Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Química Inorgânica
  4. Cloreto de sódio (sal de cozinha)

Cloreto de sódio (sal de cozinha)

O cloreto de sódio é um composto iônico de fórmula molecular NaCl, aplicado na culinária, para temperar e conservar carnes e texturizar queijos, e na medicina, para reidratar o organismo e repor os eletrolitos. É indispensável para o bom funcionamento do corpo humano, pois os íons provenientes do sal estão presentes nos nossos sistemas nervoso, muscular e digestivo.A principal forma de obtenção do sal de cozinha é por extração da água marinha, feita pela evaporação.

Leia também: Eletrólise do cloreto de sódio – processo e produtos

Propriedades do cloreto de sódio

  • Fórmula molecular: NaCl
  • Aspecto: sólido, branco
  • Densidade: 2,165 g/cm³
  • Ponto de fusão: 801 °C
  • Ponto de ebulição: 1413 ºC
  • Solubilidade: solúvel em água.
  • Condutividade: é um sal condutor quando dissociado em meio aquoso.

Composição química do cloreto de sódio

A composição da molécula de cloreto de sódio é dada por um átomo de cloro (Cl) e um átomo de sódio (Na), na proporção de 1 para 1. Os átomos dessa molécula são conectados por ligação iônica e formam íons Na + e Cl - quando dissociados em meio aquoso.

Representação da molécula cloreto de sódio e seu arranjo cristalino.
Representação da molécula cloreto de sódio e seu arranjo cristalino.

Obtenção do cloreto de sódio

Atualmente a principal fonte de obtenção do cloreto de sódio dá-se pela evaporação da água do mar, um processo semelhante à destilação simples, só que nele é feita apenas a coleta do soluto, o sal, nosso item de interesse.

A água do mar passa por tanques ou placas evaporadoras, reservatórios rasos que abrangem uma extensa área, e quando acontece a concentração dessa salmoura, chegando-se ao ponto de maturação, a água que restou no reservatário é retirada e volta para o mar, e então é possível fazer a coleta do sal que ficou precipitado no fundo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Em seguida, o cloreto de sódio passa por um processo de lavagem para retirar-se as impurezas, como restos orgânicos e minerais que não são de interesse, como magnésio (Mg) e cálcio (Ca), e então pelo beneficiamento.

O beneficiamento do sal é dado de acordo com o destino de interesse. O sal para consumo humano, por exemplo, é adicionado de iodo (I) para suprir as necessidades do corpo, evitando assim, por exemplo, doenças decorrentes de distúrbio da tireoide, como o bócio.

A coleta do sal é feita após processo de evaporação.
A coleta do sal é feita após processo de evaporação.

Aplicação do cloreto de sódio

O cloreto de sódio é uma substância química presente no cotidiano, um item indispensável da culinária, usado tanto para temperar quanto para conservar alimentos perecíveis, como a carne.

A propriedade higroscópica (que absorve a água) do sal proporciona um ambiente estéril para muitos microrganismos, bactérias responsáveis pelo apodrecimento do alimento e proliferação de toxinas (que são prejudiciais a nossa saúde) e que não conseguem sobreviver em um meio de elevada pressão osmótica (pressão submetida à carne pelo “roubo” de líquido provocado pelo sal).

Aplicado no ramo alimentício para manipulação da textura de alguns alimentos, como o queijo, que é “curado” (endurecido) com auxílio do sal, o sal também é usado para controlar a fermentação no processo de fabricação de pães, queijos, linguiças e conservas.

Ainda, é utilizado medicinalmente na composição do soro fisiológico, em uma concentração de 0.9 g de cloreto de sódio para cada 100 ml de solução, sendo uma solução isotônica em relação ao corpo, ou seja, tem a mesma concentração de sais dos líquidos corporais. É utilizado para lavagem de mucosas e administração intravenosa quando necessário, e para reposição líquida e eletrolítica no organismo.
O cloreto de sódio é a principal matéria-prima utilizada industrialmente para extração de cloro (Cl2), soda cáustica (NaOH) e hipoclorito de sódio (NaClO).

Veja também: Ácido sulfúrico – substância química mais usada pela indústria

Importância do cloreto de sódio

O cloreto de sódio é indispensável para o bom funcionamento do corpo humano. Os eletrolitos provenientes do sal estão presentes nos processos:

  • de contração muscular, incluindo músculos cardíacos;
  • de sinapses ou impulsos nervosos (reação de transmissão elétrica);
  • de transporte dos gases dióxidos de carbono das células até o trato pulmonar;
  • de absorção de potássio pelo intestino delgado, potássio que age no relaxamento muscular;
  • do pâncreas, para a liberação de insulina.
As sinapses elétricas acontecem em meio iônico, no qual podem estar presentes íons provenientes do cloreto de sódio.
As sinapses elétricas acontecem em meio iônico, no qual podem estar presentes íons provenientes do cloreto de sódio.

