Outono

O outono é uma estação do ano que se inicia, no Hemisfério Norte, em 22 e 23 de setembro e, no Hemisfério Sul, em 20 e 21 de março. Dentre as suas diversas características, destaca-se a queda das folhas e da temperatura. Essa estação é sentida e vivida melhor no Hemisfério Norte da Terra.

A chegada do outono é marcada pela presença dos equinócios, tanto no Sul quanto no Norte. O equinócio de outono, no Hemisfério Sul, ocorre nos dias 20 e 21 de março; no Hemisfério Norte, 22 e 23 de setembro. Nesses dias, os dias e as noites estão equilibrados, com o mesmo tempo de duração. Essa estação também é conhecida como estação das frutas, com diversas espécies de árvores dando frutos no período.

Leia também: Solstício e equinócio: quando ocorrem e quais as diferenças?

Características do outono

O outono é uma estação do ano que ocorre após o verão e antes do inverno. Tem início a partir do momento em que há o chamado equinócio de outono, fenômeno em que dias e noites têm o mesmo tempo de duração. No Hemisfério Norte, o outono inicia-se no dia 22 e 23 de setembro e, no Hemisfério Sul, no dia 20 e 21 de março. Sempre que é outono no Hemisfério Norte, é primavera no Hemisfério Sul e vice-versa.

O outono apresenta diversas características próprias e só se manifesta mais acentuadamente nas regiões de clima temperado e subtropical. Nesses climas, ocorre a queda das folhas como característica mais marcante da estação. Essa queda só ocorre em plantas caducifólias (plantas que perdem a folhagem em um época do ano – no outono). Além disso, as plantas frutíferas tendem, nessa época do ano, a amadurecer seus frutos, sendo uma estação de muita produção de frutas.

Queda das folhas no outono do Hemisfério Norte
Queda das folhas no outono do Hemisfério Norte.

Nessa estação, os ventos também aumentam e ficam mais fortes gradativamente. Como o outono antecede o inverno, é comum também haver quedas de temperaturas constantes. Se há queda nas temperaturas, também há a diminuição da umidade do ar. Geadas e neve podem ser também comuns nessa estação do ano.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Equinócio de outono

O equinócio é um fenômeno natural em que o Sol está posicionado diretamente na Linha do Equador, de maneira retilínea, promovendo dias e noites com o mesmo tempo de duração. Se o dia total tem duração de 24 horas, a noite e o dia teriam, portanto, 12 horas de duração cada.

Solstícios e equinócios.
Solstícios e equinócios

Outono no Hemisfério Sul

O outono no Hemisfério Sul tem seu início entre os dias 20 e 21 de Março, com o equinócio de outono, e seu término entre os dias 20 ou 21 de Julho, com o solstício de inverno. As áreas do planeta que vivenciam o outono no Hemisfério Sul de forma mais acentuada são aquelas que se localizam entre o Trópico de Capricórnio e o Círculo Polar Antártico, posicionados na Zona Temperada do Sul, englobando alguns países americanos, africanos e da Oceania.

No Sul, a característica da estação que mais se destaca são as quedas na temperatura e, automaticamente, da umidade do ar, com o ar se apresentando mais seco. Em alguns países, há a presença de um fenômeno climático conhecido como veranico ou veraneio de maio, que consiste no aumento das temperaturas naquelas localidades.

Veja também: O que é a precessão dos equinócios?

Outono no Hemisfério Norte

O outono no Hemisfério Norte começa entre os dias 21 e 22 de setembro, tendo duração de aproximadamente três meses, terminando entre os dias 20 e 21 de dezembro. O término da estação é marcado pelo fenômeno do solstício de inverno.

No norte do Planeta Terra, os territórios que mais vivenciam o outono estão localizados geograficamente entre o Trópico de Câncer e o Círculo Polar Ártico, posicionados na Zona Temperada do Norte, englobando Europa, norte da América e Ásia. A característica central dessa zona térmica da Terra é justamente ter as quatro estações do ano bem definidas.

