Nomenclatura dos hidrocarbonetos

A nomenclatura para moléculas de hidrocarbonetos é estabelecida, pela União de Química Pura e Aplicada (Iupac), com regras específicas, que definem bem a estrutura de cada composto. Os hidrocarbonetos recebem um prefixo de acordo com o número de carbonos, e as ramificações e insaturações também são nomeadas e localizadas.

Os hidrocarbonetos de cadeia aberta compõem as funções alcanos, alcenos, alcadienos e alcinos, que se diferenciam pelo número de insaturações. As funções cíclicas — cicloalcano, cicloalceno, cicloalcadieno — seguem a mesma lógica, sendo que, nesse caso, os hidrocarbonetos terão cadeia fechada.

Leia também: Numeração dos carbonos na cadeia principal de hidrocarbonetos

A nomenclatura dos hidrocarbonetos depende da quantidade de carbonos, ramificações, insaturações e se a cadeia é aberta ou fechada.
A nomenclatura dos hidrocarbonetos depende da quantidade de carbonos, ramificações, insaturações e se a cadeia é aberta ou fechada.

Regra geral de nomenclatura dos hidrocarbonetos

1. Definir-se a cadeia principal

Caso a molécula tenha mais de uma extremidade, isso quer dizer que se trata de uma cadeia ramificada, portanto, a cadeia principal será aquela com o maior número de carbonos lineares contendo todas as insaturações da cadeia (quando for uma molécula insaturada), o restante será ramificação.

Exemplo:

Perceba que teremos nessa molécula duas ramificações, e a cadeia principal (circulada de vermelho) terá 7 carbonos.

Perceba que teremos nessa molécula duas ramificações, e a cadeia principal (circulada de vermelho) terá 7 carbonos.

2. Contagem de carbonos

A contagem de carbonos da cadeia principal é usada para localizar-se as ramificações e insaturações. A regra estabelece que se deve iniciar a contagem pelo lado mais próximo da instauração e ramificação, a soma dos numerais de localização que aparecem na nomenclatura deve ser a menor possível, essa mesma contagem é usada para definir-se o prefixo da nomenclatura:

  • 1 carbono: met-

  • 2 carbonos: et-

  • 3 carbonos: prop-

  • 4 carbonos: but-

  • 5 carbonos: hept-

  • 6 carbonos: hex-

  • 7 carbonos: hept-

  • 8 carbonos: oct-

  • 9 carbonos: non-

  • 10 carbonos: dec-

 

Leia também: Classificação das cadeias carbônicas

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Nomenclatura dos hidrocarbonetos ramificados

Como mencionado no tópico anterior, quando a molécula possui ramificações, o nome da ramificação precede a nomenclatura da cadeia principal, ou seja, são termos diferentes. Para nomear os radicais ou as ramificações, usaremos prefixo de acordo com o número de carbonos e terminação -il ou -ila. É necessário localizar em que carbono encontra-se a ramificação, em algumas moléculas, só haverá um local possível de existir ramificação, nesses casos, não se faz necessário localizar em que carbono encontra-se.

Exemplos:

Nomenclatura dos alcanos

A função a que pertence a molécula está diretamente ligada à terminação da nomenclatura. Alcanos são as moléculas de cadeia aberta que não possuem insaturações, e a nomenclatura para compostos dessa função será dada por:

regra geral + terminação -ano

Exemplos:

  • CH3-CH3: etano
    (et- - referente ao número de carbonos na cadeia; -ano - referente à saturação da cadeia)

  • CH3-CH2-CH3: propano

  • CH3-CH2-CH2-CH3: butano

O metano, formado por um carbono e pertencente à função alcano, é um gás de efeito estufa produzido pela digestão e decomposição de matéria orgânica.
O metano, formado por um carbono e pertencente à função alcano, é um gás de efeito estufa produzido pela digestão e decomposição de matéria orgânica.

