Whatsapp icon Whatsapp

Reações de auto-oxidorredução

As reações de auto-oxidorredução são aquelas em que uma única substância presente no reagente sofre os fenômenos de oxidação e redução.
A eletrólise da água é um exemplo prático de reação de auto-oxidorredução
A eletrólise da água é um exemplo prático de reação de auto-oxidorredução

Reações de auto-oxidorredução são aquelas em que há uma substância no reagente que apresenta um átomo sofrendo redução e outro sofrendo oxidação, ou seja, na reação, uma única substância atua como oxidante e redutor.

  • Oxidação: identificada a partir do aumento do NOX de um mesmo elemento químico, do reagente ao produto;

  • Redução: identificada a partir da diminuição do NOX de um mesmo elemento químico, do reagente ao produto.

Para facilitar a compreensão de uma reação de auto-oxidorredução, vamos partir de um exemplo prático. Acompanhe:

Identificando uma equação de auto-oxidorredução

  • Passo 1:

Para identificar uma reação de auto-oxidorredução, é fundamental que seja determinado o NOX de cada um dos átomos presentes em cada substância dos reagentes e dos produtos:

Cl2 = Cl apresenta NOX 0 por estar em uma substância simples;

NaOH = Na tem NOX +1 por ser da família IA; O apresenta NOX -2 por ser ametal da família VIA, e H tem NOX +1 por estar perto de um ametal mais eletronegativo);

H2O = O apresenta NOX -2 por ser ametal da família VIA, e o H tem NOX +1 por estar perto de um ametal mais eletronegativo;

NaCl = Na tem NOX +1 por ser da família IA, e o Cl apresenta NOX -1 para que a somatória dos NOX da molécula seja igual a 0;

NaClO3 = Na tem NOX +1 por ser da família IA; O apresenta NOX -2 por ser ametal da família VIA; e o NOX do Cl é +5, pois o Na vale +1 e os três oxigênios valem -6, o que resulta em uma soma de -5. Assim, para zerar, a molécula do Cl vale +5.

  • Passo 2: Analisar quais elementos apresentaram variação do NOX e qual é a característica dessa variação (se houve aumento ou diminuição do NOX).

Analisando a equação, podemos observar que o único elemento químico que teve o NOX modificado do reagente para os produtos foi o Cloro (Cl). No reagente, o Cloro aparece com o NOX 0, mas, nos produtos, ele aparece com NOX -1 e +5.

Quando o NOX do cloro varia de 0 a -1, do reagente para o produto, ele sofre o fenômeno da redução. Quando o NOX varia de 0 a +5, do reagente para o produto, ele sofre oxidação.

Como a espécie Cl2 está passando pelo fenômeno da redução e da oxidação simultaneamente, ou seja, ele é o agente oxidante e o agente redutor, podemos afirmar que se trata de uma reação de auto-oxidorredução.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Como balancear uma equação de auto-oxidorredução

Passo 1: determinar a variação do NOX para a redução e para a oxidação.

  • Para a oxidação: o NOX varia de 0 a +5, logo, a variação é de 5;

  • Para a redução: o NOX varia de 0 a -1, logo, a variação é de 1.

Passo 2: encontrar os coeficientes que serão utilizados no balanceamento.

Para isso, basta multiplicar a variação encontrada no fenômeno de redução ou oxidação pela quantidade de átomos na fórmula do reagente:

  • Para redução: 1.2 (número de átomos no Cl2) = 2;

  • Para oxidação: 5.2 (número de átomos no Cl2) = 10.

Como os dois números encontrados podem ser simplificados por 2, os coeficientes são:

  • Em reação à redução: 1;

  • Em reação à oxidação: 5.

Passo 3: utilizar as variações encontradas como coeficientes na equação para iniciar o balanceamento.

Devemos utilizar as variações encontradas no passo anterior como coeficientes nos produtos tomando o cuidado de utilizar a variação encontrada em um dos produtos como coeficiente do outro produto. Assim, a variação 1 será utilizada no produto NaClO3, e a variação 5 será utilizada no produto NaCl.

Passo 4: término do balanceamento da equação.

Para terminar o balanceamento da equação, basta utilizar o método da tentativa. Para isso, sempre é mais fácil verificar primeiro qual elemento químico já tem a sua quantidade definida no produto ou no reagente.

  • Detalhe 1: No produto dessa equação, a quantidade de sódio está fechada, sendo 6 mol de sódio (5 no NaCl e 1 no NaClO3). Por isso, é necessário adicionar o coeficiente 6 na fórmula do NaOH localizada no reagente;

  • Detalhe 2: No produto, a quantidade de cloro está fechada, sendo 6 mol de cloro (5 no NaCl e 1 no NaClO3). Por isso, é necessário adicionar o coeficiente 3 na fórmula do Cl2 localizada no reagente (3 porque, multiplicado pelo 2 da fórmula, resulta em 6, igualando a fórmula do reagente à do produto);

  • Detalhe 3: Como adicionamos o coeficiente 6 na fórmula NaOH, logo, a quantidade de hidrogênio está fechada no reagente. Por isso, devemos adicionar o coeficiente 3 na fórmula H2O, pois a multiplicação de 3 por 2 resulta em 6, igualando a fórmula à quantidade do reagente.

Publicado por Diogo Lopes Dias

Artigos Relacionados

No forno siderúrgico, o ferro metálico é obtido a partir da redução da hematita (agente oxidante) pelo monóxido de carbono (agente redutor)
Agente Redutor e Agente Oxidante
Saiba quais são as características que distinguem um agente redutor de um agente oxidante.
Balanceamento de reações de oxirredução
Todo balanceamento de reações de oxirredução leva em conta que o número de elétrons cedidos deve ser igual ao número de elétrons doados.
Saber que alguns elementos de determinadas famílias na Tabela Periódica possuem o NOX fixo ajuda no cálculo do NOX dos outros elementos do composto
Número de Oxidação (NOX)
Aprenda várias regras que ajudam a calcular o número de oxidação (NOX) dos compostos de uma forma bem fácil.
Na formação da ferrugem, o ferro sofre oxidação e o oxigênio sofre redução
Oxidação e Redução
Aprenda a identificar se está ocorrendo oxidação e redução em alguma reação, e veja exemplos e conceitos relacionados, tais como agente redutor e oxidante.
A fotossíntese é um exemplo de reação de oxidorredução muito importante
Oxidorredução
Entenda a definição de reação de oxidorredução e outros conceitos relacionados, tais como Nox, oxidação, redução, agente oxidante e agente redutor
Não se desespere se você ver que ocorreu mais de uma oxidação (ou redução) em uma mesma reação, pois esse balanceamento é fácil de resolver
Reações com mais de uma oxidação e/ou redução
Conheça um método bem simples de realizar o balanceamento quando em uma reação ocorre mais de uma oxidação e redução.
Reação de oxirredução entre o cobre do espiral e a solução de nitrato de prata*
Reações de oxirredução
Veja como determinar se uma reação é de oxirredução, quais espécies oxidam e reduzem, além de quais são os agentes oxidantes e redutores.
Reação química com efervescência parecida com a da decomposição da água oxigenada
Reações de oxirredução envolvendo água oxigenada
Aprenda a balancear reações de oxirredução que envolvem a água oxigenada (H2O2).
video icon
Português
Emprego de S ou Z
Quando utilizar “s” e quando utilizar “z”? Apesar de apresentarem-se, em algumas palavras, como fonemas idênticos, há regras gerais que precisam ser analisadas para o emprego adequado dessas duas consoantes, o que faremos nesta videoaula!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.