Whatsapp icon Whatsapp

Venezuela

A Venezuela é uma nação localizada na América do Sul. O país possui uma das maiores reservas de petróleo do mundo e tem sua economia baseada no setor extrativista.
Bandeira da Venezuela.
Bandeira da Venezuela.

 A Venezuela é um país localizado na América do Sul. Historicamente, o território venezuelano foi explorado por colonizadores espanhóis, ao longo do processo de colonização da América Latina. A geografia local é marcada por clima e vegetação tropicais. Já economicamente o país tem uma forte base econômica primária, com destaque para a exploração de petróleo, e detém um grande potencial em termos de exploração turística. A Venezuela vivenciou, nas últimas décadas, diversas crises políticas e econômicas, que contribuíram para a deterioração da infraestrutura local e para a emigração da população.

Leia também: Crise na Venezuela — o contexto envolvido na grave crise humanitária que atinge o país

Resumo sobre a Venezuela

  • A Venezuela foi um dos principais locais de exploração da Espanha, sendo ocupada pelos exploradores liderados por Cristóvão Colombo (1451-1506).

  • Historicamente, o país vivenciou diversos governos autoritários, situação presente na atualidade e que impacta negativamente na política e na economia locais.

  • Seu território, situado na América do Sul, faz fronteira com Brasil, Colômbia e Guiana.

  • Sua população vem diminuindo nos últimos anos em razão da emigração de diversos habitantes do país.

  • Sua economia tem como base a exploração mineral, com destaque para a extração de petróleo e gás natural.

  • A grave crise política que vivencia implica a deterioração das suas infraestruturas e a piora da sua economia.

Dados gerais sobre a Venezuela

  • Nome oficial: República Bolivariana da Venezuela

  • Gentílico: venezuelano

  • Extensão territorial: 916.445 quilômetros quadrados

  • Localização: América do Sul

  • Capital: Caracas

  • Clima: tropical

  • Governo: república presidencialista

  • Idioma: espanhol

  • Religiões: 88% (cristianismo), 7% (ateísmo), 5% (outras).

  • População: 28.440.000 habitantes

  • Densidade demográfica: 31 habitantes/quilômetro quadrado

  • Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,726 (elevado)

  • Moeda: Bolívar soberano

  • Produto Interno Bruto (PIB): US$ 482,4 bilhões

  • PIB per capita: US$ 16.055

  • Gini: 41%

  • Fuso horário: UTC–4

  • Relações exteriores: Organização das Nações Unidas (ONU)

  • Divisão administrativa: 23 estados, sendo eles:

    Amazonas

    Delta Amacuro

    Sucre

    Anzoátegui

    Falcón

    Táchira

    Apure

    Guárico

    Trujillo

    Aragua

    Lara

    Vargas

    Barinas

    Mérida

    Yaracuy

    Bolívar

    Monagas

    Zulia

    Carabobo

    Nueva Esparta

    Distrito Capital

    Cojedes

    Portuguesa

     

História da Venezuela

O território da Venezuela foi um dos principais locais de exploração da Espanha na América do Sul. Ele foi ocupado por meio das incursões de Cristóvão Colombo (1451-1506), mais precisamente em 1498, dando início ao processo de ocupação espanhola na região. Como meio de resistência à ocupação dos colonizadores, a população nativa local, encabeçada por Simon Bolívar (1783-1830), iniciou diversas rebeliões que se concretizam na independência da Venezuela, em 1811.

Desde então, mesmo com o processo de independência, aliado à autonomia política e econômica, a Venezuela passou por diversas crises históricas, marcadas pela sucessão de governos ditatoriais, pela instabilidade governamental e pela ocorrência de diversos distúrbios sociais. Nas últimas décadas, por exemplo, o país vivenciou a deterioração da sua democracia por meio da ascensão de governos autoritários, além da derrocada econômica, com o aumento exacerbado de inflação e desemprego.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Etimologia da Venezuela

O termo Venezuela é uma referência à cidade de Veneza (Itália). Os exploradores europeus que chegaram ao recortado litoral venezuelano, assim como aos diversos lagos locais, visualizaram semelhanças entre a paisagem geográfica venezuelana, marcada fortemente pela presença de pequenas casas sobre os corpos de água, e a realidade da cidade turística italiana.

Geografia da Venezuela

A Venezuela é um país localizado geograficamente na América, mais precisamente na América do Sul, e o seu território faz fronteira com Brasil, Colômbia e Guiana. Ela é banhada pelo oceano Atlântico e pelo mar do Caribe.

O relevo venezuelano é bastante diversificado, contando com formações montanhosas, como a cordilheira de Mérida; planaltos cristalinos, como o planalto das Guianas; e, ainda, extensas planícies fluviais e litorâneas.

O clima típico da Venezuela é o tropical, com pequenas variações em termos de condições locais, sendo caracterizado pelas elevadas temperaturas e recorrência de chuvas. A vegetação local é tipicamente de mata tropical, como a Floresta Amazônica.

Mapa da Venezuela

Mapa da Venezuela

Demografia da Venezuela

A Venezuela conta atualmente com cerca de 28 milhões de habitantes. O país tem níveis intermediários de população absoluta e relativa, tendo uma grande concentração populacional em torno do seu litoral e das grandes cidades, sendo os maiores centros urbanos locais em número de habitantes: Caracas, Maracaíbo, Valencia, Barquisimeto, Maracay e Ciudad Guayana.

Em termos demográficos, a grave crise política e econômica que atinge a Venezuela vem fazendo com que a população do país caia significativamente, especialmente por meio da saída de migrantes. Há um grande número de refugiados venezuelanos em países vizinhos, como Colômbia e Brasil. O país também viu a qualidade de vida da sua população diminuir bastante.

