Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia humana
  4. População
  5. Envelhecimento populacional

Envelhecimento populacional

Os fatores que explicam o envelhecimento populacional estão ligados à queda da fecundidade e da taxa de mortalidade bem como ao aumento da expetativa média de vida das pessoas. Melhorias na saúde e qualidade de vida são fatores determinantes desse processo, e isso gera impactos positivos, quanto à média de vida das pessoas, e negativos, quanto aos efeitos na economia de um país.

O mundo vive essa perspectiva e realidade de crescimento da taxa de envelhecimento da população, e no Brasil esse aspecto não é diferente, o que se deve analisar em paralelo a essa realidade é o gradativo aumento de população. Na Europa, a população envelheceu e não se renovou, sendo um assunto de relevância social para o continente.

Leia também: Quais são os tipos de crescimento populacional?

Fatores que explicam o envelhecimento populacional

O envelhecimento populacional é um fenômeno que tem ocorrido em escala global. Ao contrário do que muitos pensam, ele é resultado do declínio da taxa de fecundidade e não especificamente do declínio da taxa de mortalidade. Para que uma população envelheça, é necessário ter-se maior população idosa, e para isso, o número de nascimentos precisa diminuir-se, configurando uma diminuição na taxa de fecundidade.

Casal de idosos.
Casal de idosos.

Diversos são os fatores que contribuem para esse envelhecimento populacional, dentre eles destaca-se a expectativa média de vida brasileira, que aumentou significativamente nos últimos anos, estando em uma média atual de 76,7 anos. Fatores como acesso à saúde (ou melhores condições médico-sanitárias) e qualidade de vida também contribuem para esse processo, bem como o aumento da renda e o acesso à informação e educação.

A soma desses elementos sociais gera um melhor envelhecimento, considerando-se que a população saberá cuidar-se mais e terá mais acesso aos bens e serviços necessários a esse envelhecimento bom e saudável. Isso tudo aliado a políticas públicas (como de seguridade social, aposentadoria, aumento significativo do salário mínimo, velhice assistida, saúde do idoso etc.) gera  um envelhecimento duradouro e saudável, experimentado recentemente pela sociedade brasileira.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Impactos e consequências do envelhecimento populacional

O envelhecimento da população, no Brasil ou no Mundo, traz diversas consequências. Essas consequências nem sempre são positivas, apesar de que ter uma população idosa significa melhorias nas condições políticas e sociais de um país.

O envelhecimento aumenta diretamente as demandas sociais e econômicas de um país e afeta a política previdenciária, que toma conta de fatores como:

  • assistência social ao idoso e aposentadoria
  • idade mínima para aposentar
  • proteção social, entre outros

Quando se trata dessas políticas, deve-se considerar demandas específicas a essa parcela da população, como o lazer, que, apesar de ser algo simples, demanda investimento.

Política pública de assistência médica ao idoso.
Política pública de assistência médica ao idoso.

Frente a todas essas demandas, percebe-se que há a necessidade de fortes investimentos econômicos e políticos na criação de leis de amparo à população idosa. Esses fatores podem ser um problema a ser enfrentado pelo país ao considerar a equação entre sua população e a geração de riqueza, pois existem países com um número alto de população idosa e um número baixo de população econômica ativa (PEA), que gera riqueza e receita para a manutenção da sociedade.

Veja também: Desafios demográficos do século XXI

Envelhecimento populacional no mundo

O envelhecimento da população mundial é uma realidade presente desde o século XIX. Atualmente essa onda está sendo mais forte nos países subdesenvolvidos, principalmente após a metade do século XX, por volta de 1960, quando foi observado que os países mais pobres estavam experimentando o declínio das taxas de fecundidade e natalidade e o aumento da expectativa média de vida e qualidade de vida de sua população.

O fenômeno do envelhecimento é relativamente novo a todos os países, sendo experimentado primeiro nos chamados países desenvolvidos, entre meados dos séculos XIX e XX. A principal razão associada a esse drástico declínio é a elevação do nível de vida da população, traduzida por:

  • urbanização adequada das cidades;
  • melhoria nutricional;
  • elevação dos níveis de higiene pessoal;
  • melhores condições sanitárias em geral, e, particularmente, condições ambientais no trabalho e nas residências muito melhores que antes.

