Whatsapp icon Whatsapp

Propriedades da fosfoetanolamina

A fosfoetanolamina (o princípio ativo da pílula do câncer) foi alvo de inúmeras polêmicas por ser apontada como possível cura para o câncer.
Cápsulas de fosfoetanolamina, a pílula do câncer
Cápsulas de fosfoetanolamina, a pílula do câncer

Durante 20 anos, desde 1995, o grupo de pesquisa do professor Gilberto Orivaldo Chierice, da USP de São Carlos, desenvolveu uma substância denominada de fosfoetanolamina sintética. No ano de 2015, essa substância tornou-se bastante popular porque o professor Chierice divulgou para a mídia que a fosfoetanolamina sintética desenvolvida pelo seu grupo apresentava ótimos resultados no tratamento do câncer.

Para que uma substância seja considerada eficaz para o tratamento de uma doença, são necessários vários testes e pesquisas, todos confirmados e aceitos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Como a fosfoetanolamina ainda não passou por esses trâmites legais obrigatórios, ainda não pode ser chamada de medicamento ou de cura para o câncer.

Neste texto, vamos dar ênfase nas características e propriedades da Fosfoetanolamina:

1) Propriedades da Fosfoetanolamina

a) Composição química

Fórmula estrutural da Fosfoetanolamina
Fórmula estrutural da Fosfoetanolamina

Os elementos químicos que formam a molécula de Fosfoetanolamina (C2H8NO4P) são:

  • Carbono (2 átomos)

  • Oxigênio (4 átomos)

  • Nitrogênio (1 átomo)

  • Hidrogênio (8 átomos)

  • Fósforo (1 átomo)

Todos esses elementos compõem três grupos distintos na molécula:

Em virtude da presença do grupo orgânico amina, de acordo com a Bioquímica, a Fosfoetanolamina é uma amina primária, pois o Nitrogênio está ligado a dois átomos de Hidrogênio. Porém, como é um tipo de fosfolipídeo (lipídio que apresenta ácido fosfórico), também é considerada um monoéster.

b) Características físicas

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Sólida em temperatura ambiente;

  • Solúvel em água e em solventes orgânicos;

  • Suas moléculas interagem por meio de Ligações de Hidrogênio;

  • Ponto de fusão e ebulição ainda desconhecidos.

c) Reatividade

No organismo, a fosfoetanolamina é utilizada como reagente básico na produção de diversos fosfolipídios importantes para o equilíbrio e manutenção celular.

Entre eles, temos:

  • Fosfatidiletanolamina:

  • Fosfatidilserina:

  • Fosfatidilcolina:

2) Comportamento no organismo

As moléculas de fosfoetanolamina e os fosfolipídeos produzidos a partir delas apresentam as seguintes possíveis ações no organismo:

  • Participa de vias de sinalização (indica se a célula está com defeito) para um macrófago;

  • Composição da membrana celular;

  • Transporte de ácido graxo para as mitocôndrias;

  • Participação na síntese de substratos intermediários (participa da quebra dos nutrientes adquiridos na alimentação) do metabolismo;

  • Participação de etapas da regulação do metabolismo celular, como o metabolismo mitocondrial;

  • Participa da síntese de acetilcolina (substância que participa da transmissão do impulso nervoso);

  • Participa da síntese hormonal;

  • Divisão celular.

3) Síntese laboratorial de Fosfoetanolamina

A produção de fosfoetanolamina em laboratório pode ser realizada por meio da reação química entre o ácido fosfórico e a etanolamina (2-aminoetanol). Nessa reação, as duas moléculas unem-se após a formação de uma molécula de água por meio da hidroxila (OH) da etanolamina e de um hidrogênio do ácido fosfórico.

Equação de formação da fosfoetanolamina
Equação de formação da fosfoetanolamina

Publicado por Diogo Lopes Dias

Artigos Relacionados

Aminas
Bases orgânicas, amônia, Aminas alifáticas, trimetilamina, putrescina, cadaverina, diaminas alifáticas saturadas, alcalóides, vulcanização da borracha, preparação de corantes, fabricação de sabões, produção de medicamentos, Amina terciária, Amina secundária, Amina primária, reação com ácido nitroso.
Esterificação
Saiba mais sobre as reações de esterificação, suas aplicações, como elas ocorrem e sua diferença em relação à transesterificação e à saponificação.
Estrutura Química dos Esteroides
Conheça a estrutura química, as fontes de obtenção e as funções essenciais dos esteroides, tais como o colesterol, e os hormônios sexuais testosterona e estradiol.
Força intermolecular, temperatura e solubilidade de moléculas
Como a interação entre moléculas torna um composto mais solúvel?
Ligações de Hidrogênio
Ocorre quando a molécula possui um hidrogênio (“polo positivo”) ligado ao flúor, nitrogênio ou oxigênio, ou seja, elementos muito eletronegativos (“polos negativos”).
Lipídios
Compreenda o que são os lipídios e as principais funções dessas moléculas nos organismos vivos.
Metabolismo
Entenda o que é metabolismo e compreenda a diferença entre anabolismo e catabolismo.
Nomenclatura dos hidrocarbonetos
Saiba mais sobre as regras de nomenclatura para hidrocarbonetos. Saiba como analisar uma estrutura e definir sua nomenclatura. Resolva os exercícios propostos.
Organelas celulares
Você sabe o que são organelas celulares? Clique aqui, descubra o que são essas estruturas, e conheça algumas delas e suas funções.
Ponto de Fusão e Ponto de Ebulição na Tabela Periódica
Veja qual é a relação dos pontos de fusão e de ebulição dos elementos em relação ao crescimento do seu número atômico, na mesma família e no mesmo período da Tabela Periódica.
Retículo endoplasmático
Aprenda as principais características do retículo endoplasmático e entenda a diferença entre seus dois tipos.
Solubilidade dos Compostos Orgânicos
Você sabe por que o etanol consegue se misturar tanto em água como em gasolina? Isso é explicado pelos fatores que determinam a solubilidade dos compostos orgânicos.
Ácido Fosfórico
Conheça mais sobre o ácido fosfórico, o ácido que deu origem ao mito de que os refrigerantes à base de cola desentopem pias.
Ácidos
Clique e descubra a definição de ácido, suas características, classificações e utilizações. Confira também exercícios resolvidos sobre o tema!
Ésteres
Descubra o que são os ésteres. Saiba mais sobre sua nomenclatura. Veja quais são as diferentes classificações e formas de obtenção. Resolva os exercícios propostos.
video icon
Professora ao lado do texto"Verbos irregulares".
Português
Verbos irregulares
Sabendo que o estudo de verbos não é uma tarefa fácil, nesta videoaula esclareceremos as formas de flexão dos verbos irregulares, ou seja, aqueles que, ao serem conjugados, apresentam alteração em seu radical ou em sua terminação. Não deixe de assistir!