Exercícios resolvidos

Questão 1 – Qual o tipo de interação atômica que acontece na molécula que compõe o sal de cozinha (NaCl)?

A) Ligação metálica
B) Ligação covalente
C) Ligação iônica
D) Ligação dipolo-dipolo
E) Ligação do tipo covalente-dativa

Resolução

Alternativa C. O sal de cozinha possui os átomos de sódio e cloro unidos por ligação iônica, pois são elementos que têm significativa diferença de eletronegatividade entre si. A ligação iônica acontece entre um metal e um ametal; no caso do cloreto de sódio, o metal sódio (Na) doa um elétron para o ametal cloro (Cl), ficando assim ambos estáveis eletronicamente.

Questão 2 – (Unifor-CE) A boa condutibilidade elétrica das soluções aquosas de cloreto de sódio deve-se ao movimento de:

A) elétrons livres.
B) elétrons compartilhados
C) moléculas solvatadas
D) moléculas dispersas
E) íons dispersos.

Resolução

Alternativa E. A dissociação do NaCl resulta na formação de íons dispersos, íons que, por estarem livres, terão carga, possibilitando, assim, a transmissão de corrente elétrica. 

Questão 3 – O sal de cozinha é obtido principalmente da água do mar, assinale a alternativa do nome do procedimento para extração do sal.

A) Filtragem
B) Secagem
C) Decantação
D) Evaporação
E) Destilação

Resolução

Alternativa D. O processo para extração do cloreto de sódio da água do mar é feito por evaporação, processo semelhante à destilação, mas nele não há coleta do líquido final, apenas do soluto. A evaporação para extração do sal é feita submetendo a água do mar ao calor do Sol, até que aconteça gradativamente a concentração e precipitação do sal presente na solução.

Publicado por: Laysa Bernardes Marques de Araujo
Assuntos relacionados
Existem vários tipos de sais inorgânicos que precisam ser classificados em grupos específicos para serem estudados
Classificação e nomenclatura dos sais
Conheça a classificação dos sais em neutros, ácidos, básicos, duplos, hidratados e alúmen, além de compreender como é realizada a nomenclatura em cada caso.
Símbolo utilizado para representar o elemento cloro
Cloro
Clique e conheça as características, as utilizações e as propriedades físicas e químicas do cloro e saiba como é produzido esse elemento químico.
A ilustração retrata fórmulas químicas de substâncias estudadas na Química Inorgânica
Definição de Química Inorgânica
Veja a definição antiga e a atual de Química Inorgânica, saiba diferenciá-la da Química Orgânica e entenda quais são as funções inorgânicas.
A destilação simples da água do mar é uma alternativa para auxiliar na escassez de água potável
Destilação simples
Estude a destilação simples e aprenda quais são os materiais e os benefícios desse método de separação de misturas.
Já imaginou que o sal de cozinha (cloreto de sódio) poderia originar o sódio metálico, que é tão reativo que chega a explodir em contato com a água?
Eletrólise do Cloreto de Sódio
Entenda como ocorre a eletrólise do cloreto de sódio (ígnea e em meio aquoso), quais são as reações envolvidas e os produtos obtidos.
Algumas moléculas conseguem vencer a tensão superficial do líquido
Evaporação
A evaporação é um processo que ocorre em líquidos com temperatura igual ou inferior a 100ºC.
Iodo na panela: Frutos do mar.
Iodo
Confira aqui a importância do iodo para o organismo e quais são os alimentos fontes desse mineral!
Como os jogadores da seleção brasileira treinam intensivamente todos os dias, eles precisam ingerir bebidas isotônicas
Isotônicos
Os isotônicos tomados por atletas possuem a mesma concentração de sais minerais que os fluidos do organismo.
O cloreto de sódio é um exemplo de composto formado a partir de ligação iônica entre os átomos
Ligação Iônica
Entenda como ocorre a ligação iônica, descubra seus princípios e características e aprenda a montar as fórmulas de compostos iônicos.
Tacho de cobre.
Metal Cobre
Bom condutor de eletricidade e calor, alto grau de dureza, resistente à corrosão, minérios de cobre, materiais metalúrgicos, cobre metálico, azurita, malaquita, cintilância, tachos de cobre, utensílios domésticos.
O soro fisiológico deve ser isotónico em relação ao sangue, ou seja, ambos devem possuir a mesma pressão osmótica
Pressão Osmótica
Para impedir que a osmose ocorra é só aplicar uma pressão externa, denominada pressão osmótica, sobre a solução mais concentrada.
As bases são substâncias muito usadas em laboratório e estão presentes em vários produtos usados diariamente
Principais bases
Conheça as principais bases usadas na indústria química, suas características e aplicações na sociedade.
O cloreto de sódio é um exemplo de sal solúvel
Solubilidade dos sais
Clique e aprenda a classificar os sais inorgânicos quanto à solubilidade em água, isto é, se solúveis ou praticamente insolúveis.
Íons
Clique aqui e entenda o que são os íons negativos e os íons positivos!