No caso de países mais pobres ou subdesenvolvidos, essa realidade é mais atual, sendo que a maior parte desses países só pôde vivenciar tal fenômeno a partir da década de 1960, como mostra a tabela a seguir:

Expectativa média de vida dos países subdesenvolvidos

1960

1980

2000

2020

45,6

56,6

63,2

68,9

Envelhecimento populacional na Europa

O envelhecimento populacional na Europa já se encontra, nos dias atuais, numa fase diferente do restante do mundo. Por tratar-se de vários países e de suas populações relativamente pequenas, o envelhecimento populacional é um problema social a ser enfrentado por:

  • Portugal
  • Itália
  • Espanha
  • Bélgica
  • Holanda
  • Reino Unido etc.

Esses países possuem grande parcela da população na fase da melhor idade, sendo assim, têm sistemas previdenciários que consomem muito dos seus PIBs, e, ao mesmo tempo, pouca população economicamente ativa, o que gera dificuldade para cobrir-se os gastos com previdência social e políticas de amparo e assistência ao idoso.

Dessa forma, o que se observa é a criação de políticas para reverter esse quadro, dentre elas temos:

  • atração populacional com incentivo à migração, ou seja, atração de pessoas de todo o mundo para morar e trabalhar nesses países;
  • políticas de fecundidade, pelas quais os governos oferecem amparo, como estímulos sociais e financeiros, a casais que queiram ter filhos ou ter um segundo, terceiro filho;
  • bolsas financeiras;
  • ajuda na educação;
  •  melhores oportunidades de emprego e renda.

Envelhecimento populacional brasileiro

O aumento da população brasileira, aliado à queda na taxa de mortalidade, fez com que a população absoluta do Brasil aumentasse bastante de 1970 em diante. Desde então é visto um aumento no número de idosos no país. Observe a pirâmide etária do Brasil em 1991:

O senso do referido ano revela alguns aspectos importantes, com a pirâmide inchada na base e fina no topo: altas taxas de fecundidade e natalidade, baixa expectativa de vida, e número de idosos de aproximadamente nove milhões; quando comparado à pirâmide etária de 2020 (projeção), nota-se algumas mudanças significativas nesse cenário, observe:

aumento nas taxas de fecundidade e natalidade, com significativo aumento na expectativa média de vida; e o número de idosos mais que triplica, revelando melhorias nas políticas sociais, na qualidade de vida, na assistência social e no melhor acesso à educação, saúde e renda. Aspectos como IDH brasileiro saltam, dando melhores condições de vida à população.

Soluções para o envelhecimento populacional

  • Maior planejamento familiar;
  • Maiores investimentos nos serviços previdenciários;
  • Políticas de assistência social e de auxílio ao idoso;
  • Inclusão do idoso no mercado de trabalho adaptado;
  • Geração de renda ao idoso;
  • Política de prevenção a doenças.

Acesse também: Qual a diferença entre povo e nação?

Exercícios resolvidos

Questão 1 – (Vunesp) Embora o Brasil esteja colocado entre os países mais populosos do mundo, quando se relaciona sua população total com a área do país, obtém-se um número relativamente baixo. A essa relação de população x área, damos o nome de:

A) taxa de crescimento

B) índice de desenvolvimento

C) densidade demográfica

D) taxa de natalidade

E) taxa de fertilidade

Resolução

Alternativa D. A relação de divisão entre o número de habitantes de um país e sua área territorial em km² revela a densidade demográfica do lugar.

Questão 2 – (UEM) Leia com atenção a notícia que se segue:

França pagará 750 euros mensais por terceiro filho

O governo francês irá pagar uma licença de 750 euros (cerca de R$ 2.050,00) por mês durante um ano a famílias que decidirem ter um terceiro filho, anunciou ontem o primeiro-ministro do país, Dominique Villepin.

