Whatsapp icon Whatsapp

Área do triângulo

Área do triângulo é igual à metade do produto entre a sua base e a sua altura. Existem, ainda, outras formas de se calcular a área de um triângulo.
Área do triângulo
Área do triângulo

A área do triângulo é igual à medida da sua superfície. Para calcular área de um triângulo qualquer, o método mais comum é multiplicar o comprimento da base e da altura e dividir por dois.

Conhecemos como triângulo um polígono que possui três lados, e, de acordo com as suas características, surgem alguns casos especiais de triângulo, por exemplo, o triângulo isósceles, o triângulo equilátero e o triângulo retângulo. Cada um deles possui uma particularidade no momento de calcular a sua área.

Outra maneira de calcular a área de um triângulo é utilizando a fórmula de Heron, que nos permite calcular a área da figura conhecendo a medida dos seus três lados.

Leia também: Como estudar geometria para o Enem?

Passo a passo de como calcular a área de um triângulo

O triângulo é um polígono que possui três lados, sendo o polígono com menor quantidade de lados. Ele é amplamente estudado devido à grande importância que tem no cotidiano. Existem fórmulas diferentes para o cálculo de área, a depender do triângulo.

Para calcular a área do triângulo utilizando a fórmula mais comum, primeiro identificamos o comprimento da sua base b e o comprimento da sua altura h.

Triângulo ABC com comprimentos de base e de altura

Agora basta calcular o produto entre a base e a altura e dividir por dois, conforme a fórmula a seguir:

Fórmula da área do triângulo

  • A é a área.

  • b é a base.

  • h é a altura.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Exemplo:

Dado o triângulo a seguir, calcule a sua área:

Triângulo com base de 12 cm e altura de 8 cm

A base é b = 12 e a altura é h = 8, então, para calcular a área, temos que:

Cálculo da área de um triângulo com base de 12 cm e altura de 8 cm

Leia também: Diferenças entre figuras planas e espaciais

Área do triângulo isósceles

Um triângulo é isósceles quando possui exatamente dois lados congruentes. Para calcular a área do triângulo isósceles, valemo-nos da mesma fórmula utilizada para calcular a área de um triângulo qualquer. Contudo, o isósceles tem uma propriedade importante: a sua altura é também a mediana da base, logo, quando conhecemos os lados de um triângulo isósceles e não conhecemos sua altura, podemos encontrar o comprimento da altura aplicando o teorema de Pitágoras.

Exemplo:

Calcule a área do triângulo isósceles a seguir:

Triângulo com lados medindo 15 cm e base medindo 18 cm

Note que o triângulo é isósceles e que não conhecemos o comprimento da altura. No entanto, se traçarmos a altura no triângulo isósceles, ela também será a mediana da base.

Triângulo com lados medindo 15 cm e base dividida em 9 cm

Podemos perceber, ao traçarmos a altura, que dividimos a figura em dois triângulos retângulos, e, para calcular a altura pelo teorema de Pitágoras, temos que:

15² = 9² + h²

225 = 81 + x²

225 – 81 = h²

144 = h²

h² = 144

h = √144

h = 12

Então, a altura é de 12 centímetros.

Conhecendo a altura, e sabendo que a base mede 18 centímetros, então, é possível calcular a área:

Cálculo da área de triângulo com base de 18 cm e altura de 12 cm

Leia também: Qual a soma dos ângulos internos de um triângulo?

Triângulo equilátero

O triângulo equilátero possui todos os lados congruentes. Como consequência dos seus lados congruentes, os ângulos são todos de 60º, logo, utilizando trigonometria, é possível desenvolver uma fórmula para a altura e para a área do triângulo equilátero conhecendo apenas a medida dos seus lados.

Triângulo equilátero

As fórmulas para calcular a altura e a área de um triângulo equilátero são:

Fórmulas da altura e da área de um triângulo equilátero

Exemplo:

Calcule a área e a altura de um triângulo equilátero com os lados medindo 4 metros:

Cálculo da altura e da área de um triângulo equilátero com lados medindo 4 m

Área do triângulo retângulo

O triângulo é classificado como retângulo quando um dos seus ângulos internos é um ângulo reto. Nesse caso, os lados que formam o ângulo de 90º são conhecidos como catetos do triângulo, e o outro lado oposto ao ângulo de 90º é conhecido como hipotenusa. Para diferenciar os catetos, eles são chamados de cateto maior e cateto menor, conforme a imagem a seguir:

Triângulo retângulo

Como os catetos são perpendiculares entre si, um deles sempre será a base e o outro sempre será a altura. Sendo assim, podemos achar a área do triângulo retângulo calculando a metade do produto entre os seus catetos.

Fórmula da área do triângulo retângulo

Exemplo:

Calcule a área do triângulo retângulo que possui lados medindo 3 cm, 4 cm e 5 cm.

A hipotenusa é sempre o maior lado, que, no caso, é 5 cm. Então, os catetos são 3 cm e 4 cm, e, para calcular a área, temos que:

Cálculo da área de triângulo retângulo com lados medindo 3 cm, 4 cm e 5 cm

Veja também: Como classificar um triângulo?

