Whatsapp icon Whatsapp

Estrutura e formação das palavras

À medida que passa o tempo, muitas palavras também passam, cedendo lugar a outras novas - fato esse relevante à estrutura e formação de palavras
À medida que passa o tempo, muitas palavras também passam, cedendo lugar a outras novas - fato esse relevante à estrutura e formação de palavras

INCONTESTÁVEL...

Esta seção está SIMPLESMENTE

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

IMPERDÍVEL!!!

Pode até ser que você não tenha percebido, mas os adjetivos que foram atribuídos à seção com a qual você, estimado (a) usuário (a), deparou-se trazem consigo elementos que, à primeira vista, parecem imperceptíveis, os quais fundamentam todos os pressupostos dos quais devemos ter conhecimento para compreendermos a amplitude da forma como se estruturam as palavras que compõem nosso léxico.

Assim, reiterando, mesmo dispondo de um acervo vasto de vocábulos, muitas vezes não nos atentamos ao fato de que todos eles são compostos de unidades mínimas, as quais muitas vezes umas se juntam a outras, não raro, algumas perdem elementos, outras, por meio dessa junção, tornam-se apenas únicas, enfim... Mas, voltando aos adjetivos, torna-se relevante afirmar que em todos eles há um elemento, muitas vezes demarcado por um pedaço de palavra, denominado “radical” e que, junto dele, distintos outros pedaços vêm a se juntar, formando novas palavras, constituídas de novos significados.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dessa forma, temos que esse elemento imutável se apresenta respectivamente demarcado por:

-CONTEST-

-SIMPLES-

-PERD-

Por intermédio dele originaram-se novas palavras, sem dúvida, as quais se estruturaram por elementos antecedentes e precedentes que, em termos conceituais, denominam-se prefixos e sufixos. Prefixos porque se caracterizam como morfemas que, agregando ao radical, situam-se antes dele, e sufixos pelo fato de se conceberem, também como morfemas, mas se situando depois do radical, ajustando-se a ele para formar novos vocábulos.

Assim, caro (a) usuário (a), pelo fato de esta seção estar simplesmente imperdível, não há mesmo como contestar: por meio dela você terá a oportunidade de conhecer desde os aspectos relacionados às origens etimológicas das palavras que subsidiam nosso léxico até os processos de composição, derivação e outros, como, por exemplo, a sigla e a onomatopeia.

Clique, confira e se surpreenda com as informações gentilmente prestadas a você, usuário (a) deste belo e valoroso idioma.


Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Publicado por Vânia Maria do Nascimento Duarte
Assista às nossas videoaulas

Artigos de Estrutura e formação das palavras

As abreviaturas dos internautas remontam um passado histórico
A origem das abreviaturas
Tal prática não é exclusividade dos tempos atuais. Em apenas um clique, descubra o porquê!
Abreviação, abreviatura e sigla – qual a diferença?
Clique aqui e conheça as diferenças entre abreviação, abreviatura e sigla!
As abreviaturas de horas se relacionam a pressupostos específicos
Abreviatura de horas
As abreviaturas de horas seguem alguns pressupostos específicos, tendo em vista os fatos que norteiam a língua.
Os anglicismos são vocábulos da língua inglesa que estão incorporados em nosso idioma, aportuguesados ou não
Anglicismos
Você sabe o que são os anglicismos? Clique e entenda mais sobre a língua e seus empréstimos linguísticos.
As vogais O e U – marcas relevantes
Conheça-as em apenas um clique!
As composições por justaposição e por aglutinação são processos de composição de novas palavras
Composição
Aprenda as composições por justaposição e aglutinação e amplie seus conhecimentos sobre os processos de formação das palavras.
A derivação é realizada pela união de morfemas aos radicais das palavras primitivas
Derivação
Neste artigo você vai estudar sobre os processos de derivação para a formação de novas palavras na Língua Portuguesa.
Derivação imprópria
Saiba qual é a definição de derivação imprópria. Veja alguns exemplos desse fenômeno linguístico e, além disso, faça exercícios para fixar o conteúdo.
Derivação parassintética
Saiba qual é a definição de derivação parassintética e veja alguns exemplos desse fenômeno linguístico. Resolva também exercícios para fixar o conteúdo.
Derivação prefixal (prefixação)
Saiba qual é a definição de derivação prefixal. Veja alguns exemplos desse fenômeno linguístico e faça exercícios para fixar o conteúdo.
Derivação regressiva
Saiba qual é a definição de derivação regressiva. Veja também alguns exemplos desse fenômeno linguístico e faça exercícios para fixar o conteúdo.
Derivação sufixal (sufixação)
Saiba o que é a derivação sufixal e veja alguns exemplos desse fenômeno linguístico. Entenda também a diferença entre sufixo nominal, verbal e adverbial.
Empréstimos linguísticos
Você sabe o que são os empréstimos linguísticos? Clique aqui e descubra!
Estrutura das palavras
Conceitos básicos e classificação dos morfemas.
Formação de palavras
Formação das Palavras
Os principais processos de formação de palavras.
Os hibridismos são palavras formadas por elementos provenientes de línguas diferentes
Hibridismos
Os hibridismos são palavras formadas por elementos provenientes de línguas diferentes. Confira alguns exemplos!
Os morfemas são classificados em desinência, raiz, radical, afixo, tema e vogal temática
Morfemas
Leia este artigo para saber mais sobre os morfemas, as menores unidades de significação que formam as palavras.
Neologismo semântico
Neologismo você sabe o que é, mas já ouviu falar de neologismo semântico? Clique e entenda!
O estudo morfossintático das palavras
Analisar o contexto linguístico é o principal requisito.
As palavras cognatas são aquelas que “nasceram juntas”, apresentando assim aspectos morfológicos e semânticos parecidos
Palavras cognatas
Desde o nascimento, elas são inseparáveis! Saiba mais sobre as palavras cognatas!
Processo de formação das palavras
Derivação? Sufixação? Como realmente isso se dá?
Em 2013, os dicionários da Universidade de Oxford elegeram selfie a palavra do ano por causa do aumento expressivo no número de buscas pelo termo
Selfie ou autorretrato?
Selfie ou autorretrato? Clique aqui e entenda uma das mais novas polêmicas da língua portuguesa.
Os segmentos em destaque nas palavras acima são desinências
Tipos de desinências
Conheça as desinências que marcam o gênero e número nos nomes, e número e pessoa nos verbos.
Os topônimos estão relacionados à filologia, à história e à geografia. Investigar suas origens é um trabalho complexo e minucioso
Topônimos
A história por trás dos nomes dos lugares: Clique e descubra o que são topônimos!
Um adulto quando está com um brinquedo começa a usar as palavras no diminutivo, uma forma carinhosa de interagir com um bebê através do uso do sufixo
Valor semântico dos sufixos
Você sabia que o sufixo pode ser usado com a intenção de desprestígio ou ironia? Confira!
A vogal temática tem a função de ligar o radical às desinências, formando o tema
Vogal temática
Leia este artigo sobre vogal temática e fique por dentro dos processos de estrutura e formação das palavras da Língua Portuguesa.
Vogal temática, vogal de ligação e desinências nominais constituem os morfemas e se distinguem entre si
Vogal Temática, Vogal de Ligação e Desinências Nominais
Entre a vogal temática, vogal de ligação e desinências nominais há diferenças. Deseja conhecê-las? Então não deixe de clicar e conferir!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
videoaula brasil escola
Química
Cinética química
Se ainda tem dúvidas quanto a velocidade das reações, essa videoaula é para você!
video icon
videoaula brasil escola
Português
Redação
Entenda como realizar argumento por causa e consequência com a nossa aula.
video icon
videoaula brasil escola
História
Crise de 1929
A quebra da bolsa de valores de Nova Iorque afetou não só os EUA, como o mundo. Entenda!