(Folha de S. Paulo, 23/09/2005. Folha mundo, p. A-16.)

A medida anunciada pelo governo francês está diretamente relacionada:

A) à política anti-imigração (xenófoba) e de purificação racial adotada pela França nas últimas décadas.

B) às elevadas taxas de natalidade verificadas no país e em toda a Europa.

C) à sobrecarga no sistema de previdência social francês, em que um número cada vez menor de jovens precisa sustentar um número cada vez maior de aposentados.

D) à aproximação do governo francês com as ideias da Igreja Católica, que proíbe o uso de métodos contraceptivos não naturais.

E) à ideia imperialista de que o poderio econômico de uma nação está diretamente ligado ao tamanho de sua população.

Resolução

Alternativa C. A sobrecarga do sistema previdenciário de alguns países europeus gera a criação de políticas de imigração e o incentivo à natalidade como política pública.

Publicado por: Gustavo Henrique Mendonça
Assuntos relacionados
1º de outubro – Dia do Idoso
Clique aqui e saiba mais sobre o Dia do Idoso e também sobre a Lei n°10.741, também conhecida como Estatuto do Idoso.
O perfil etário dos países europeus indica um envelhecimento da população
Envelhecimento demográfico da Europa
Entenda o que é e quais sãos as causas do processo de envelhecimento demográfico da Europa, um desafio populacional e também econômico.
Atualmente, o Brasil é considerado um “país adulto”
Pirâmide etária da população brasileira
Entenda a estrutura demográfica do nosso país por meio da análise da pirâmide etária da população brasileira.
Atualmente é cada vez mais comum o ingresso da mulher no mercado de trabalho, inclusive em áreas consideradas estritamente masculinas
População feminina no Brasil
Clique e saiba mais sobre a situação da população feminina no Brasil!
O envelhecimento da população mundial traz consigo a preocupação em relação à manutenção do sistema de aposentadorias
Envelhecimento populacional e previdência
Entenda como a relação entre envelhecimento populacional e previdência pode impactar os gastos governamentais.
Compreender os conceitos demográficos é fundamental para entender as dinâmicas populacionais
Conceitos demográficos
Compreenda quais as diferenças entre os mais diversos conceitos demográficos, como densidade demográfica, superpopulação, crescimento vegetativo e muitos outros.
Os desafios demográficos envolvem superar as desigualdades e a intolerância entre as diferentes etnias
Desafios Demográficos do Século XXI
No início do século XXI, entre novos e velhos problemas, os desafios demográficos são colocados para a humanidade. Leia e entenda!
Exemplo de Pirâmide Etária ¹
Pirâmide Etária
Descubra o que é uma pirâmide etária e qual a sua importância e os seus tipos.
As variações demográficas passaram a ser mais bem compreendidas com a teoria da transição demográfica
Transição Demográfica
Entenda o que é, como funciona e quais são as características e estágios da transição demográfica.
O crescimento das populações é motivo para o surgimento de diferentes teorias demográficas
Teorias Demográficas
Conheça as principais teorias demográficas com as suas premissas, bem como as suas críticas e contestações.
Tipos de crescimento populacional
O crescimento populacional possui diferentes tipos com distintas fórmulas de cálculo. Que tal conhecer melhor essas variações através deste texto explicativo?
Quando a densidade demográfica de uma região é considerada alta, dizemos que esse local é densamente povoado *
Densidade demográfica
Você sabe o que é densidade demográfica? Saiba mais sobre esse conceito demográfico importante para estudos que envolvem a população.
<p>A população relativa também é conhecida como densidade demográfica ou densidade populacional. Refere-se à
População absoluta e população relativa
Clique aqui e entenda a diferença entre população absoluta e população relativa, conceitos demográficos que se complementam.
Brasil, um país populoso.
Crescimento da população brasileira
Crescimento da população brasileira, As causas do Crescimento da população brasileira, O primeiro censo realizado no Brasil, As evoluções da população brasileira, O declínio do crescimento da população brasileira, As causas do declínio do crescimento da população brasileira.