Whatsapp icon Whatsapp

Equação do 2º grau

As equações do 2º grau são do tipo ax² + bx + c = 0. A equação do 2º grau possui, no máximo, duas soluções, e para encontrá-las utiliza-se a fórmula de Bhaskara.
Fórmula de Bhaskara escrita em quadro-negro.
Para resolver uma equação do 2º grau, utiliza-se a fórmula de Bhaskara

Equação do 2º grau é uma equação do tipo \(ax^2+bx+c=0\), em que a, b e c são número reais, conhecidos como coeficientes da equação. A equação do 2º grau pode ser completa, se os seus coeficientes são diferentes de 0, e incompleta, caso o coeficiente b ou c seja igual a 0.

Para resolver uma equação do 2ºgrau, utiliza-se diferentes métodos, o principal deles é a fórmula de Bhaskara, mas pode-se resolvê-la também por soma e produto. A equação do 2º grau pode ter duas soluções reais, uma solução real ou nenhuma solução real, e, para verificar a quantidade de soluções, calcula-se o valor do Δ.

Leia também: Jogo de sinais — saber realizá-lo é fundamental para não errar os cálculos matemáticos

Resumo sobre a equação do 2º grau

  • A equação do 2º grau é do tipo ax² + bx + c = 0.

  • Pode ser completa, se os seus coeficientes forem todos diferentes de zero, e incompleta, caso contrário.

  • Para encontrar suas soluções, calcula-se o discriminante Δ e depois utiliza-se a fórmula de Bhaskara.

    • Se Δ > 0, a equação possui duas soluções reais.

    • Se Δ = 0, a equação possui uma solução real.

    • Se Δ < 0, a equação não possui solução real.

  • A fórmula de Bhaskara é:

\(x=\frac{-b±\sqrtΔ}{2a}\)

  • Pode-se resolver a equação do 2º grau pela operação soma e produto.

Videoaula sobre equação do 2º grau

O que é uma equação do 2º grau?

Conhece-se como equação do 2º grau as equações do tipo \(ax^2+bx+c=0\), em que \(a≠0\), e a, b e c são números reais conhecidos como coeficientes da equação do 2º grau.

Exemplos:

2x² + 3x – 4 = 0

x² + 2x = 0

– x² + 14 = 0

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quais são os tipos de equação do 2º grau?

Uma equação do 2º grau pode ser completa ou incompleta. Ela é completa quando possui todos os coeficientes diferentes de 0, e incompleta, caso o coeficiente b ou o coeficiente c sejam iguais a 0. O coeficiente a não pode ser igual a 0, pois, caso fosse, a equação não seria do 2º grau.

As equações incompletas se dividem em três casos, são eles, quando b = 0, quando c = 0 e quando b e c = 0. Veja cada uma deles a seguir.

  • Equação completa: quando os coeficientes a, b e c são diferentes de 0. Exemplos:

x² + 2x – 13 = 0

2x² – x + 4 = 0

– 4x² + 14x – 1 = 0

  • Equação incompleta: quando os coeficientes b ou c são iguais a 0.

    • Equações do tipo ax² + bx = 0: quando c = 0, a equação incompleta não possuirá o coeficiente c, conhecido também como termo independente da equação. Exemplos:

2x² + 5x = 0

-x² + x = 0

2x² + 2x = 0

    • Equações do tipo ax² + c = 0: quando b = 0, a equação do 2º grau não possuirá o termo bx.

2x² – 4 = 0

-x² + 9 = 0

x² – 5 = 0

    • Equações do tipo ax² = 0: quando b e c são iguais a 0, a equação não possuirá o termo bx nem o termo c. Só possuirá uma única solução, x = 0.

\(2x^2=0\)

\(x^2=\frac{0}2\)

\(x^2=0\)

\(x=0\)

Como resolver a equação do 2ºgrau?

As soluções de uma equação do 2º grau, conhecidas também como raízes da equação, são os valores de x que fazem com que essa equação seja verdadeira. Uma equação do 2º grau pode ter duas soluções reais, uma solução real, ou até mesmo nenhuma solução real. Veja, a seguir, os dois métodos para calcular as soluções da equação de 2ºgrau, são eles a fórmula de Bhaskara e a operação soma e produto.

  • Fórmula de Bhaskara

A fórmula de Bhaskara utiliza os coeficientes a, b e c para encontrar a solução da equação. Para resolver uma equação utilizando a fórmula de Bhaskara, calcula-se o discriminante, representado pela letra grega Δ (delta).

\(Δ=b^2-4ac\)

Com o valor do discriminante, é possível saber se a equação possui solução real e quantas soluções são:

  • Se Δ > 0, então a equação possui duas soluções reais.

  • Se Δ = 0, então a equação possui uma solução real.

  • Se Δ < 0, então a equação não possui solução real.

Além do discriminante, é necessário calcular o valor de x pela fórmula de Bhaskara:

\(x=\frac{-b±\sqrtΔ}{2a}\)

Exemplo:

Resolva a equação: x² + 3x – 4 = 0

 Para resolver a equação, primeiro, identifica-se os seus coeficientes:

  • a = 1

  • b = 3

  • c = -4

Agora calcula-se o discriminante:

Δ = b² – 4ac

Δ = 3² – 4 · 1 · (-4)

Δ = 9 – 4 · (-4)

Δ = 9 + 16

Δ = 25

E utiliza-se a fórmula de Bhaskara para encontrar as soluções da equação:

\(x=\frac{-b±\sqrtΔ}{2a}\)

\(x=\frac{-3±\sqrt{25}}{2\cdot1}\)

\(x=\frac{-3±5}{2}\)

Após simplificar a expressão ao máximo possível, ela será dividida em duas soluções, \(x_1\) e \(x_2\). A primeira é considerada a soma entre os números do numerador, e na segunda considera-se a diferença entre os números do numerador:

\(x_1=\frac{-3+5}2=\frac{2}2=1\)

\(x_2=\frac{-3-5}2=\frac{-8}2=-4\)

Então essa equação possui duas soluções, são elas, x = 1 ou x = \(-4\).

  • Soma e produto

A operação soma e produto é um método mais intuitivo de resolução. Utiliza-se a soma e o produto quando as soluções da equação de 2º grau são números inteiros, pois, dada uma equação do 2º grau com soluções iguais a \(x_1\) e \(x_2\), tem-se que:

\(x_1+x_2=-\frac{b}a\)

\(x_1⋅x_2=\frac{c}a\)

Exemplo:

Quais são as raízes da equação x² – 2x – 8 = 0?

Primeiro, deve-se encontrar a, b e c.

  • a = 1

  • b = -2

  • c = -8

Substituindo os valores de a, b e c na fórmula:

\(x_1+x_2=-\frac{(-2)}1=2\)

\( x_1⋅x_2=\frac{-8}1= - 8\)

Agora, uma lista dos números inteiros em que a multiplicação será igual a -8:

\(1⋅(-8)=-8\)

\((-1)⋅8=-8\)

\(2⋅(-4)=-8\)

\((-2)⋅4=-8\)

Dos números da lista, verifica-se qual deles satisfaz a soma, ou seja, o par de números cuja soma é 2.

\((-2)+4=2\)

Note que esse par é o único cuja soma é igual a 2, então as soluções dessa equação são -2 e 4.

Leia também: Como resolver uma equação do 1º grau com uma incógnita

Sistema de equações do 2º grau

Para encontrar as soluções de um sistema de equação do 2º grau, utiliza-se o método de substituição.

