozoides e do hormônio testosterona.
Representação da síntese de hormônios tireoidianos pelo mecanismo de <em>feedback</em> negativo
Mecanismo de feedback
Entenda o que é o mecanismo de feedback, descubra sua importância e aprenda a diferença entre feedback negativo e positivo. Entre os meios para garantir equilíbrio e bom funcionamento do organismo, esses mecanismos estão relacionados com a regulação, aumentando ou reduzindo estímulos que causam alterações nos sistemas.
Glicose
Aprenda mais sobre a glicose clicando aqui! Neste texto abordaremos as características da glicose e a relação entre os níveis de glicose e a saúde humana.
Em situações que causam estresse e excitação, ocorre a liberação de adrenalina
Adrenalina
Descubra alguns dos principais efeitos da adrenalina no corpo humano e sua importância médica.
Glândulas que fazem parte do sistema endócrino
Sistema Endócrino
Clique aqui e conheça as principais glândulas do nosso sistema endócrino.
A tireoide produz hormônios que são importantes para o metabolismo do nosso organismo
Tireoide
Conheça aqui os hormônios produzidos pela tireoide e suas funções.
Hormônios Sexuais
Conheça quando e onde são produzidos os hormônios sexuais masculinos e femininos!
Um órgão do sistema nervoso central.
Hipotálamo
Região reguladora do cérebro associando o sistema nervoso e o sistema endócrino.
Situação de adrenalina.
Hormônio Adrenalina
Hormônio segregado pela porção medular das glândulas supra-renais, aceleração do ritmo cardíaco, aumento da pressão arterial, neurotransmissor do cérebro, estresse físico ou mental, receptores adrenérgicos, dilatação das pupilas e brônquios, infarto, japonês Jokichi Takamine.
A estrutura anatômica do pâncreas.
Pâncreas
Uma glândula mista produzindo enzimas digestivas e hormônios.
Localização das glândulas paratireóideas e tireóideas
Glândulas Paratireóideas
Saiba sobre estas uatro glândulas endócrinas, localizadas na região do pescoço.
Glândulas endócrinas
Hormônios produzidos nas glândulas suprarrenais
Saiba mais sobre os hormônios produzidos pelas glândulas suprarrenais
A hipófise se divide em adenoipófise e neuroipófise
Hipófise
Saiba quais são as funções dos hormônios sintetizados pela glândula hipófise.
O principal hormônio do sistema genital masculino é a testosterona
Hormônios e o sistema genital masculino
Saiba quais são os hormônios produzidos pelo sistema genital masculino.
A progesterona é o principal hormônio da gravidez
Progesterona
Conheça a função biológica e a estrutura química da progesterona, um hormônio sexual feminino.
A terapia de reposição hormonal pode trazer muitos benefícios às mulheres
Reposição hormonal e a mulher
Descubra os benefícios e os riscos da terapia de reposição hormonal através deste texto!