Whatsapp icon Whatsapp

Desmatamento no Brasil

O desmatamento no Brasil é um grave problema ambiental. Algumas de suas consequências são a poluição do ar, a perda da biodiversidade e a diminuição das fontes de água.
Desmatamento ilegal da Floresta Amazônica, no estado do Mato Grosso, como exemplo de desmatamento no Brasil.
O desmatamento no Brasil é uma realidade desde o período de colonização do território brasileiro.

O desmatamento no Brasil é um dos principais problemas ambientais do país. A remoção da vegetação é uma realidade desde o período de colonização do território brasileiro, e as causas do desmatamento estão relacionadas especialmente ao desenvolvimento das atividades econômicas. O Brasil enfrenta problemas de desmatamento especialmente nos biomas Mata Atlântica, Cerrado e Amazônia. Esse cenário gera consequências importantes em termos ambientais e ecológicos. O Brasil é um dos líderes do índice de desmatamento em todo o mundo.

Leia também: Quais foram os principais desastres ambientais causados pelo homem no Brasil?

Resumo sobre o desmatamento no Brasil

  • No Brasil, o desmatamento em larga escala foi iniciado no período da colonização e baseado nas atividades produtivas.

  • São consequências do desmatamento no Brasil a poluição do ar, a perda da biodiversidade e a diminuição das fontes de água.

  • O Brasil é um dos líderes mundiais do desmatamento, com destaque para os biomas Mata Atlântica, Cerrado e Amazônia.

  • O poder público é um dos principais agentes de combate ao desmatamento por meio da criação de legislações e da fiscalização de terras.

  • O desenvolvimento das atividades econômicas está diretamente relacionado à questão do desmatamento em todo o mundo.

Início do desmatamento no Brasil

O desmatamento no Brasil iniciou-se em com o processo de colonização do país. A exploração empreendida pelos portugueses, por meio da exploração de recursos florestais como o pau-brasil, além do próprio processo de expansão da ocupação do território do país, por meio da instalação de estradas e vilas, marcou o início do desmatamento no Brasil.

A partir do desenvolvimento de novos ciclos econômicos, o desmatamento no Brasil foi ampliado, fazendo jus aos impactos ambientais, ocasionados especialmente pelas atividades primárias. Exemplos de ciclos econômicos desenvolvidos no Brasil são o da cana-de-açúcar, do ouro e do café.

Além disso, com o aumento da urbanização e da industrialização, o Brasil passou a registrar índices ainda maiores de desmatamentos, comumente associados à expansão da mancha urbana das cidades do país, especialmente nas regiões mais povoadas, como o centro-sul.

Em tempos mais recentes, o desmatamento no Brasil tem sido comumente associado à expansão da ocupação das partes mais ao centro-norte do país e ao desenvolvimento de atividades primárias como a cultivação de grãos e a criação de animais. As atividades ilegais, como a extração de madeira e minérios em áreas protegidas, também elevam o índice de desmatamento no Brasil.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Causas do desmatamento no Brasil

As causas do desmatamento no Brasil estão associadas à ação humana, especialmente com base no desenvolvimento de atividades produtivas. Nesse contexto, temos como causas importantes do desmatamento no Brasil:

  • existência de atividades predatórias em áreas de proteção ambiental;

  • desenvolvimento de atividades agropecuárias em regiões vegetadas;

  • predação de recursos naturais, como madeiras, folhagens e sementes;

  • aumento da urbanização e da industrialização no território brasileiro;

  • fragilidade da legislação ambiental e das ações de fiscalização no país;

  • impacto provocado por atividades primárias, como a extração mineral.

Panorama do desmatamento no Brasil

O desmatamento é uma das principais causas da degradação ambiental no Brasil. Ele está diretamente relacionado à perda da qualidade ambiental dos biomas brasileiros. Os pontos abaixo exemplificam o cenário de desmatamento nos três principais biomas do Brasil.

Desmatamento na Amazônia

Região de desmatamento na Amazônia, um dos principais exemplos de desmatamento no Brasil.
Desmatamento na Amazônia.

O desmatamento na Amazônia está diretamente vinculado ao avanço das atividades produtivas primárias nessa região do Brasil. As práticas relacionadas à exploração de madeiras, de minerais, à cultivação de grãos e à criação de animais são as principais causas do desmatamento na Amazônia.

