Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia humana
  4. Por que devemos nos preocupar com as mudanças climáticas?

Por que devemos nos preocupar com as mudanças climáticas?

Você já ouviu falar em mudanças climáticas? Se não, saiba que esse é um dos maiores desafios da sociedade atualmente. As ações antrópicas têm provocado inúmeros danos ao meio ambiente, e as consequências disso estão cada vez mais presentes em nossas vidas.

As mudanças climáticas nada mais são do que as transformações nos padrões climáticos ao longo do tempo. Essas mudanças podem ser de ordem natural, como a variação da incidência solar e as dinâmicas da litosfera que resultam em perturbações na superfície, ou pela ação do homem, que é considerada por muitos estudiosos e ambientalistas o principal fator das alterações no comportamento climático. Mas você sabe por que devemos nos preocupar com as mudanças climáticas?

O derretimento das calotas polares e o consequente aumento do nível do mar são consequências das mudanças climáticas.
O derretimento das calotas polares e o consequente aumento do nível do mar são consequências das mudanças climáticas.

1º) A temperatura da Terra está aumentando

A temperatura da Terra aumentou consideravelmente nos últimos anos. Estudos revelam que, nos últimos 150 anos, a temperatura do planeta elevou-se de maneira considerável: cerca de 0,2°C a cada década.

De acordo com o relatório publicado em 2007 pelo Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), até 2100, a temperatura global sofrerá um aumento entre 1,8°C e 4°C, cenário que é considerado extremo e de consequências catastróficas. No ano de 2017, a temperatura aumentou aproximadamente 0,83°C com relação à temperatura registrada entre 1951 e 1980. Segundo dados da Nasa e da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (Nooa), o ano de 2016 bateu o recorde de temperatura média anual, sendo considerado o ano mais quente da história.

Esse aumento não foi ao acaso. Após a Revolução Industrial, o clima mudou consideravelmente, em razão das toneladas de dióxido de carbono e outros gases poluentes lançados à atmosfera pelas fábricas e carros. Esses gases, chamados de gases de efeito estufa, possuem a capacidade de absorver radiação solar, evitando que todo o calor que chega até a superfície terrestre retorne ao espaço. São, portanto, responsáveis pela intensificação do fenômeno chamado efeito estufa, que é essencial à existência de vida na Terra, pois mantém o equilíbrio energético e a temperatura média da Terra em 14ºC.

Se há um grande aumento desses gases na atmosfera, consequentemente há maior aprisionamento de calor, elevando a temperatura e ocasionando o que se entende como aquecimento global. Se esse aumento não for contido, as consequências serão irreversíveis.

Leia também: Ações antrópicas – os impactos causados pelo homem no meio ambiente

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

2°) Aumento do nível do mar

O considerável aumento da temperatura média da Terra tem provocado um grande problema: o aumento do nível do mar. As águas oceânicas absorvem calor, o que tem favorecido o derretimento das geleiras. A estimativa do IPCC de 2014 é de que os oceanos poderiam elevar-se em quase 1 metro (em comparação ao nível registrado entre 1986 e 2005), se o aumento da temperatura global limitar-se em 2ºC.

O derretimento das calotas polares tem afetado a vida de diversos animais, como os ursos-polares.
O derretimento das calotas polares tem afetado a vida de diversos animais, como os ursos-polares.

Caso haja um aumento maior que o previsto, o aumento do nível do mar pode ficar entre 36 cm e 126 cm. Isso significa que cerca de 1,79 milhão de quilômetros quadrados de área continental será tomado por água e cerca de 187 milhões de pessoas terão que se deslocar.

E não só os seres humanos sofrerão com esse cenário. A sobrevivência de diversas espécies, como o urso-polar, está em risco. As mudanças no clima fazem com que esses animais precisem deslocar-se por muito mais tempo a fim de encontrar alimentos, além de modificar seu habitat. Segundo a revista Ecology and Evolution, o aquecimento global pode provocar a extinção, em 50 anos, de 10% das espécies de sapos, rãs e pererecas endêmicas (só existem ali) do bioma Mata Atlântica, no Brasil.

Leia também: 10 dicas importantes para preservar o meio ambiente

3°) Escassez de água

As alterações provocadas no clima, como o aumento das temperaturas, refletem-se também nos padrões pluviométricos e, por conseguinte, no abastecimento dos recursos hídricos. O aumento das temperaturas causa seca em algumas regiões, visto que há redução da umidade do solo, fazendo com que ele absorva mais rapidamente o fluxo de água, impedindo o abastecimento dos rios.

A seca extrema é um dos problemas que podem ser causados pelas mudanças climáticas.
A seca extrema é um dos problemas que podem ser causados pelas mudanças climáticas.

A baixa nos níveis dos cursos d'água, além de prejudicar o abastecimento doméstico, provoca também desequilíbrio ambiental, levando à perda de inúmeras espécies. Outro problema associado à escassez de água está relacionado com a produção de alimentos. A variação nos regimes de chuva tem preocupado agricultores, que perdem suas safras em determinadas épocas do ano. E se não há produção, não há abastecimento da população, portanto, faltam alimentos, além de provocar inúmeros prejuízos aos agricultores.

Por fim, se falta água, sobra conflito. A falta de água já é um grande problema a ser enfrentado no mundo todo, mas isso deve intensificar-se como consequência do aquecimento global. A procura por esse recurso natural pode ser a causas de inúmeros conflitos.

