Pantanal

O Pantanal é um bioma brasileiro localizado no Centro-Oeste do Brasil, nos Estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Rico em biodiversidade, apresenta diversas espécies de fauna e flora. Possui um clima tropical, com duas estações do ano bem definidas. É conhecido mundialmente por apresentar relevo plano e áreas de inundação no período das cheias.

Nos últimos anos, o Pantanal tem sido palco de incêndios e queimadas causados pela ação humana com finalidade de implantação de atividades econômicas ligadas à pecuária e agricultura. Esse bioma possui sua economia voltada para o setor primário, com o desenvolvimento recente da agricultura e pecuária, e no setor terciário, destaca-se o turismo.

Leia também: Ilha do Bananal – maior ilha fluvial do mundo

Características do Pantanal

  • Localização do Pantanal

Encontra-se na região Centro-Oeste do Brasil — no Sul do Mato Grosso e no Noroeste do Mato Grosso do Sul.

Também se encontra no Norte do Paraguai e Leste da Bolívia.

Localização do Pantanal brasileiro
Localização do Pantanal brasileiro.
  • Flora do Pantanal

O bioma possui rica biodiversidade de flora, são mais de 2000 mil espécies de plantas, catalogadas pela Embrapa - Brasil, com presença de arbustos, árvores e plantas aquáticas, e floresta densa e fechada. Há destaque para as espécies camalote-da-meia-noite e vitória-régia. Há nessa flora diversas espécies endêmicas, ou seja, que só existem naquelas condições ambientais.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A flora pantaneira tem alto potencial econômico:

  • pastagens nativas
  • plantas apícolas
  • comestíveis
  • medicinais
Vitória-régia: flor típica da região do Pantanal
Vitória-régia: flor típica da região do Pantanal.
  • Fauna do Pantanal

O Pantanal brasileiro sofre influência direta de três biomas, que são o Cerrado, a Amazônia e a Mata Atlântica. Dessa forma, apresenta rica diversidade de espécies, como:

  • 132 espécies de mamíferos: anta, capivara, veado, onça-pintada, morcego;
  • 85 espécies de répteis, sendo os jacarés com a maior variedade;
  • 463 espécies de aves: tucano, arara, tuiuiú, carão;
  • 35 espécies de anfíbios, como a rã-verde;
  • 263 espécies de peixes: pacu, pintado, bagre, traíra, dourado, piau, jaú (o maior da região).

Veja mais: Recursos naturais – elementos da natureza que podem ser utilizados por atividades humanas

Fauna: jacaré e tuiuiú no Pantanal mato-grossense.
Fauna: jacaré e tuiuiú no Pantanal mato-grossense.
  • Clima do Pantanal

O clima predominante do bioma é o Tropical, caracterizado pela presença de duas estações do ano bem definidas — inverno e verão:

  • Inverno: ocorre de abril a setembro e caracteriza-se pela ausência de chuva e por temperaturas elevadas, com média de 25 ºC.
  • Verão: ocorre de outubro a março e tem-se a presença de chuvas regulares, com temperaturas elevadas, com médias em torno dos 30 ºC.
  • Relevo do Pantanal

O Pantanal está localizado num área de planície, com altitudes médias em torno de 120 metros. Possui perfil do relevo bastante regular, e por esse motivo, apresenta diversas áreas e bacias de inundação, no verão, essas áreas chegam a ser 80% do bioma.

Ao seu redor, localiza-se diversos planaltos, responsáveis por serem divisores de águas e por terem nascentes que alimentam a hidrografia do local.

Relevo: planícies de inundação do Pantanal.
Relevo: planícies de inundação do Pantanal.
  • Solo do Pantanal

Por tratar-se de uma região onde há alagamentos constantes, os solos pantaneiros são pouco desenvolvidos e apresentam alto índice de lixiviação (quando há a lavagem da camada superficial do solo), processo esse que contribui para o baixo grau de fertilidade do solo da região. De acordo com a Embrapa, os solos mais comuns na região são:

  • Planossolos
  • Espodossolos
  • Gleissolos

De modo geral, são solos pobres e ácidos.

  • Hidrografia do Pantanal:

Por possuir uma área de planície de inundação e estar localizado numa porção de relevo plano, circuncidado por planaltos, o Pantanal recebe diversos rios que abastecem suas bacias de inundação. A região compõe a macro bacia hidrográfica do rio Prata e possui rios importantes, como:

  • Rio Paraguai
  • Rio Cuiabá
  • Rio Taquari
  • Rio Piquiri
  • Rio São Lourenço

Veja também: Quais são as atividades que gastam mais água?