No geral, muitas dessas ações ocorrem em áreas protegidas, como reservas ambientais e aldeias indígenas, por meio da atuação ilegal de madeireiros e garimpeiros. Atualmente, a porção centro-sul da Amazônia, comumente chamada de Arco do Desmatamento, registra grande volume de supressão da vegetação.

Desmatamento no Cerrado

Região de desmatamento no Cerrado, um dos principais exemplos de desmatamento no Brasil.
Desmatamento no Cerrado.

O desmatamento no Cerrado está fortemente vinculado ao desenvolvimento das atividades agropecuárias. Essa região do Brasil tem sido caracterizada pela expansão de atividades econômicas relacionadas à cultivação de grãos e à criação de animais. O desmatamento no Cerrado implica, além da supressão da vegetação, graves prejuízos ambientais, com destaque para o impacto nas reservas de águas subterrâneas.

A região do Matopiba, acrônimo que se refere às áreas de grande produção agropecuária dos estados de Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, registra elevadas taxas de desmatamento de vegetação de Cerrado.

Desmatamento na Mata Atlântica

Região de desmatamento na Mata Atlântica, um dos principais exemplos de desmatamento no Brasil.
Desmatamento na Mata Atlântica.[1]

O desmatamento na Mata Atlântica ocorre desde o início do processo de colonização do Brasil, logo, é resultado de séculos de predação dos recursos naturais, empregados para o desenvolvimento das atividades produtivas do país.

A urbanização e a industrialização estão entre as principais causas do desmatamento na Mata Atlântica. Essa região sofreu com o crescimento urbano desenfreado, com o intenso aumento da população absoluta e com a instalação de indústrias muito poluentes. Atualmente, a Mata Atlântica tem registrado índices menores de desmatamento, mais concentrados em regiões rurais desse bioma.

Veja também: Queimadas no Pantanal — detalhes sobre um fenômeno que vem aumentando significativamente

Dados do desmatamento no Brasil

Os dados do desmatamento no Brasil, na atualidade, são especialmente produzidos por ferramentas de análise espacial constituídas por sistemas de informações geográficas. Nesse contexto, o uso de imagens de satélites e o tratamento informatizado permitiram maior veracidade dos dados de desmatamento no Brasil.

Atualmente, o país ocupa uma posição dianteira entre os países mais desmatadores do mundo, com destaque para os biomas Amazônia, Cerrado e Mata Atlântica. Nas animações a seguir, produzidas pelo IBGE, é possível ver a redução da cobertura vegetal do Brasil de 2000 a 2018:

Gif produzido pelo IBGE mostrando uma das situações de desmatamento no Brasil: desmatamento na Amazônia Oriental.
Cobertura vegetal na Amazônia Oriental de 2000 a 2018. (Créditos: IBGE)
Gif produzido pelo IBGE mostrando uma das situações de desmatamento no Brasil: desmatamento no centro-sul.
Cobertura vegetal no centro-sul de 2000 a 2018. (Créditos: IBGE)
Gif produzido pelo IBGE mostrando uma das situações de desmatamento no Brasil: desmatamento no Matopiba.
Cobertura vegetal no Matopiba de 2000 a 2018. (Créditos: IBGE)

Consequências do desmatamento no Brasil

O desmatamento possui graves consequências, pois ele altera toda a dinâmica ambiental e ecológica presente no espaço geográfico brasileiro. São exemplos dessas consequências:

  • perda da biodiversidade de espécies animais e vegetais;

  • poluição dos recursos naturais, com destaque para o ar;

  • diminuição da recarga dos aquíferos e das fontes de água;

  • perda da qualidade física, química e biológica do solo;

  • acentuação das mudanças climáticas ao redor do planeta;

  • elevação das médias das temperaturas registradas no globo.

Leis que regulamentam o desmatamento no Brasil

Desmatamento na Amazônia, um exemplo de desmatamento no Brasil, prática considerada um crime ambiental.
O desmatamento é classificado como crime ambiental no Brasil.

O Brasil possui um conjunto de legislações que apontam para políticas conservacionistas de proteção das superfícies vegetadas. A própria Constituição da República Federativa do Brasil indica alguns pontos do caráter preservacionista na legislação brasileira. Há também o Código Florestal Brasileiro, que versa sobre a proteção das áreas de vegetação nativa.