Nomenclatura dos alcenos

Alcenos serão os hidrocarbonetos de cadeia aberta que possuem uma insaturação, uma dupla ligação, a nomenclatura para esse tipo de composto será dada por:

Regra geral + terminação -eno

Exemplos:

  • CH3-CH=CH2: propeno

  • CH2=CH-CH2-CH3: but-1-eno

  • CH3-CH=CH-CH2-CH3: pent-2-eno

Nomenclatura dos alcadienos

Alcadienos são os hidrocarbonetos acíclicos (cadeia aberta) que possuem duas insaturações, duas duplas ligações na cadeia. A nomenclatura para esse tipo de composto é dada por:

Regra geral + terminação -dieno

Exemplos:

  • CH2=C=CH2: propadieno

  • CH2=C=CH-CH2-CH3: pent-1,2-dieno

Nomenclatura dos alcinos

Alcinos são hidrocarbonetos insaturados com uma tripla ligação. A nomenclatura para esse tipo de molécula será dada por:

Regra geral + terminação -ino

Exemplos:


 

Acesse também: Classificação e nomenclatura dos haletos orgânicos

O acetileno ou etino é a menor molécula do grupo dos alcinos. É aplicada como gás de solda devido ao seu alto potencial calorífico.
O acetileno ou etino é a menor molécula do grupo dos alcinos. É aplicada como gás de solda devido ao seu alto potencial calorífico.

Nomenclatura dos hidrocarbonetos cíclicos

Para nomear os hidrocarbonetos cíclicos, usa-se as mesmas regras de nomenclaturas citadas, o diferencial das moléculas de cadeia fechada será o termo ciclo antes da nomenclatura referente à cadeia principal.

  • Nomenclatura dos cicloalcanos

Cicloalcanos são hidrocarbonetos de cadeia fechada insaturados, ou seja, que não possuem duplas ou triplas ligações. A nomenclatura para esse tipo de molécula será dada por:

Nomenclatura e localização da ramificação (se houver) + ciclo + regra geral + terminação -ano

Exemplo:

  • Nomenclatura dos cicloalcenos

Cicloalcenos é a função dos hidrocarbonetos de cadeia fechada que possuem uma instauração, uma dupla ligação. A nomenclatura para esse tipo de molécula será dada por:

Nomenclatura e localização da ramificação (se houver) + ciclo + regra geral + terminação -eno.

Exemplo:

  • Nomenclatura dos cicloalcadienos

Função composta por moléculas de hidrocarbonetos com duas instaurações, duas duplas ligações. A nomenclatura para esse tipo de molécula será dada por:

Nomenclatura e localização da ramificação (se houver) + ciclo + regra geral + terminação -dieno

Exemplo:

Nomenclatura dos aromáticos

Um composto aromático não segue as mesmas regras dos demais hidrocarbonetos, recebendo nome específico. Um hidrocarboneto aromático será aquele com:

  • cadeia fechada;

  • insaturação;

  • ligações conjugadas, ou seja, as insaturações alternam-se entre simples e duplas.

A aromaticidade de um composto é marcada pela transição de elétrons entre os carbonos. O benzeno é um dos hidrocarbonetos aromáticos mais citados, a nomenclatura para os compostos aromáticos derivados dele será dada de acordo com o posicionamento dos substituintes:

  • Substituintes na posição 1,2: orto

  • Substituintes na posição 1,3: meta

  • Substituintes na posição 1,4: para

Exemplos:

Exemplos de hidrocarbonetos aromáticos:

O naftaleno está presente nas cápsulas de naftalina usadas como inseticidas, seu uso doméstico foi suspenso pela toxidade do composto.
O naftaleno está presente nas cápsulas de naftalina usadas como inseticidas, seu uso doméstico foi suspenso pela toxidade do composto.

Veja também: Nomenclatura de compostos com funções mistas

Exercícios resolvidos

Questão 1 – O etano é o mais simples dos hidrocarbonetos saturados, contém dois carbonos, é de grande valor comercial devido a sua aplicação industrial na produção de etileno. Qual estrutura, a seguir, corresponde a uma molécula de etano?

A)

B)

C)

D)

 

E)

 

Resolução

 

Alternativa D. Levando em consideração o enunciado da questão, que diz “o etano é o mais simples dos hidrocarbonetos SATURADOS, CONTÉM DOIS CARBONOS”, teremos apenas a letra D condizendo com essa descrição. Assim já eliminamos todas as demais alternativas, que possuem 3 carbonos e/ou hidrocarbonetos insaturados, ou seja, que possuem dupla ligação.

