Whatsapp icon Whatsapp

Desequilíbrio ambiental

Desequilíbrio ambiental ocorre quando algum evento, natural ou consequente da ação humana, impacta negativamente o equilíbrio daquele ecossistema.
Quando poluímos o ambiente, estamos afetando negativamente diferentes seres vivos.
Quando poluímos o ambiente, estamos afetando negativamente diferentes seres vivos.

Desequilíbrio ambiental são alterações em um ecossistema que o afetam de maneira negativa. De maneira geral, em um ecossistema, seres vivos e meio ambiente estão em equilíbrio. Alterações nessa dinâmica podem ser responsáveis, por exemplo, por eventos de extinção. Os seres humanos podem desencadear desequilíbrio ambiental, entretanto, eventos naturais podem também ser responsáveis pelo processo.

Leia também: Impactos ambientais – alterações no meio ambiente provocadas pelo homem e suas atividades

Resumo sobre desequilíbrio ambiental

  • É uma alteração que provoca efeitos negativos no ecossistema.

  • Pode ter causas naturais ou ser desencadeado pelo homem.

  • A poluição, a caça, a pesca e a introdução de espécies exóticas podem ser suas causas.

  • Uma das suas consequências é a redução da biodiversidade.

O que é o desequilíbrio ambiental

Em um ecossistema, seres vivos e o meio ambiente permanecem em equilíbrio. Quando os fatores abióticos (fatores físicos e químicos, como luminosidade, chuva e temperatura) de um ecossistema sofrem alteração, esse equilíbrio pode ser rompido. Ele também é afetado quando um ser vivo aumenta ou diminui em quantidade ou é eliminado em determinado local. O desequilíbrio ambiental pode ocorrer como consequência de diferentes fatores, indo de desastres naturais até a ação humana.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Causas do desequilíbrio ambiental

As causas do desequilíbrio ambiental são variadas e podem ser consequência de fatores naturais bem como da atividade humana. No que diz respeito aos fatores naturais, o desequilíbrio ambiental pode decorrer de terremotos, furacões, tempestades e vendavais.

Tais eventos podem provocar a morte de várias espécies e alterar as condições ambientais de uma região, provocando danos na comunidade biológica ali encontrada. Em determinadas situações, os impactos de desastres ambientais são tão intensos que a região demora anos para se recuperar por completo.

No que diz respeito à ação humana, vários são os eventos que contribuem para o desequilíbrio ambiental.

  • Poluição

Turbinas usadas na produção de energia eólica.
É fundamental buscarmos alternativas para diminuir nosso impacto negativo sobre o planeta.

A poluição, por exemplo, pode alterar as características do ambiente de tal forma que impede que as espécies que vivem no local consigam se reproduzir e se alimentar. O lançamento de esgoto doméstico em um ambiente aquático, por exemplo, pode ser responsável pelo processo de eutrofização, que provoca a redução de oxigênio da água, alteração de pH e redução da biodiversidade da área afetada.

  • Videoaula sobre poluição

  • Queimadas

Além da poluição, não podemos deixar de citar as queimadas, responsáveis por matar várias espécies de animais e plantas, provocar poluição atmosférica e prejudicar a fertilidade do solo.

  • Videoaula sobre queimadas

  • Desmatamento

O desmatamento é também um exemplo de ação que provoca desequilíbrio ecológico. Ao desmatar uma área, estamos destruindo a casa de várias espécies animais e também retirando plantas, das quais muitos obtêm seu alimento. A retirada de árvores assim como as queimadas podem prejudicar a qualidade do solo e, além disso, impactar negativamente no clima de uma região, influenciando até mesmo no regime de chuvas.

  • Videaula sobre desmatamento

  • Introdução de espécies exóticas

O desequilíbrio ecológico também pode ser provocado pela introdução de espécies exóticas. Algumas espécies, ao serem inseridas em um novo habitat, não conseguem encontrar os recursos necessários para a sua sobrevivência. Outras, no entanto, conseguem se adaptar às características da nova região, reproduzindo-se e se espalhando pela área.

O problema, nesse último caso, está no fato de que essa nova espécie, por não encontrar predadores naturais, pode se espalhar de maneira exagerada, prejudicando o desenvolvimento de espécies nativas. Algumas espécies são responsáveis até mesmo por provocar a extinção de outras.

Um dos casos mais conhecidos de introdução de espécies exóticas foi a do caramujo-gigante-africano em nosso país. Essa espécie foi trazida para o Brasil a fim de substituir do escargot. Entretanto, sua aceitação foi pouca e as criações, abandonadas. Sem predadores naturais, a espécie se espalhou pelo território nacional, causando danos à agricultura e também transmitindo doenças.

  • Caça e pesca descontroladas

Outro problema que causa desequilíbrio ambiental diz respeito à caça e à pesca descontroladas. Toda espécie apresenta importância no ecossistema, e sua redução ou eliminação é responsável por alterar toda a dinâmica no ambiente. A pesca utilizando redes, por exemplo, pode causar desequilíbrio ambiental pelo fato de garantir a retirada de diferentes espécies do ambiente aquático, muitas das quais não apresentam interesse comercial e são simplesmente mortas.

Leia também: Queimadas na Amazônia – motivo de preocupação entre ambientalistas e opinião pública

Consequências do desequilíbrio ambiental

O desequilíbrio ambiental pode desencadear diferentes consequências, as quais podem ter impacto na vida humana e de várias outras espécies. Algumas delas são: redução da biodiversidade, diminuição da qualidade da água e do ar, intensificação de eventos climáticos e aumento dos casos de doenças.