A presença de uma ampla legislação ambiental é bastante importante para a proteção das superfícies vegetadas do Brasil. No entanto, essas legislações devem ser amplamente aplicadas por meio de intensa fiscalização e campanhas de conscientização, a fim de que haja um efeito prático sobre a conservação das florestas ainda presentes no território brasileiro.

Papel do governo no desmatamento no Brasil

O governo, tanto o central quanto o estabelecido entre os entes federados, tem um papel importante na questão do desmatamento no Brasil, pois, como visto, ele é ator fundamental na contenção do processo de degradação ambiental.

Para tal, é necessária a promoção de políticas públicas que versem pela redução do desmatamento, pela preservação da vegetação, pelo desenvolvimento sustentável, entre outras ações, que objetivem reduzir o quadro de degradação ambiental bastante presente no território brasileiro.

O governo também é responsável por aplicar as legislações ambientais vigentes no Brasil, fiscalizar as atividades produtivas e seus impactos ambientais, e promover campanhas de conscientização ambiental em todo o território brasileiro.

Desmatamento no mundo

O desmatamento é um fenômeno não apenas presente no território brasileiro mas também parte da lógica ambiental e econômica de todo o globo. A remoção da vegetação nativa é uma ação bastante comum e está diretamente relacionada ao desenvolvimento das atividades produtivas.

Em nível mundial, os elevados índices de desmatamento estão mais concentrados, na atualidade, em países em desenvolvimento, que possuem parte da sua economia baseada nas atividades primárias. A produção agropecuária e a exploração mineral estão entre as principais atividades relacionadas à supressão da vegetação no mundo. O Brasil, em conjunto com outras nações subdesenvolvidas, como Bolívia, Peru e Indonésia, está entre os países que mais desmatam no planeta.

Exercícios resolvidos sobre desmatamento no Brasil

Questão 1

(UFJF)

“A redução dos tamanhos das florestas naturais em todo o mundo tem ocorrido como resultado, principalmente, de incêndios, corte de árvores para propósitos comerciais, devastação de terras para utilização da agropecuária, ou até fenômenos naturais. (...) A persistência na ocorrência desses problemas torna relevante a manutenção de debates sobre as causas e os fatores relacionados ao desmatamento no Brasil, detentor da maior floresta mundial”.

Fonte: ARRAES, Ronaldo de Albuquerque e; MARIANO, Francisca Zilania; SIMONASSI, Andrei Gomes. Causas do desmatamento no Brasil e seu ordenamento no contexto mundial. Rev. Econ. Sociol. Rural, Brasília, v. 50, n. 1, p. 119-140, Mar. 2012.

Sobre o desmatamento no Brasil é CORRETO afirmar:

A) O desmatamento é um processo inerente ao progresso, sem o qual o crescimento econômico é inviável.

B) Como consequências do desmatamento, tem a diminuição da recarga dos aquíferos.

C) A Caatinga é o bioma brasileiro com menor percentual de área desmatada, devido, sobretudo, à aridez dos solos, o que inibe a agricultura.

D) O novo Código Florestal Brasileiro, promulgado em 2012, ampliou as áreas de preservação permanente, o que vem inibindo o desmatamento nos últimos anos.

E) A principal causa do desmatamento no Brasil atualmente é a expansão urbana, sobretudo na Região Norte.

Resolução:

Alternativa B

Uma das principais consequências do desmatamento é a redução da recarga dos aquíferos, considerando que a presença de vegetação facilita a infiltração da água no subsolo.

Questão 2

(ESAMC) Leia o excerto abaixo:

Estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Leeds, no Reino Unido, e publicado na revista Nature apontou que o desmatamento em grande escala na Amazônia pode levar à diminuição das chuvas no Brasil. O bioma seria o mais afetado pelo desmate da floresta tropical, correndo o risco de apresentar, até 2050, uma queda de 21% na quantidade de precipitações durante o período de seca e de 12% durante a estação úmida. Mas o regime de chuvas em outras regiões do país também pode apresentar mudanças por conta do desmatamento na Floresta Amazônica: nas áreas próximas à bacia do rio Prata, por exemplo, que está localizada no sul do Brasil, as chuvas tendem a diminuir, pelo menos, 4% nos próximos 30 anos por conta do desmate.

Fonte: http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/desmatamento-na-amazonia-afeta-regime-de-chuvas. Acesso:18/08/2015.

A diminuição das chuvas, em todo o Brasil, tem como uma de suas causas fundamentais o desmatamento da Floresta Amazônica, devido ao fato de:

A) na floresta, ocorrer evapotranspiração, favorecendo a formação de nuvens, com possibilidade de precipitação em outras regiões.