Outras fórmulas para calcular a área de um triângulo

Existe outro método para calcular a área de triângulos conhecido como fórmula de Heron. Utilizamos essa fórmula quando conhecemos apenas a medida dos lados do triângulo, mas não conhecemos a altura. Para aplicar a fórmula de Heron do triângulo de lados a, b e c, primeiro calculamos o semiperímetro, ou seja, metade do perímetro do triângulo.

Fórmula de semiperímetro

Conhecendo o valor do semiperímetro, basta utilizar a fórmula:

Fórmula de Heron

Exemplo:

Calcule a área de um triângulo escaleno de lados medindo 6 cm, 8 cm e 10 cm.

Primeiro calculamos o semiperímetro:

Cálculo de semiperímetro de um triângulo escaleno com lados medindo 6 cm, 8 cm e 10 cm

Calculando o semiperímetro, podemos calcular a área:

Cálculo pela fórmula de Heron da área de triângulo escaleno com lados medindo 6 cm, 8 cm e 10 cm e semiperímetro de 12 cm

Exercícios resolvidos

Questão 1 - A demarcação de terras indígenas refere-se à garantia dos direitos territoriais dos indígenas, estabelecendo os limites de suas terras a fim de garantir a sua identidade. Essa demarcação é prevista por lei, assegurada pela Constituição Federal de 1988 e também pelo Estatuto do Índio (legislação específica). A demarcação de terras indígenas é competência da Fundação Nacional do Índio (Funai).

https://mundoeducacao.uol.com.br/geografia/demarcacao-terras-indigenas.htm

Para realizar a demarcação de terras indígenas, a Funai marcou três pontos essenciais para a manutenção desses povos e os ligou, formando um triângulo, conforme a imagem a seguir:

Triângulo BFC na cor verde

Sabendo que o retângulo possui lados medindo 2250 km e 1250 km, a área triangular demarcada para a terra indígena é de:

A) 2.812.500 km²

B) 2.238.400 km²

C) 1.980.350 km²

D) 1.620.800 km²

E) 1.406.250 km²

Resolução

Alternativa E

A base do triângulo é igual ao maior lado do retângulo, e a altura é igual ao menor lado do retângulo.

b = 2250

h = 1250

Agora calcularemos a área:

Cálculo de área de triângulo com altura medindo 1250 km e base medindo 2250 km

Questão 2 - Uma região é delimitada por um triângulo equilátero que possui lados medindo 12 cm. Qual é a área dessa região: (Use √3 = 1,7)

A) 30,7 cm²

B) 35,4 cm²

C) 40,5 cm²

D) 61,2 cm²

E) 122 cm²

Resolução

Alternativa D

Calculando a área do triângulo equilátero com lado l = 12 cm:

Cálculo de área de triângulo equilátero com lados medindo 12 cm

Publicado por Raul Rodrigues de Oliveira

Artigos Relacionados

Classificação de triângulos
Classificação de triângulos: critérios e nomes
Figuras que podem ser decompostas para facilitar o cálculo de sua área.
Cálculo da área a partir da decomposição de figuras geométricas
Clique e aprenda a calcular a área de determinadas figuras geométricas pelo processo de decomposição.
Heron de Alexandria
Fórmula de Heron
Clique aqui e aprenda o que é e quando utilizar a fórmula de Heron.
Triângulo equilátero
Triângulo equilátero
Conheça o triângulo equilátero. Aprenda quais são suas propriedades. Veja a fórmula para calcular a área e a altura dessa figura.
Triângulo equilátero inscrito numa circunferência
Área do triângulo equilátero inscrito
Exemplos de triângulos equiláteros formados por outros três triângulos congruentes obtusângulos
Triângulos
Clique para aprender o que são os triângulos e conheça quais os elementos dessa figura e as suas principais propriedades.
Unidades de medida de comprimento
Conheça as unidades de medida de comprimento e saiba qual é a oficial. Aprenda como utilizar seus múltiplos e submúltiplos e também como transformá-las.
Área da Coroa do Círculo
Clique aqui e aprenda como encontrar a área da coroa do círculo.
Dados são hexaedros regulares (cubos)
Área do cubo
Clique para aprender a calcular a área do cubo, bem como sua área lateral e a área de suas bases.
Área do círculo
Demonstração da fórmula da área do setor circular.
Área do hexágono regular
Demonstração da fórmula da área de um hexágono regular.
Área do retângulo
Área do retângulo
Clique aqui, conheça a fórmula do cálculo da área do retângulo e aprenda a utilizá-la. Saiba também como calcular a diagonal e o perímetro do retângulo.
Pirâmide que sofreu uma secção transversal
Área do tronco da pirâmide
Clique e aprenda a calcular a área do tronco da pirâmide e nunca mais erre em questões sobre esse assunto!
video icon
Português
Estrela da vida inteira I Análise literária
Descrição do vídeo: Assista a nossa videoaula para conhecer um pouco mais da obra Estrela da vida inteira, do poeta brasileiro Manuel Bandeira. Confira nossa análise!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas