Whatsapp icon Whatsapp

Liga Árabe

A Liga Árabe é uma organização internacional formada por países árabes com o objetivo de fomentar as relações entre essas nações por meio do desenvolvimento econômico e social.
Bandeira da Liga Árabe.
Bandeira da Liga Árabe.

A Liga Árabe (ou Liga dos Estados Árabes) é uma organização internacional que reúne diversos países árabes do mundo. Ela tem como objetivo o desenvolvimento dos países árabes. Historicamente, a Liga esteve ligada às discussões importantes do mundo árabe, como situações econômicas e conflitos militares. Ela está estruturada por meio de um Conselho e de organizações temáticas. O Brasil possui grande proximidade, especialmente em termos econômicos, com os países árabes. A Liga Árabe é uma importante instituição de diálogo sobre os conflitos na Palestina.

Leia também: União Europeia — bloco econômico que reúne 27 países do continente europeu

Resumo sobre a Liga Árabe

  • A Liga Árabe é uma organização formada por países árabes localizados principalmente no Oriente Médio e no Norte da África.

  • Ela foi criada oficialmente em 22 de março de 1945, em um contexto histórico de aproximação política entre os países árabes.

  • A Liga dos Estados Árabes possui um total de 21 países-membros independentes, além da Palestina.

  • Seu objetivo central é fomentar o desenvolvimento e a parceria diplomática mútua das nações árabes.

  • Esse agrupamento enfrenta alguns conflitos internos que são fruto de visões nacionais ideológicas distintas.

  • O Brasil é um importante parceiro, em termos diplomáticos e econômicos, dos países que compõem a Liga.

O que é a Liga Árabe?

A Liga Árabe (ou Liga dos Estados Árabes) é uma organização internacional formada por 21 países árabes e pela Palestina. Seus membros estão localizados notadamente no Oriente Médio e no Norte da África. Essa organização tem como objetivo central o fomento das relações políticas, econômicas e militares entre as nações árabes do planeta.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

História da Liga Árabe

A história da Liga Árabe foi iniciada no final da primeira metade do século XX. Nesse contexto histórico, na tentativa de formar um bloco organizado de países árabes, a organização foi criada oficialmente em 22 de março de 1945.

Historicamente, esse agrupamento teve um papel de protagonismo na discussão das questões árabes, com destaque para o desenvolvimento econômico e o cenário militar. A Liga Árabe foi criada justamente para ampliar as discussões sobre as relações internacionais entre os países árabes, bem como para fomentar ainda mais a união interna e a proposição de soluções de questões políticas, econômicas e militares em comum.

Quais são os países-membros da Liga Árabe?

Bandeira dos países que integram a Liga Árabe.
A Liga Árabe reúne importantes nações do mundo árabe.

A Liga Árabe possui um total de 21 países-membros. Além destes, faz parte do grupo a Autoridade Nacional Palestiniana, conhecida como Palestina. Os países-membros da Liga Árabe estão listados abaixo:

Arábia Saudita

Síria

Marrocos

Egito

Emirados Árabes Unidos

Bahrein

Iêmen

Kuwait

Catar

Jordânia

Tunísia

Omã

Líbano

Sudão

Somália

Iraque

Líbia

Djibuti

Mauritânia

Argélia

Comores

Além dos países-membros oficiais, a Liga Árabe possui alguns países observadores. São eles: Armênia, Brasil, Eritreia, Índia e Venezuela.

Qual a estrutura da Liga Árabe?

A estrutura da Liga Árabe está centrada na atuação de um Conselho e na divisão de organizações departamentais. O Conselho da Liga Árabe é o principal órgão desse agrupamento e toma as decisões mais importantes, especialmente nos ramos político, econômico e militar.

A Liga Árabe tem um conjunto de organizações temáticas, responsáveis pela discussão de assuntos estratégicos do bloco, como desenvolvimento industrial, produção de petróleo, relações diplomáticas, entre outros. Há ainda, dentro da estrutura da Liga, a Secretaria-Geral, cujos mandatos têm cinco anos e é responsável pela parte burocrática da organização.

Quais são os objetivos da Liga Árabe?

O objetivo central da Liga Árabe é fomentar o desenvolvimento mútuo das nações árabes. Nesse contexto, destaca-se o apoio dessa organização no desenvolvimento econômico, na estabilidade política e na aproximação cultural das nações árabes. Ademais, os objetivos da organização são periodicamente discutidos nas reuniões, notadamente questões relacionadas ao cotidiano atual dos países árabes.

Veja também: Organização dos Estados Americanos (OEA) — instituição supranacional formada por 35 países da América

Conflitos internos na Liga Árabe

A Liga Árabe, assim como outros agrupamento políticos do mundo, enfrenta conflitos internos, fruto de visões nacionais ideológicas distintas, questões religiosas e culturais, e parcerias estratégicas nacionais com outros países do globo.

Nesse contexto, destaca-se a rivalidade interna entre a Arábia Saudita e o Irã, as duas principais potências do mundo árabe, que disputam o protagonismo econômico e político na região. A Arábia Saudita detém o apoio de países como Emirados Árabes Unidos e Bahrein. Já o Irã, apesar de não fazer parte da Liga Árabe, é próximo politicamente de países-membros desse agrupamento, como Síria e Iêmen.

Em nível mundial, há certa divisão dos países árabes com relação ao estabelecimento de vínculos diplomáticos com os Estados Unidos. O Egito e a Jordânia, por exemplo, são próximos dos estadunidenses; enquanto Síria e Iêmen são apoiados pela Rússia.

Liga Árabe e o Brasil

O Brasil é um importante parceiro da Liga Árabe em termos diplomáticos e econômicos. O país mantém uma relação de proximidade com a maior parte dos países árabes, atuando de forma diplomática em parcerias estratégicas, em áreas como meio ambiente, agropecuária e desenvolvimento sustentável. Por sua vez, os países árabes também são importantes parceiros comerciais do Brasil, especialmente na compra de bens primários, como grãos e carnes.

A Liga Árabe também é um parceiro cultural do Brasil, considerando que há no país minorias importantes de cidadãos de países árabes, com destaque para sírios, libaneses e palestinos.

Atuação da Liga Árabe na atualidade

Atualmente, a Liga Árabe atua especialmente na resolução de conflitos e na proposição de soluções sobre o cenário interno dos países árabes. Essa organização possui hoje um papel importante no fomento do desenvolvimento econômico das nações árabes e também no apoio à população árabe em termos políticos e culturais.

A Liga tem certo protagonismo na discussão de problemas geopolíticos que ocorrem nas nações árabes, com destaque para o conflito Israel e Palestina, que ocorre ao longo de bastante tempo e sem previsão de soluções futuras. Esse agrupamento apoia a causa palestiniana, apesar da recente aproximação de alguns países árabes com Israel.

Fontes

BRASIL. Liga dos Estados Árabes. Ministério das Relações Exteriores, 24 abr. 2014. Disponível em: https://www.gov.br/mre/pt-br/assuntos/mecanismos-internacionais/mecanismos-inter-regionais/liga-dos-estados-arabes.

INFOPÉDIA. Liga Árabe. Infopédia, c2003-2023. Disponível em: https://www.infopedia.pt/apoio/artigos/$liga-arabe.

DW. Liga Árabe readmite a Síria após 11 anos de suspensão. DW, 7 maio 2023. Disponível em: https://www.dw.com/pt-br/liga-%C3%A1rabe-readmite-a-s%C3%ADria-ap%C3%B3s-11-anos-de-suspens%C3%A3o/a-65543847.

VIEIRA, B. Brasil abre conversas com China, Turquia e Liga Árabe contra escalada entre Israel e Palestina. Folha de São Paulo, 13 out. 2023. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/colunas/monicabergamo/2023/10/brasil-abre-conversas-com-china-turquia-e-liga-arabe-contra-escalada-entre-israel-e-palestina.shtml.

Publicado por Mateus Campos

Artigos Relacionados

As religiões no Oriente Médio
A região mais tensa do planeta e sua relação com as religiões.
Conflitos entre Israel e Palestina
Venha entender um pouco dos conflitos travados entre Israel e Palestina. Saiba como esses conflitos se iniciaram, e veja um resumo dos seus principais episódios.
Egito
Saiba mais sobre a história da civilização egípcia. Veja dados geográficos, demográficos e econômicos do Egito e leia sobre a diversidade cultural dos egípcios.
Islamismo
Clique e acesse para saber mais sobre o islamismo, a segunda maior religião do planeta. Conheça a origem e os princípios que regem essa religião.
Israel
Conheça a história da fundação do Estado de Israel. Saiba mais sobre a origem dos conflitos políticos e religiosos que caracterizam o país desde a sua criação.
Oriente Médio
Saiba mais sobre o agrupamento de países que formam o Oriente Médio. Veja informações sobre as características geográficas, econômicas e culturais da região.
Palestina
Saiba mais sobre os aspectos históricos e geográficos da Palestina. Entenda o processo de reconhecimento internacional da Palestina como um território soberano.
video icon
Professora ao lado do texto"Verbos irregulares".
Português
Verbos irregulares
Sabendo que o estudo de verbos não é uma tarefa fácil, nesta videoaula esclareceremos as formas de flexão dos verbos irregulares, ou seja, aqueles que, ao serem conjugados, apresentam alteração em seu radical ou em sua terminação. Não deixe de assistir!