Whatsapp icon Whatsapp

Circular

A circular é um gênero de texto empresarial, veiculado dentro de uma companhia. Por meio desse formato, as empresas transmitem uma mensagem a todos os seus funcionários.
Homem, sentado em mesa de escritório, entrega circular a colega de trabalho.
A circular é um gênero textual de comunicação interna.

A circular é um gênero da área empresarial que é usado por empresas para comunicações internas, quando se deseja levar um assunto a todos os funcionários. Esse formato de texto é produzido por funcionários de cargos mais altos, a fim de informar algo aos demais colaboradores.

Assim, uma circular deve ter uma linguagem formal, impessoal, objetiva, clara, concisa e coerente. Já a sua estrutura é similar à de uma carta comercial, possuindo os seguintes elementos: cabeçalho, número, local e data, ementa, vocativo, corpo do texto, fecho e assinatura. Note que não há o endereçamento para um destinatário.

Leia também: Requerimento — o texto técnico usado para fazer um pedido ou exigência

Resumo sobre circular

  • A circular é um gênero de texto da área empresarial.

  • Empresas se utilizam da circular para se comunicarem internamente, com os seus colaboradores.

  • Nesse gênero, são abordados temas mais gerais.

  • A circular possui a seguinte estrutura: cabeçalho, número, local e data, ementa, vocativo, corpo do texto, fecho e assinatura.

  • A linguagem utilizada no corpo do texto deve ser formal, impessoal, objetiva, clara, concisa e coerente.

Videoaula sobre circular

O que é uma circular?

A circular é um gênero de texto característico da área empresarial. Como o nome já sugere, trata-se de um formato que é difundido dentro de uma empresa, com o objetivo de comunicar um assunto específico a todos os funcionários. Desse modo, para que não ocorram mal-entendidos, o conteúdo da circular deve ser escrito de maneira formal, considerando também a objetividade, a clareza, a concisão e a coerência das informações dadas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quais são as características de uma circular?

Como todo documento formal, a circular deve ser escrita conforme a norma-padrão. Além disso, para evitar desentendimentos ou ruídos na comunicação, a linguagem adotada precisa ser simples e objetiva. Diversos assuntos podem ser abordados em uma circular, desde que sejam temáticas gerais. Por meio desse formato, não poderia ser tratado um tema referente a apenas um setor da empresa, por exemplo, porque a circular é caracterizada por possuir várias cópias. Trata-se, então, de uma comunicação direcionada a diversos setores e funcionários de uma empresa.

Qual é a estrutura de uma circular?

A estrutura da circular é semelhante à da carta comercial. A diferença é que no caso de uma comunicação interna, o destinatário não é mencionado. Acerca do layout, podem ser adotados dois modelos: denteado ou blocado. No primeiro, há recuo nos parágrafos. No segundo, todo o texto é alinhado à esquerda.

Uma circular possui os seguintes elementos, que devem ser organizados nesta ordem:

  • Timbre: refere-se ao cabeçalho com nome ou timbre (completo ou não) da empresa, e a escolha deve ser uniforme em todas as circulares. No timbre completo, além do logotipo, geralmente há os dados da empresa, como o endereço completo e os contatos.

  • Número da circular: consiste na numeração que representa a ordem de produção das circulares da empresa. Esse item é muito útil para controle interno. Exemplo: Circular n.º 050/2023.

  • Local e data: corresponde à indicação da cidade e da data (com mês por extenso e sem zeros à esquerda) em que a circular foi assinada. Exemplo: São José dos Campos, 7 de agosto de 2021.

  • Ementa ou assunto: é um resumo do conteúdo da circular, que deve ser escrito em poucas palavras. Exemplo: Ementa: Mudança do horário de almoço.

  • Vocativo: consiste em uma saudação feita aos funcionários. Podem ser usados diferentes vocativos, como “Prezados”, “Estimados” e “Caros” junto de “colaboradores” ou “funcionários”, por exemplo. Não se esqueça de que após o vocativo, há vírgula! Exemplos: Prezados colaboradores, / Caros funcionários,.

  • Corpo do texto: é a mensagem em si, o assunto que motivou a escrita da circular. Caso haja dois ou mais parágrafos, separe-os por uma linha em branco. Além disso, justifique todo o texto, para que as bordas fiquem mais limpas e o documento fique mais elegante. A justificação deve ser feita em ambos os padrões (blocado ou denteado).