O outono na Europa e Estados Unidos da América é marcado por um fenômeno climático conhecido como indian summer — verão indiano. Essa condição climática gera um período de calor bem mais forte, característica incomum na estação.

Outono no Brasil

No Brasil, o outono tem mais influência e características mais bem definidas no sul da Região Sudeste e na Região Sul, por estarem mais próximos ou localizados na zona temperada do Sul. O outono configura-se em nosso território como uma estação de transição entre verão e inverno, alterando algumas características climáticas.

São observadas nesse período alterações nas condições do tempo atmosférico, com maior presença de queda na temperatura diária ou de nevoeiros em regiões de altitude maior no Sudeste e Sul do país. Nas demais áreas do país, ocorre uma redução da incidência de chuva, tendo, portanto, queda nos índices de precipitação.

Nas Regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul, as temperaturas também ficam mais amenas no meio da estação, com variações de temperatura entre 12 ºC de mínima e 18 ºC de máxima. Isso ocorre porque há a entrada de massas de ar frias oriundas do Polo Sul da Terra. O final da estação é marcado, na porção central do Brasil, pelo fim das chuvas, iniciando a estação do inverno.

No sul do Brasil, por se tratar de uma região de clima subtropical, ocorrem fenômenos como a queda de temperatura e o aumento dos ventos, anunciando o inverno. É comum também observar a frutificação das plantas, configurando-se como a estação das frutas.

Estação das frutas

O outono é conhecido como estação das frutas por ser a época de colheita de diversas frutas em grande parte dos países. Nessa época do ano, é comum observarmos diversas festas e eventos recheados com essas guloseimas naturais, ricas em vitaminas e energia. São comuns no outono: abacate, banana, caqui, coco, figo, goiaba, graviola, kiwi, laranja, limão, maçã, mamão, manga, pera e uva.

O outono é conhecido como a estação das frutas.
O outono é conhecido como a estação das frutas.

As frutas são alimentos saudáveis e ricos em vitaminas e antioxidantes, fazendo um tremendo bem à saúde. Além disso, possuem diversos usos na gastronomia e cultura, não só brasileira, mas pelo mundo afora.

O outono, além de ser a estação das frutas, deve ser pensado também como estação que favorece a inovação e criatividade na culinária brasileira e mundial. Com o aparecimento de frutos, é permitida a criação de receitas e sucos saudáveis e nutritivos.

Publicado por: Gustavo Henrique Mendonça
Assuntos relacionados
As estações do ano representam quatro diferentes períodos ao longo de um ano.
Estações do ano
Estações do ano representam quatro subdivisões dos períodos do ano: verão, outono, inverno e primavera. Cada uma apresenta um padrão climático e características específicas de cada região, ocorrendo de maneira heterogênea nos Hemisférios Sul e Norte. Leia este texto e conheça as particularidades de cada estação do ano.
Inverno
Conheça as principais características do inverno, a estação do ano que se inicia no dia 21 de junho no hemisfério sul.
A precessão é apenas um dos vários movimentos da Terra
Precessão dos Equinócios
Entenda o que é a precessão dos equinócios, um dos vários movimentos realizados pelo nosso planeta.
A primavera é a estação do ano conhecida como estação das flores.
Primavera
A primavera acontece na mesma época do ano no hemisfério Norte e Sul? Saiba a resposta para essa e outras perguntas lendo nosso texto sobre a estação da primavera.
Solstício e equinócio são fenômenos astronômicos que marcam o início das estações do ano.
Solstício e equinócio
Solstício e equinócio, fenômenos astronômicos que marcam o início das estações do ano, relacionam-se com o movimento aparente do Sol, que interfere na quantidade de radiação solar recebida pela Terra. Saiba as principais características desses fenômenos, quando ocorrem e qual a relação entre eles e as estações do ano.
Verão
Conheça mais sobre o verão. Saiba quais são suas principais características e quando se inicia nos dois hemisférios. Descubra também o que é horário de verão.