Exemplo:

Sistema de equações do 2º grau

Resolução:

Primeiro, isola-se uma das incógnitas na equação do 1º grau:

\(y=5 –x \)

Depois, substitui-se o valor de y na primeira equação:

\(x^2 + y^2 =13\)

\(x^2 + (5 – x)^2 =13\)

\(x^2+ 25 – 10x +x^2 =13\)

\(2x^2– 10x + 25 – 13=0\)

\(2x^2 –10x + 12 = 0\)

Agora que foi encontrada uma equação do 2º grau, ela será resolvida utilizando-se um dos métodos apresentados anteriormente. Resolvendo por soma e produto, tem-se que:

\(x_1+x_2=-\frac{(-10)}2=-(-5)=5\)

\(x_1⋅x_2=\frac{12}2=6\)

Encontrando os números cujo produto é 6:

\(1⋅6=6\)

\(2⋅3=6 \)

Note que, das opões que se apresentam, somente 2 e 3 somam 5, logo, as soluções dessa equação são 2 e 3.

Se x = 2, tem-se que:

x + y = 5

2 + y = 5

y = 5 – 2

y = 3

Se y = 3, tem-se que:

3 + y = 5

y = 5 – 3

y = 2

Assim, as soluções são: S = {(2,3); (3,2)}.

Exercícios resolvidos sobre equações do 2º grau

Questão 1

Dada a equação \(2x^2+4x-8=0\), a soma das suas raízes é igual a:

A) 2

B) 1

C) 0

D) -1

E) -2

Resolução:

Alternativa E

Pela fórmula de soma e produto, tem-se que:

\(x_1+x_2=-\frac{b}a\)

\(x_1+x_2=-\frac{4}2\)

\(x_1+x_2=-2\)

Questão 2

Um retângulo tem lados medindo (x + 5) e (x – 3). Se a área desse retângulo é de 65 cm², então a medida de x é:

A) 4 cm

B) 5 cm

C) 6 cm

D) 7 cm

E) 8 cm

Resolução:

Alternativa E

Para calcular a área do retângulo, multiplica-se as suas duas dimensões.

(x + 5)(x – 3) = x² – 3x + 5x – 15 = 65

x² + 2x – 15 – 65 = 0

x² + 2x – 80 = 0

Dada a equação do 2º, tem-se que:

  • a = 1

  • b = 2

  • c = -80

\(Δ=b^2-4ac\)

\(Δ=2^2-4⋅1⋅(-80)\)

\(Δ= 4 +320\)

\(Δ= 324\)

\(x=\frac{-b±\sqrtΔ}{2a}\)

\(x=\frac{-2±\sqrt{324}}{2⋅1}\)

\(x=\frac{-2±18}2\)

\(x_1=\frac{-2+18}2=\frac{16}2=8\)

\(x_2=\frac{-2-18}2=\frac{-20}2=-10\)

Sabe-se que a medida de um lado do retângulo não pode ser negativa, logo, tem-se que x = 8.

Publicado por Raul Rodrigues de Oliveira
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Consumo de Energia Elétrica
Saiba como calcular o consumo médio de energia elétrica de sua casa.
Equação Fracionária
Você conhece uma Equação Fracionária? Sabe como resolvê-la? Aprenda técnicas para solucioná-las!
Equação exponencial
Entenda o que é uma equação exponencial. Resolva uma equação exponencial, e use as propriedades de potência para encontrar a solução de equações exponenciais.
Equações incompletas do segundo grau
Clique para aprender o que são equações incompletas do segundo grau e conheça maneiras alternativas de resolvê-las.
Equações polinomiais
Aprenda o que é uma equação polinomial. Conheça as principais equações polinomiais, e saiba como elas podem ser resolvidas por meio dos exemplos.
Fórmula de Bhaskara
Clique para aprender a utilizar a fórmula de Bhaskara para encontrar raízes de equações do segundo grau!
Sistema de equação
Sistema, Equação de 1º grau com duas incógnitas, equação, Adição, Método da adição, Método da substituição, Incógnita, Substituição, Solução de um sistema, Sistema de equação.
video icon
Escrito"Matemática do Zero | Retas paralelas cortadas por uma transversal " em fundo azul.
Matemática do Zero
Matemática do Zero | Retas paralelas cortadas por uma transversal
Nessa aula veremos o que são retas paralelas cortadas por uma transversal. Além disso, veremos as porpriedades e nomencaltura dos ângulos formados nessas duas retas cortadas por uma transversal: alternos internos, alternos externos, colaterais internos e colaterais externos.