  • Fecho: é o elemento que representa a despedida, na qual podem ser usados termos cordiais como “Atenciosamente”, “Cordialmente”, “Respeitosamente” etc., também seguidos de vírgula para antecipar a assinatura.

  • Assinatura: compreende três elementos, nesta ordem: a assinatura propriamente dita, o nome completo e o cargo/função de chefia de quem emitiu a circular. Por questões de segurança, o nome completo da pessoa que assinou deve ser impresso. Não há linha para a assinatura.

Importante: Uma circular precisa ser legível, por isso a escolha e o tamanho da fonte são muito importantes. As fontes mais utilizadas para compor esse gênero são Arial, Times New Roman e Calibri, e o tamanho da letra é normalmente 12, seguindo os padrões da ABNT. O espaçamento entre linhas é simples.

Leia também: Procuração — gênero utilizado para delegar poderes a outra pessoa

Como se faz uma circular?

Para compor uma circular, siga este passo a passo:

  1. Se a empresa não possuir timbre completo, escreva o nome e os dados da companhia no cabeçalho. Verifique a ordem de produção das circulares e acrescente a numeração correspondente, acompanhada do ano. Em seguida, adicione cidade e data alinhadas à esquerda.

  2. Defina, em poucas palavras, a ementa ou o assunto da circular.

  3. Escolha o vocativo que será utilizado para se referir aos funcionários.

  4. Desenvolva o texto de maneira eficiente e direta. Lembre-se de utilizar uma linguagem formal, mas simples, para que a mensagem da circular seja compreendida por todos. Não use termos complexos ou muitas palavras para dizer algo que poderia ser dito de maneira sucinta. Em vez de construções prolixas como “Vimos por meio desta circular comunicar que...”, use “Comunicamos que...”.

  5. Escolha a forma de encerramento mais adequada.

  6. Adicione as informações de assinatura: nome completo e cargo/função.

  7. Imprima e assine a circular.

Exemplo de circular

ALPHA TECH LTDA.
CNPJ: 18.500.878/0001-50
Av. Rio Branco, 318 - Centro, Rio de Janeiro - RJ
(21) 3333-3333 | E-mail: diretoria@alphatech.com

Circular n.º 008/2023

Rio de Janeiro, 26 de maio de 2023.

Ementa: Mudança do sistema de acesso

 

Prezados colaboradores,

Informamos que haverá uma mudança no sistema de acesso ao prédio e que, até 15 de abril de 2023, todos os crachás serão substituídos. A entrega do crachá novo está sujeita à devolução do antigo para descarte.

 

Atenciosamente,

 

SoniaAGuerra

Sonia Azevedo Guerra
Vice-diretora da Alpha Tech

Quais são as diferenças entre circular e memorando?

A circular e o memorando são formatos de texto que se relacionam à comunicação interna de uma empresa. No entanto, a principal diferença consiste no destinatário. Enquanto a circular é desenvolvida com o objetivo de informar algo a todos os setores e funcionários de uma empresa, o memorando tem como característica principal a comunicação entre setores da empresa. Desse modo, pode-se dizer que a circular tem uma temática mais geral e o memorando aborda assuntos mais específicos, que podem, até mesmo, ser sigilosos. Para saber mais sobre a estrutura do memorando, clique aqui.

Publicado por Nathalia Thamiris da Silva de Abreu

Artigos Relacionados

Ata
Entenda a finalidade de uma ata, as suas regras de uso e como fazer alterações e correções quando elas forem necessárias. Saiba a diferença entre ata formal e informal.
Carta
Clique aqui e aprenda quais são as características e a estrutura de uma carta. Saiba também como escrever uma e quais são os tipos de carta que existem.
Carta comercial
Saiba quais são as principais características de uma carta comercial. Aprenda a escrever esse tipo de carta e veja algumas variações e exemplos.
Memorando
Descubra o que é o memorando, aqui! Saiba os tipos, as características e a estrutura desse gênero. Aprenda como fazer um memorando e a diferença entre ele e ofício.
Procuração
Entenda o que é uma procuração. Saiba quais são suas principais características e estrutura. Veja também como fazer uma procuração e seus tipos existentes.
Redação técnica
Descubra quais as principais características da redação técnica, quais são os gêneros e suas funções, e tudo que você precisa saber para produzir o seu texto.
Requerimento
Saiba o que é um requerimento, quais são os seus tipos, características e estrutura. Veja dois exemplos dos requerimento mais utilizados no cotidiano.