 

Questão 2 – Hidrocarbonetos são compostos orgânicos constituídos apenas de carbonos e hidrogênios, podem ser saturados ou não, de cadeia aberta ou fechada. Essas características definem a função a que pertence determinada molécula. Sobre o composto a seguir, assinale a alternativa que contém a nomenclatura e função correspondente.

  1. 2-metil-pent-2,4-ino

  2. 3-metil-hex-1,3-dieno

  3. 3-metil-pent-1,2-ino

  4. 3-etil-pent-1,3-dieno

  5. 3-metil-pent-1,3-dieno

Resolução

Alternativa E. Analisando a molécula, podemos ver que:

  1. A cadeia principal, aquela que contém todas as ramificações e o maior número de carbonos lineares, tem 5 carbonos, ou seja, prefixo -pent.

  2. Existe uma ramificação com 1 carbono, localizada no carbono 3 da cadeia principal, portanto: 3-metil.

  3. Como são duas instaurações, duas duplas ligações, sabemos que se trata de um composto da função ALCADIENO, e o sufixo do composto localizando as instaurações será: 1,3-dieno.

Juntando as informações, e de acordo com as regras da Iupac, temos: 3-metil-pent-1,3-dieno.

Publicado por Laysa Bernardes Marques de Araujo
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Exemplos de materiais feitos com látex, borracha obtida do isopreno, que é o principal alcadieno usado no cotidiano
Alcadienos
Veja a definição da função orgânica dos alcadienos ou dienos, como é realizada sua nomenclatura e exemplos de suas aplicações.
Alcanos
Conheça os alcanos e suas propriedades. Aprenda como é dada a nomenclatura, de onde são extraídos e onde se aplicam. Resolva ainda os exercícios propostos.
A cédula de dez reais é feita de polietileno.
Alcenos
Alcenos, gás, eteno, etileno, plásticos, borracha sintética, corantes, tecidos sintéticos, explosivos, cracking de petróleo, polietileno, gás oléfiant, olefinas, hidrocarbonetos, cadeia carbônica acíclica.
Alcinos
Aprenda o que são os alcinos. Confira os processos que envolvem o uso desses compostos, saiba mais sobre sua obtenção e como é dada a nomenclatura.
O benzeno é um hidrocarboneto de fórmula C6H6 com vasta aplicação na área da Química Orgânica.
Benzeno
Que tal saber um pouco mais sobre o benzeno? Descubra sua aplicação na indústria e no dia a dia, suas características e os riscos que pode trazer à saúde humana.
Nomenclatura dos Alcanos
Nomenclatura dos Alcanos, função hidrocarboneto, valências dos carbonos, União Internacional de Química Pura e Aplicada, IUPAC, hidrocarbonetos alifáticos saturados, simples ligações, compostos orgânicos.
Você sabe a nomenclatura do alceno acima?
Nomenclatura dos Alcenos
Conheça as regras de nomenclatura dos alcenos, hidrocarbonetos com uma ligação dupla entre carbonos.
A nomenclatura de alcinos segue quase todas as mesmas regras que a nomenlatura dos alcanos e alcenos
Nomenclatura dos Alcinos
Veja as regras estabelecidas pela IUPAC para a nomenclatura dos alcinos normais e ramificados.
Cadeia numerada de um hidrocarboneto
Numeração dos carbonos na cadeia principal de hidrocarbonetos
Clique e aprenda a realizar a numeração dos carbonos na cadeia principal de hidrocarbonetos!
Cápsulas de fosfoetanolamina, a pílula do câncer
Propriedades da fosfoetanolamina
Conheça as propriedades da fosfoetanolamina, substância apontada como a possível cura do câncer.
video icon
Português
Terra sonâmbula | Análise literária
Assista à nossa videoaula para conhecer um pouco mais da obra “Terra sonâmbula”, romance do importante escritor moçambicano Mia Couto. Confira nossa análise!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Português
Preposições
Vamos aprender mais sobre essa classe conectiva de termos?