Saiba mais: Imigração de venezuelanos para o Brasil

Economia da Venezuela

A Venezuela é um país com uma economia baseada fortemente no setor primário, com destaque para a exploração mineral. A extração de petróleo e de gás natural é o principal motor da economia venezuelana. Além disso, o país destaca-se na produção de minerais como ferro, bauxita, diamante e ouro. A Venezuela também é uma importante produtora regional de alimentos, como cana-de-açúcar, milho, mandioca, cacau e café.

Por sua vez, o setor secundário da economia da Venezuela é caracterizado pela presença de indústrias de bens de consumo, como alimentícia, têxtil, celulose, tabaco, química e petrolífera. Já o setor terciário está concentrado em atividades como serviços, comércios e o setor financeiro. No entanto, ambos os setores foram duramente atingidos pela grave crise política e econômica que vem ocorrendo no país nas últimas décadas.

  • Turismo na Venezuela

O turismo, parte do setor terciário, é tradicionalmente importante na economia venezuelana. O país é um centro regional, especialmente em termos de turismo de praia, aventura e ecoturismo. As praias da Venezuela, assim como as ilhas oceânicas e os parques tropicais, são os principais atrativos turísticos do país.

Contudo, a grave crise política e econômica que atinge a Venezuela assim como a infraestrutura deficiente e o aumento da violência fizeram com que o fluxo de turistas diminuísse significativamente no país. Atualmente, o turismo, assim como outros ramos da economia, enfrenta uma grave crise em termos de retorno financeiro.

Infraestrutura da Venezuela

A Venezuela, apesar de uma sólida infraestrutura construída ao longo das últimas décadas, possui estruturas bastante deterioradas, em razão do cenário da instabilidade política e econômica que atinge o país, implicando questões como diminuição do investimento público e dificuldade de acesso ao capital estrangeiro. Os venezuelanos desfrutam atualmente de um cenário bastante precário em termos de serviços, com acesso restrito aos centros de saúde e educação, assim como cortes recorrentes de abastecimento de água e luz.

O país também vivenciou, nesses últimos anos, um aumento da violência, da vulnerabilidade social e da saída de cidadãos para outros países, especialmente devido às condições estruturais e de serviços insatisfatórias para a sua população.

 Vista aérea da cidade de Caracas, Venezuela.
A Venezuela é um dos países mais desiguais de todo o mundo.

Governo da Venezuela

A estrutura governamental da Venezuela é tradicionalmente formada por uma divisão de Cinco Poderes com base em uma república presidencialista. Porém, mesmo com a referida estrutura política, a Venezuela sofreu, nas últimas décadas, a ascensão de um governo conservador, com base no autoritarismo.

Nesse sentido, mesmo sendo considerada uma democracia, o governo atual venezuelano é marcado pela centralização de poder, pela perseguição política e pela ausência de estâncias claras de participação popular. Ademais, a corrupção no país cresceu acentualmente, assim como as relações internacionais sofreram diversos revezes, especialmente com nações democráticas.

Cultura da Venezuela

A cultura da Venezuela é marcada pela contribuição dos povos tradicionais, especialmente de origem indígena, assim como dos colonizadores espanhóis e dos imigrantes africanos. A influência dos povos caribenhos também é muito forte na cultura da Venezuela.

O país é caracterizado pela presença de várias manifestações folclóricas, danças típicas e gêneros musicais, todos amplamente marcados pelas influências dos indígenas da região. Em termos alimentares, destaca-se o consumo de frutas tropicais, peixes, além de milho, feijão e banana. No esporte, destaca-se o beisebol, o futebol e o basquetebol.

Leia também: Chile — o país que possui uma das maiores economias da América do Sul

Curiosidades da Venezuela

  • A Venezuela é conhecida mundialmente pela sua tradição em concursos de beleza, tendo conquistado diversos títulos no Miss Universo.

  • A seleção de futebol da Venezuela é uma das poucas da América do Sul que nunca disputaram uma Copa do Mundo de Futebol Masculino.

  • A salto Ángel é a cachoeira, localizada na Venezuela, mais precisamente no Parque Nacional de Canaima, considerada a mais alta do mundo.

  • A cidade de Mérida conta com um dos maiores teleféricos do mundo que liga a referida cidade ao pico Bolívar.

  • A Venezuela é o país que conta com as maiores reservas de petróleo reconhecidas entre todas as nações. 

Publicado por Mateus Campos
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

América
Clique aqui e saiba quais são os países que fazem parte da América. Conheça as características geográficas, socioculturais e econômicas desse continente.
América Latina
Veja quais são as principais características geográficas da América Latina. Leia detalhes sobre a história e a cultura dessa porção do continente americano.
América do Sul
Saiba quais são as principais características geográficas da América do Sul. Veja dados sobre a demografia, a economia e a infraestrutura dos países sul-americanos.
Crise na Venezuela
Clique no link e acesse este texto que aborda as raízes da crise política e econômica que atinge a Venezuela desde 2013 e que se agravou com o governo Maduro.
Imigração de venezuelanos no Brasil
Entenda melhor a migração venezuelana para o Brasil, motivada por uma crise política e econômica que assola a Venezuela. Entenda o contexto histórico da crise e quais foram seus reflexos no Brasil, tendo em vista o intenso fluxo migratório dos venezuelanos para cá, que adentram o país passando por Roraima.
Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep)
Leia sobre as origens e motivações de criação da Opep. Entenda também suas principais políticas de controle e o relacionamento do Brasil com a organização.
video icon
Professora ao lado do texto"Aposto".
Português
Aposto
Aposto é o nome que se dá ao elemento sintático que se junta a outro a título de explicação ou de apreciação. Assista a esta videoaula e aprenda um pouco mais sobre o emprego e a classificação desse termo acessório da oração.