Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Botânica
  4. Pteridófitas

Pteridófitas

As pteridófitas são plantas diferentes das briófitas pelo fato de já possuírem um sistema vascular. Por esse fato, possuem uma estatura um pouco maior que os musgos, porém pequena se comparada com as angiospermas. Vivem em ambientes úmidos, possuem raiz e caule definido, podendo ser epífias (vivem sobre o tronco de árvores) ou aquáticas. Os principais exemplos de pteridófitas são as samambaias e as avencas.

A estrutura principal de uma pteridófita é o esporófito, que possui várias pequenas estruturas relativamente circulares chamadas soros, responsáveis pelo processo de reprodução. Nessa época, os soros tornam-se pardos e em seu interior são produzidos os esporos, que levados pelo vento, germinam e dão origem a uma nova planta, isso se houver condições ideais.

Essas plantas são importantes, pois servem na ornamentação de ambientes, na fabricação de xaxins e no âmbito ecológico, pois são a base da cadeia alimentar de muitos seres vivos.
 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
A samambaia pertence as pteridófitas
A samambaia pertence as pteridófitas
Publicado por: Tiago Dantas
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

Uma garota estava observando a samambaia de sua mãe quando percebeu que todas as folhas estavam cheias de pontos escuros na face inferior. Achando que a planta em questão estava estragada, a menina arrancou todas as folhas da planta. De acordo com seus conhecimentos sobre pteridófitas, marque a alternativa que explica corretamente o que são os pontos pretos na folha.

a) Os pontos escuros na face inferior da folha são os chamados báculos, estruturas reprodutoras.

b) Os pontos escuros na face inferior da folha são os chamados soros, estruturas que surgem em resposta a um ataque de fungos patogênicos.

c) Os pontos escuros na face inferior da folha são os chamados soros, estruturas onde são produzidos os esporos.

d) Os pontos escuros na face inferior da folha são os prótalos, a fase gametofítica da samambaia.

e) Os pontos escuros na face inferior da folha são os prótalos, a fase esporofítica da samambaia.

Questão 2

As pteridófitas, diferentemente das briófitas, são plantas vasculares, ou seja, que possuem vasos condutores. Apesar dessa diferença, esses dois grupos ainda apresentam características em comum, tais como:

a) A presença de folhas e sementes.

b) A dependência de água para a reprodução.

c) A fase gametofítica dominante.

d) A fase esporofítica dominante.

e) A presença de flores e frutos.

Mais Questões
Assuntos relacionados
A ação do fotoperiodismo sobre a floração e frutificação dos vegetais (pequi).
Fotoperiodismo e a floração dos vegetais
De acordo com a fotoperiodismo, as plantas podem ser classificadas em plantas de dias longos, plantas de dias curtos e plantas indiferentes.
A semente garante nutrientes para o embrião
Semente
Conheça as principais características da semente e sua importância para os vegetais.
Quais características permitiram que as plantas conquistassem o meio terrestre?
Plantas e o meio terrestre
Compreenda como as plantas conseguiram se desenvolver no meio terrestre.
A samambaia é um exemplo de pteridófita
Ciclo reprodutivo das pteridófitas
Saiba mais sobre o ciclo reprodutivo das pteridófitas, plantas que possuem como representante as samambaias.
A auxina está relacionada com a dominância apical em uma planta
A importância das auxinas para os vegetais
Veja por que as auxinas são tão importantes para as plantas e como elas atuam.
O caule constitui a estrutura física onde se inserem raízes e folhas
Caule
Clique aqui e saiba mais sobre a estrutura interna de um caule.
Fotossíntese
Que tal aprender sobre fotossíntese, o processo que ocorre em plantas, principalmente nas folhas, e em outros organismos? Entenda seu funcionamento e sua importância!
A raiz é uma importante estrutura da planta, pois permite a fixação e absorção de nutrientes
Partes da raiz
Compreenda as partes da raiz e como elas estão relacionadas com o crescimento do órgão.
Os tecidos condutores são o xilema e o floema
Tecidos condutores
Entenda a importância dos tecidos condutores e conheça as diferenças básicas entre o xilema e o floema.
A epiderme, um dos tecidos de revestimento das plantas, é encontrada em órgãos com crescimento primário.
Tecidos de revestimento
Clique aqui e descubra mais sobre os tecidos de revestimento, importantes tecidos que envolvem a planta. Neste texto, abordaremos sobre as principais características da epiderme e da periderme. Além disso, falaremos sobre as funções desses tecidos vegetais.
Os efeitos da coesão-tensão e a capilaridade dos vasos xilemáticos.
Teoria de Dixon
O processo e fatores relevantes no transporte de substâncias nos capilares condutores de seiva bruta.
Cada cacho da pupunheira possui até cem frutos
Pupunheira
Planta típica da região amazônica de bastante interesse econômico.
Alporquia: tipo de reprodução assexuada.
Reprodução assexuada nas angiospermas
Vantagens e exemplos da reprodução assexuada em angiospermas.
O colênquima é encontrado em regiões mais periféricas do órgão
Colênquima
Compreenda mais sobre o colênquima, um tecido de sustentação da planta.