B) o desmatamento favorecer o assoreamento dos rios, que passam a levar menos água para outras regiões, afetando assim o regime de chuvas.

C) a lixiviação do solo da floresta dificultar a evaporação da água dos rios, responsáveis por levar a umidade à atmosfera, influenciando no processo de formação das chuvas.

D) o desmatamento favorecer a eutrofização dos rios, que passam a levar menor volume de água a outras regiões, afetando, assim, o regime de chuvas.

E) o desmatamento contribuir para a diminuição do volume de água dos lençóis freáticos, o que, consequentemente, decorre em escassez de chuvas em algumas regiões.

Resolução:

Alternativa A

A remoção da vegetação altera a dinâmica das chuvas, pois diminui as taxas de evapotranspiração e, consequentemente, a ocorrência de eventos chuvosos.

Crédito de imagem

[1]Themium / Wikimedia Commons (reprodução)

Fontes

AGÊNCIA IBGE NOTÍCIAS. IBGE retrata cobertura natural dos biomas do país de 2000 a 2018. Agência IBGE Notícias, 24 set. 2020. Disponível em: https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/28943-ibge-retrata-cobertura-natural-dos-biomas-do-pais-de-2000-a-2018.

CNN. Desmatamento no Brasil: como começou, causas e cenário atual. CNN, 28 fev. 2023. Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/desmatamento-no-brasil/.

IMAZON. Desmatamento na Amazônia em 2023 pode passar dos 11 mil km² se seguir o ritmo atual estima PrevisIA. Imazon, 29 dez. 2022. Disponível em: https://imazon.org.br/imprensa/desmatamento-na-amazonia-em-2023-pode-passar-dos-11-mil-km%C2%B2-se-seguir-o-ritmo-atual-estima-previsia/.

MAPBIOMAS. Desmatamento nos biomas do Brasil cresceu 22,3% em 2022. Mapbiomas, c2023. Disponível em: https://brasil.mapbiomas.org/2023/06/12/desmatamento-nos-biomas-do-brasil-cresceu-223-em-2022/.

PASSARINHO, N. COP27: 3 gráficos que mostram piora do Brasil em desmatamento, queimadas e emissões de CO2. BBC, 15 nov. 2022. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-63614414.

PRIZIBISCZKI, C. Planeta perdeu 11 campos de futebol de florestas por minuto em 2022; Brasil lidera ranking. Oeco, 27 jun. 2023. Disponível em: https://oeco.org.br/noticias/planeta-perdeu-11-campos-de-futebol-de-florestas-por-minuto-em-2022-brasil-lidera-ranking/.

Publicado por Mateus Campos
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Aquecimento global
Saiba quais são as principais características do aquecimento global. Veja detalhes sobre as causas e as consequências desse fenômeno que gera mudanças climáticas.
Biomas brasileiros
Clique aqui, saiba quais são os biomas brasileiros, conheça suas principais características e entenda a importância dessas unidades geográficas para o Brasil.
Desmatamento
Descubra as principais causas e consequências do desmatamento. Conheça os biomas brasileiros mais atingidos nos últimos anos e quais são os países que mais desmatam.
Impactos ambientais
Saiba o que são impactos ambientais e conheça suas causas e consequências. Veja os principais impactos ambientais registrados no Brasil e no mundo.
Mudanças climáticas
Amplie seus conhecimentos sobre mudanças climáticas conhecendo melhor o que é esse fenômeno, bem como suas principais causas e consequências para o planeta.
Queimadas
Clique e veja quais as causas das queimadas, quais tipos de queimadas existem, seus efeitos no meio ambiente global, e como podemos solucionar esse problema.
Queimadas na Amazônia
Entenda o perigo das queimadas na Amazônia. Saiba as consequências desses eventos no bioma nortista. Conheça os motivos das queimadas.
Queimadas no Pantanal
Clique e veja detalhes da origem e de como se formam as queimadas no Pantanal. Quais os impactos dessa prática na natureza, e o que os dados revelam sobre a região.
video icon
Professora ao lado do texto"Aposto".
Português
Aposto
Aposto é o nome que se dá ao elemento sintático que se junta a outro a título de explicação ou de apreciação. Assista a esta videoaula e aprenda um pouco mais sobre o emprego e a classificação desse termo acessório da oração.