Degradação do Pantanal

Nos últimos anos, o Pantanal brasileiro vem experimentando o avanço da fronteira agrícola e pecuária na região. Essas atividades econômicas, ao serem desenvolvidas, geram diversos impactos ambientais, que acabam por afetar a dinâmica do meio ambiente por completo.

Vários incêndios e queimadas foram observadas na área este ano, nos primeiros meses de 2020, o total de incêndios já é superior a 14 mil focos, segundo o IBGE. Esse fator deve-se a atividades

  • de extração de madeira de forma ilegal, com a derrubada de florestas e posterior incêndio;
  • da pecuária, com o preparo de áreas de pastagens para rebanhos bovinos;
  • da agricultura, com o preparo do solo por meio das cinzas das queimadas, que geram sua menor acidez e maior fertilidade, para o posterior plantio.

Todas essas ações na região geram diminuição da fauna e flora, com extinção total de espécies endêmicas (de animais ou plantas), e geram o empobrecimento do solo, com perda de propriedades e desertificação da área. Há a diminuição de nascentes e a perda da hidrografia local, além dos impactos diretos à atmosfera com a emissão de gases prejudiciais à saúde e que contribuem para o efeito estufa e o aquecimento global. Para saber mais sobre a degradação desse importante bioma brasileiro, leia: Queimadas no Pantanal.

Economia do Pantanal

As principais atividades econômicas desenvolvidas na região do Pantanal estão relacionadas ao setor primário da economia:

  • Pecuária: o destaque fica por conta da criação de rebanho bovino, que representa 6% do total do rebanho nacional, com aproveitamento de áreas de pastagens naturais e plantadas. Rebanho geralmente aproveitado para corte.
  • Extrativismo: temos destaque para a retirada de madeira de forma ilegal e de animais com a pesca predatória.

O turismo também possui destaque central no cenário econômico do Pantanal, pois trata-se de um bioma com belezas naturais inigualáveis. A região hoje conta com uma rica rede de hotéis, restaurantes, pousadas e outros serviços relacionados, atraindo diversos turistas todos os anos para conhecer a região do Pantanal, principalmente as bacias de inundação.

Curiosidades do Pantanal

  • O Pantanal é considerado Reserva da Biosfera, pela Unesco, por possuir diversas espécies da fauna e flora mundial;
  • Capivara, tuiuiú e cervo-do-pantanal são animais que estão correndo risco de extinção;
  • 80% do Pantanal ficam inundados na época das cheias;
  • Na região foram catalogadas 3500 espécies de plantas terrestres e aquáticas, o que torna o Pantanal um dos locais com a maior diversidade vegetal de todo o mundo.
  • Ave símbolo do Pantanal chega a medir 1,60 m de uma ponta da asa à outra.
  • O jaú é um peixe símbolo da região, e pode chegar a pesar 120 kg e medir 1,5 m.
Publicado por: Gustavo Henrique Mendonça
Assista às nossas videoaulas
Assuntos relacionados
O aspecto seco do ecossistema Caatinga.
Caatinga
Um bioma brasileiro castigado pelo regime climático.
Rico em biodiversidade, o bioma Cerrado é a segunda maior formação vegetal do Brasil.
Cerrado
Leia este texto e saiba mais sobre o Cerrado. Esse bioma abrange cerca de 22% do território brasileiro e é considerado a savana do Brasil. Aprenda mais a respeito das principais características dessa grande unidade ecológica, as quais perpassam sua fauna, flora, vegetação, hidrografia, solo e conservação.
Micorriza: associação entre fungos e raízes de vegetais superiores.
Micorrizas
Saiba mais sobre esta associação entre fungos e raízes de plantas superiores.
Vegetação caducifólia da Caatinga, que perde as suas folhas no período da seca
Principais biomas brasileiros
Clique e conheça as características dos principais biomas brasileiros.
Queimadas no Pantanal
Clique e veja detalhes da origem e de como se formam as queimadas no Pantanal. Quais os impactos dessa prática na natureza, e o que os dados revelam sobre a região.
Mata Atlântica
Saiba mais sobre a Mata Atlântica. Entenda a fauna e a flora desse bioma. Conheça os impactos ambientais causados na Mata Atlântica.
O bioma Amazônia é o maior do Brasil e considerado a área de maior biodiversidade do planeta.
Amazônia
Aprenda mais sobre a Amazônia. Veja suas principais características quanto à vegetação, fauna, flora, hidrografia e ao clima. Saiba a respeito do seu desmatamento.
O xiquexique e a paisagem da Caatinga
Caatinga
Conheça os aspectos climáticos, geográficos e biológicos da Caatinga, o único domínio morfoclimático 100% brasileiro.
Área de campo no Rio Grande do Sul.
Campos
Os campos são um tipo de vegetação que ocorre em pequenas áreas do Brasil. Confira!