Nomenclatura dos óxidos

A nomenclatura dos óxidos é realizada levando-se em consideração a sua natureza, ou seja, se iônico (possui metal) ou molecular (não possui metal).

Óxidos são substâncias inorgânicas formadas pela associação de um elemento químico qualquer (metal ou ametal) com o oxigênio, que sempre apresenta NOX igual a -2. Por isso, a nomenclatura dos óxidos depende exclusivamente do elemento que está acompanhando o oxigênio.

A nomenclatura dos óxidos é realizada segundo regra proposta pela União Internacional da Química Pura e Aplicada (IUPAC):

Óxido + de + nome do elemento

Para realizá-la corretamente, devemos levar em consideração a natureza do óxido, isto é, se ele é iônico ou molecular.

Óxidos iônicos

São óxidos que apresentam um metal na sua constituição, sendo formados, por isso, por ligações iônicas. Na regra de nomenclatura dos óxidos, sempre indicamos o NOX do metal, caso ele não tenha NOX fixo.

Óxido + de +nome do elemento+ algarismo romano referente ao NOX

OBS.: Nos metais de NOX fixo (metais alcalinoterrosos, metais da família do boro, prata e zinco), os valores são: família IA (NOX = +1), IIA (NOX = +2), IIIA (NOX = +3) ou os elementos zinco e prata (NOX = +1).

Exemplos:

→ CaO

O elemento cálcio pertence à família IIA (possui NOX fixo +2). Logo, o nome do composto é óxido de cálcio.

→ Ag2O

O elemento prata possui NOX fixo +1. Logo, o nome do composto é óxido de prata.

→ Fe2O3

Esse óxido iônico apresenta índice numérico nos dois elementos. Isso acontece porque as cargas dos elementos foram cruzadas. Assim, como o NOX do oxigênio é sempre -2 (nos óxidos), podemos afirmar que o NOX do ferro é +3. Logo, o nome do composto é óxido de ferro III.

→ CrO3

Quando na fórmula de um óxido houver apenas um índice numérico, devemos calcular o NOX do elemento que acompanha o oxigênio (NOX = -2) utilizando a seguinte expressão:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

NOX do Cr + NOX do O = 0

OBS.: Não podemos nos esquecer jamais de multiplicar o NOX do elemento pelo seu índice na fórmula.

NOX do Cr.1 + 3. (-2) = 0

NOX do Cr – 6 = 0

NOX do Cr = +6

Logo, o nome do composto é óxido de crômio VI.

→ PbO2

Nessa fórmula também temos apenas um índice numérico e, por isso, devemos calcular o NOX do elemento que acompanha o oxigênio (NOX = -2).

NOX do Pb + NOX do O = 0

NOX do Pb.1 + 2. (-2) = 0

NOX do Pb – 4 = 0

NOX do Pb = +4

Logo, o nome do composto é óxido de chumbo IV.

Óxidos moleculares

São óxidos que não apresentam um metal na sua constituição, sendo formados, por isso, por ligações covalentes. Para eles, a regra de nomenclatura inclui prefixos que indicam a quantidade de átomos de cada elemento na molécula do óxido.

Prefixo + óxido + de + prefixo + nome do elemento

Exemplos:

→ P2O5

O óxido apresenta dois (prefixo di) átomos do elemento fósforo e cinco (prefixo penta) átomos do oxigênio (óxido). Logo, seu nome é pentóxido de difósforo.

→ Cl2O7

O óxido apresenta dois (prefixo di) átomos do elemento cloro e sete (prefixo hepta) átomos do oxigênio (óxido). Logo, seu nome é heptóxido de dicloro.

→ SO3

O óxido apresenta um (prefixo mono, que é opcional) átomo do elemento enxofre e três (prefixo tri) átomos do oxigênio (óxido). Logo, seu nome é trióxido de enxofre.

→ CO

O óxido apresenta um (prefixo mono, que é opcional) átomo do elemento carbono e um (prefixo mono) átomo do oxigênio (óxido). Logo, seu nome é monóxido de carbono.

O nome do dióxido de carbono é dado pela regra de nomenclatura de óxidos moleculares
O nome do dióxido de carbono é dado pela regra de nomenclatura de óxidos moleculares
Publicado por: Diogo Lopes Dias
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

Indique a fórmula e o nome dos compostos formados pela combinação dos cátions Na1+, Ca2+, Fe2+, Fe3+ com o ânion O2-:

a) NaO (Óxido de sódio), Ca2O (Óxido de cálcio), Fe2O (Óxido de ferro II), Fe3O2 (Óxido de ferro III).

b) NaO (Óxido de sódio), Ca2O (Óxido de cálcio), FeO (Óxido de ferro II), Fe2O3 (Óxido de ferro III).

c) Na2O (Óxido de sódio), CaO (Óxido de cálcio), Fe2O (Óxido de ferro II), Fe3O2 (Óxido de ferro III).

d) Na2O (Óxido de sódio), CaO (Óxido de cálcio), FeO (Óxido ferroso), Fe2O3 (Óxido férrico).

e) Na2O (Óxido de sódio), CaO (Óxido de cálcio), Fe2O (Óxido ferroso), Fe3O2 (Óxido férrico).

Questão 2

(UFPE) Anidrido sulfúrico é a denominação do óxido de enxofre, que, ao reagir com água, forma o ácido sulfúrico, sendo assim um dos causadores das chuvas ácidas. Qual deve ser a fórmula molecular desse óxido?

a) SO2.

b) S2O3.

c) SO3.

d) SO4.

e) S2O4.

Mais Questões
Assuntos relacionados
A ilustração retrata fórmulas químicas de substâncias estudadas na Química Inorgânica
Definição de Química Inorgânica
Veja a definição antiga e a atual de Química Inorgânica, saiba diferenciá-la da Química Orgânica e entenda quais são as funções inorgânicas.
Tacho de cobre.
Metal Cobre
Bom condutor de eletricidade e calor, alto grau de dureza, resistente à corrosão, minérios de cobre, materiais metalúrgicos, cobre metálico, azurita, malaquita, cintilância, tachos de cobre, utensílios domésticos.
Entre os tipos de reações estudadas na Química está a de Síntese ou de Adição
Reação de Síntese ou de Adição
A reação de síntese ou de adição se dá quando dois ou mais reagentes se combinam para originar um único produto.
Os sais inorgânicos são muito utilizados no dia a dia
Principais sais inorgânicos
Veja as principais características, fontes de obtenção e as aplicações dos sais inorgânicos mais importantes do nosso cotidiano.
Na neutralização parcial, o meio não ficará neutro e o pH não será igual a 7
Reação de Neutralização Parcial
Aumente seus conhecimentos sobre reações inorgânicas lendo esse texto sobre reação de neutralização parcial entre ácidos e bases.
<p>A magnetita é um minério compostos pelo óxido duplo Fe<sub>3</sub>O<sub>4</sub></p>
Óxidos duplos, mistos ou salinos
Clique para conhecer as características e a nomenclatura dos chamados óxidos duplos, mistos ou salinos.
Ácidos inorgânicos podem ser obtidos a partir de reações com óxidos
Reações químicas com óxidos
Clique e aprenda quais são as reações químicas que envolvem a participação dos óxidos e os possíveis produtos formados em cada uma delas.
O ácido sulfúrico pode ser obtido a partir de reações com óxidos ácidos
Reações com óxidos ácidos
Clique e conheça quais são os reagentes e também os possíveis produtos utilizados nas reações com óxidos ácidos.
O sulfeto de hidrogênio pode ser obtido em reações com sulfetos específicos
Reações com sulfetos
Clique e conheça quais são as principais reações químicas com sulfetos, bem como os reagentes e produtos dessas reações.
O dióxido de carbono (CO2) é um anidrido ácido que forma ácido ao reagir com a água
Anidridos ácidos
Clique e conheça as particularidades dos anidridos ácidos e aprenda ainda como esses compostos formam ácidos quando interagem com a água.
Exemplo clássico da nomenclatura de um peróxido
Nomenclatura dos peróxidos
Descubra como é feita a nomenclatura de um peróxido e conheça alguns exemplos da aplicação dessa regra.
O monóxido de dinitrogênio (N<sub>2</sub>O), que é um óxido neutro, pode ser utilizado como anestésico
Óxidos neutros
Conheça as principais particularidades dos óxidos neutros, classe com três representantes que não reagem com compostos ácidos e básicos.
O cloreto de sódio é um exemplo de composto formado a partir de ligação iônica entre os átomos
Ligação Iônica
Entenda como ocorre a ligação iônica, descubra seus princípios e características e aprenda a montar as fórmulas de compostos iônicos.
O ímã é composto por óxidos duplos
Classificação dos óxidos
Classificação dos óxidos, compostos binários, oxigênio, Óxidos básicos, óxidos ácidos, óxidos neutros, óxidos anfóteros, óxidos mistos, peróxidos, carga elétrica, caráter iônico, caráter covalente, ametais.
Elemento Químico
Conjunto formado por átomos de mesmo número atômico.
Sais de banho
Sal por toda parte
Conheça vários sais e onde são aplicados.
O tipo de ligação química que forma os compostos é que determina suas propriedades
Ligações Químicas
Entenda por que os átomos reagem entre si, originando as ligações químicas. Veja também o que diferencia as principais ligações, que são: ligação iônica, covalente e metálica.
“Sabão de cinza” feito com óxido de potássio (óxido básico presente nas cinzas da madeira)
Óxidos Básicos
Entenda o que são óxidos básicos, suas propriedades, aplicações e exemplos principais, como o óxido de potássio, de cálcio e de sódio, além do óxido nitroso.
Bolhas de gás hidrogênio sendo liberadas numa reação de simples troca
Reações de Simples Troca
Entenda o que é uma reação de simples troca, por que ela também se trata de uma reação de oxirredução e quais são as condições para a sua ocorrência.
Os óxidos ácidos são os grandes responsáveis pela chuva ácida que destrói florestas
Óxidos ácidos
Definição dos óxidos ácidos, exemplos, fórmulas, reações que participam, ocorrência no cotidiano e sua contribuição para as chuvas ácidas.
O óxido de zinco é um óxido anfótero conhecido como alvaiade, sendo usado na pintura do rosto dos palhaços de circo
Óxidos anfóteros
Conheça a classificação dos óxidos em óxidos anfóteros, veja exemplos e como eles se comportam.
Íon-fórmula de um importante sal utilizado no cotidiano, o cloreto de sódio
Íon-fórmula
Aprenda a construir a fórmula que representa qualquer composto iônico, isto é, o chamado íon-fórmula!