Leia também: Escassez hídrica e a segurança alimentar

4°) Favorecimento de eventos climáticos extremos

O aquecimento global tem favorecido o aumento das inundações, causando diversos transtornos. [1]
O aquecimento global tem favorecido o aumento das inundações, causando diversos transtornos. [1]

Enquanto algumas regiões do planeta enfrentarão a falta de água, outras terão que conviver com o excesso dela. Assim como as chuvas em determinadas áreas se tornarão escassas devido às mudanças climáticas, outras vivenciarão o aumento delas, ficando expostas às inundações. Especialistas em clima associados ao IPCC afirmam que as mudanças climáticas causarão episódios extremos nas próximas décadas.

Segundo pesquisadores da Universidade de Nova Gales do Sul, na Austrália, o aumento das temperaturas provocará também o aumento de tempestades e, consequentemente, inundações. A pesquisa também mostra que as cidades enfrentarão desafios no que tange à sua infraestrutura para que possam lidar com as inundações.

Outra questão associada às mudanças climáticas é o aumento da incidência de furacões. Segundo Tobias Geiger, especialista do Instituto Potsdam de Pesquisa sobre o Impacto Climático, o aumento das temperaturas faz com que haja maior acúmulo de energia em maiores distâncias nos oceanos, favorecendo a ocorrência de furacões, também chamados de ciclones tropicais, até mesmo em áreas que antes não eram tão afetadas.

Leia também: Por que é tão difícil um furacão atingir o Brasil?

5°) Danos à saúde

De acordo com especialistas das academias de ciências da Europa, as mudanças climáticas estão diretamente relacionadas à saúde humana. Os eventos extremos, como as secas e ondas de calor, podem favorecer a disseminação de doenças transmitidas por alguns mosquitos que se desenvolvem em lugares quentes, bem como agravar doenças respiratórias, em razão do aumento da poluição atmosférica.

A Organização Mundial da Saúde e o Banco Mundial afirmam que as ondas de calor na Europa, por exemplo, estão colocando em risco a saúde das pessoas. Em 2019, a França registrou mais de 40°C em algumas regiões. Segundo Dann Mitchell, professor de Ciência Atmosférica da Universidade de Bristol, na Inglaterra, essas ondas de calor registradas estão diretamente logadas ao aquecimento global.

Na Índia, país do continente asiático, em 2019, foi registrada a morte de 36 pessoas em razão de uma intensa onda de calor no país, cuja temperatura alcançou os 50°C. O Departamento de Meteorologia indiano alertou a população quanto aos riscos de insolação e outras doenças ocasionadas pelo aumento das temperaturas.

Crédito de imagem:

[1] michelmond / shutterstock

Publicado por: Rafaela Sousa
Assuntos relacionados
A emissão de gases é pauta nas discussões dos tratados internacionais
Tratados Internacionais sobre meio ambiente
Tratados Internacionais sobre o meio ambiente, O que são os Tratados Internacionais sobre o meio ambiente, Onde ocorrem os Tratados Internacionais sobre o meio ambiente, Em quais anos ocorrem os Tratados Internacionais sobre o meio ambiente, Qual a importância dos Tratados Internacionais sobre o meio ambiente.
Imagens de satélite importante na previsão do tempo.
Previsão do tempo
Previsão do tempo, O que é a Previsão do tempo, O que é meteorologia, O que é estação meteorológica, Os instrumentos utilizados na Previsão do tempo, A importância da Previsão do tempo.
Uma das metas propostas pela ONU é a diminuição da miséria no mundo.
Projeto do Milênio proposto pela ONU
Objetivos a serem alcançados no mundo até 2015.
O urso polar está sendo afetado pelo degelo das calotas polares
Aquecimento global e a biodiversidade
Entenda a relação entre o aquecimento global e a biodiversidade e conheça alguns exemplos de como as mudanças climáticas podem afetar os seres vivos.
Ciclo do carbono
Você sabe como o carbono circula no ambiente? Clique aqui e amplie seus conhecimentos sobre o ciclo do carbono e a importância desse elemento.
21 de março - Dia Internacional das Florestas
Conheça mais sobre o Dia Internacional das Florestas. Saiba quem criou essa data. Confira as principais funções das florestas para o planeta e a humanidade.
22 de abril – Dia da Terra
Você sabe como surgiu o Dia da Terra? Descubra por que essa data foi criada e conheça alguns problemas ambientais enfrentados na atualidade clicando aqui!
Expectativa de vida das mulheres é superior à dos homens
Expectativa de vida
O cálculo do número médio que um indivíduo poderá viver.
Temperaturas negativas, baixa umidade e precipitações são características do clima polar
Clima polar
Conheça o clima polar, que apresenta belíssimas paisagens e baixíssimas temperaturas.
Cúpula Sobre Mudanças Climáticas - COP 15
Cúpula Sobre Mudanças Climáticas
A reunião internacional que visa minimizar o aquecimento global.
O aumento na temperatura média do planeta pode desencadear longos períodos de estiagem no futuro.
Mudanças climáticas
Amplie seus conhecimentos sobre mudanças climáticas conhecendo melhor o que é esse fenômeno, bem como suas principais causas e consequências para o planeta.