A perda de biodiversidade pode impactar negativamente um ecossistema, uma vez que cada espécie apresenta um papel importante no ambiente e sua retirada pode afetar toda a dinâmica daquela comunidade. Ao provocarmos a extinção de abelhas, por exemplo, podemos afetar a polinização de várias espécies, muitas das quais fornecem frutos que servem de alimento para os seres humanos.

Se, por um lado, a perda de biodiversidade é prejudicial, por outro, a reprodução exagerada de algumas espécies também pode ser danosa. Vejamos, por exemplo, o caso das grandes nuvens de gafanhotos, responsáveis por destruir plantações inteiras.

O desmatamento também traz consequências para os seres humanos, desencadeando impacto negativo até mesmo sobre o clima. O desmatamento da Amazônia, por exemplo, afeta o regime de chuvas em várias regiões e não somente na região da floresta. Ele também é responsável por provocar intensos períodos de seca, que podem acentuar a questão da fome em algumas regiões.

Não podemos deixar de citar também o impacto do desequilíbrio ambiental no desenvolvimento de doenças. Esse desenvolvimento está relacionado, por exemplo, com a alteração da dinâmica ecológica de vetores e também é devido ao contato dos seres humanos com animais silvestres, os quais podem ser responsáveis pela transmissão de zoonoses.

É importante deixarmos claro que o desequilíbrio ambiental pode ser prejudicial para a nossa geração, entretanto, anos e anos consecutivos de degradação podem provocar consequências ainda mais graves para as gerações futuras, que podem enfrentar até mesmo fome e escassez de água. Sendo assim, devemos cuidar do meio ambiente agora a fim de melhorarmos a nossa qualidade de vida e também garantirmos um planeta saudável para as próximas gerações.

Desequilíbrio ambiental no Brasil

No Brasil, assim como em várias partes do mundo, a ação humana tem provocado inúmeros desequilíbrios ambientais. Queimadas na Amazônia e no Pantanal, por exemplo, são ações cada vez mais comuns em nosso país e que tendem a provocar grandes desequilíbrios ambientais. Perda de biodiversidade e empobrecimento dos solos são apenas duas consequências das queimadas nessas regiões. Como mencionado, a destruição da vegetação na Amazônia pode também colocar em risco o regime de chuvas em várias regiões do país.

O Brasil sofre também com outros problemas, como o uso exagerado dos recursos naturais, a poluição, a destruição de habitat provocada pelo desmatamento, e a introdução de espécies exóticas.

Além do famoso caso do caramujo-gigante-africano, outro exemplo de desequilíbrio ambiental provocado pela introdução de espécies exóticas é o caso do mexilhão-dourado, uma espécie introduzida no Brasil na década de 1990 e que tem causado grande impacto ambiental. A presença desses animais altera, por exemplo, a comunidade planctônica e promove mudanças na estrutura e composição de espécies de comunidades bentônicas.

Não podemos deixar de citar também grandes desastres ambientais no Brasil que causaram grande desequilíbrio, como o rompimento da barragem em Mariana, em Minas Gerais, o rompimento da barragem em Brumadinho, também em Minas Gerais, e as manchas de óleo que atingiram o Nordeste no ano de 2019.

Publicado por Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos Relacionados

O urso polar está sendo afetado pelo degelo das calotas polares
Aquecimento global e a biodiversidade
Entenda a relação entre o aquecimento global e a biodiversidade e conheça alguns exemplos de como as mudanças climáticas podem afetar os seres vivos.
Achatina fulica e seus ovos.
Caramujo-africano-gigante (Achatina fulica)
Espécie exótica invasora, responsável por grandes impactos econômicos e ambientais.
A destruição de habitat é uma das causas da perda da biodiversidade
Causas da perda de biodiversidade
Conheça as principais causas da perda de biodiversidade e a importância da conservação de espécies.
Desmatamento
Descubra as principais causas e consequências do desmatamento. Conheça os biomas brasileiros mais atingidos nos últimos anos e quais são os países que mais desmatam.
A biodiversidade dos ecossistemas brasileiros
Ecossistemas
A definição e os tipos de ecossistemas brasileiros.
A poluição da água pode levar a um processo de eutrofização
Eutrofização
Compreenda mais sobre o processo de eutrofização, um grave problema ambiental.
Como exemplo dos impactos ambientais negativos, podemos citar a poluição e a morte de animais
Impactos Ambientais
Você já pensou a respeito de como a ação do homem afeta o planeta? Clique aqui e saiba mais a respeito dos impactos ambientais pela ação do homem!
Poluição
Você sabe o que é poluição? Clique aqui, entenda esse conceito, conheça os tipos de poluição existentes e medidas simples para evitá-la.
Queimadas
Clique e veja quais as causas das queimadas, quais tipos de queimadas existem, seus efeitos no meio ambiente global, e como podemos solucionar esse problema.
video icon
Português
Os cuidados com a saúde mental no Brasil
Quando se fala em saúde, os cuidados com a mental são sempre os menores. Em face dessa informação, vê-se que os casos de doenças mentais têm subido assustadoramente nos últimos anos. Nesta aula, o profº. Guga discute o problema e dá aquela força no repertório para sua redação.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.